Seguir o O MINHO

Actual

Carrinhas de clube de Viana assaltadas durante a noite

em

Foto: DR

Duas carrinhas da Associação Desportiva Darquense, clube da freguesia de Darque, que milita na 2.ª Divisão da AF de Viana do Castelo, foram roubadas na noite deste sábado.

ATUALIZAÇÃO

Assalto: Clube de Viana fica sem duas carrinhas e 4.500 euros em material

As carrinhas são da marca Nissan com matrícula 23 BQ 60 e Renault com a matrícula 46 EZ 51.

O clube publicou um alerta na rede social Facebook a pedir para os seus seguidores que partilhem o alerta.

O Darquense é o último lugar da 2.ª Divisão da AF de Viana do Castelo com cinco pontos em 19 jornadas.

O MINHO está a tentar entrar em contato com a direção do clube.

Recorde-se que, na última semana, as instalações do GD Porto D’Ave, da Póvoa de Lanhoso, foram assaltadas, tendo sido roubadas “praticamente todas as chuteiras” do plantel sénior, além de bolas e equipamentos de treino. O furto gerou uma onda de solidariedade de clubes como SC Braga, Vitória SC, Paços de Ferreira e de outras empresas.

Anúncio

Aqui chegado…

...temos uma pequena mensagem para partilhar consigo. Cada vez mais pessoas lêem O MINHO, jornal estritamente digital, líder de audiências. Ao contrário de outros órgãos de informação, optámos por não obrigar os leitores a pagarem para lerem as nossas notícias, mantendo o acesso à informação tão livre quanto possível. Por isso, como pode ver, precisamos do seu apoio.

Para podermos apresentar-lhe mais e melhor informação, que inclua mais reportagens e entrevistas e que utilize uma plataforma cada vez mais desenvolvida e outros meios, como o vídeo, precisamos da sua ajuda.

O MINHO é um órgão de comunicação social independente (e sempre será). Isto é importante para podermos confrontar livremente todo e qualquer tipo de poder (político, económico ou religioso) sempre que necessário.

Inspirados na filosofia seguida pelo jornal inglês "The Guardian", um dos mais importantes órgãos de comunicação do Mundo, também nós achámos que, se cada pessoa que lê e gosta de ler O MINHO, apoiar o futuro do nosso projeto, este será cada vez mais importante para o desenvolvimento da sociedade que partilhamos, a nível regional. Pela divulgação, partilha e fiscalização.

Assim, por tão pouco como 1€, você pode apoiar O Minho - e só demora um minuto. Obrigado.

Actual

Jovem com esquizofrenia desaparecido há uma semana

De Vilar do Paraíso, em Vila Nova de Gaia

em

Foto: Facebook

A família de um jovem de 23 anos, da zona de Vila Nova de Gaia, distrito do Porto, está à sua procura e pede ajuda a quem tenha informações que possam levar ao seu encontro.

Ricardo Filipe, conhecido por Mota, reside em Vilar do Paraíso, e sofre de esquizofrenia, estando sem medicação desde o dia em que foi visto pela última vez, 06 de fevereiro.

As informações devem ser comunicadas à PSP ou ao pai (919 587 765).

Continuar a ler

Actual

Sete detidos em Famalicão por alegado envolvimento em vaga de assaltos

Número poderá aumentar porque as diligências ainda não terminaram

em

Foto: O MINHO

Sete pessoas foram hoje detidas em Calendário, Famalicão, por suspeita de envolvimento numa vaga de assaltos registada nos últimos dias no concelho, disse à Lusa fonte policial.

Segundo a fonte, o número de detidos “poderá aumentar”, uma vez que “ainda decorrem diligências”.

ATUALIZAÇÃO: Nove pessoas detidas

Detidos por vaga de assaltos em Famalicão eram quase todos familiares – dois deles menores

A operação resultou ainda na apreensão de vário material furtado.

Foto: O MINHO

A PSP, que comandou toda a operação, remeteu para o final da manhã “todos os esclarecimentos” sobre o caso.

A Associação Comercial e Industrial de Vila Nova de Famalicão já tinha manifestado, em comunicado, preocupação pela vaga de assaltos, considerando que estava a colocar em causa a atividade económica dos seus associados e dos comerciantes em geral.

No comunicado, a associação sublinhava a necessidade de serem tomadas “todas as medidas” para garantir “a máxima segurança possível” aos famalicenses”.

A associação foi alvo de uma tentativa de assalto em finais de janeiro.

Continuar a ler

Actual

Costa admite aumentos salariais gerais na função pública a partir de 2020

Primeiro-ministro deu uma entrevista à SIC

em

Foto: O MINHO / Arquivo

O primeiro-ministro admitiu esta terça-feira a possibilidade de haver aumentos salariais para todos os funcionários públicos em 2020, caso a economia apresente indícios de prosseguir uma trajetória de crescimento quando em abril for elaborado o novo cenário macroeconómico.

António Costa assumiu esta posição em entrevista à SIC, depois de ter afastado a possibilidade de o Governo proceder a uma atualização salarial geral na administração pública para o corrente ano.

“Para esta legislatura não estava previsto aquilo que é normal, que é repor a atualização anual dos salários. Este ano, contudo, conseguimos uma margem de 50 milhões de euros e a opção que tínhamos era distribui-los por todos ou concentrá-los numa valorização salarial de quem ganha menos. Esta última é a opção que está decidida”, disse.

Porém, o primeiro-ministro afirmou logo a seguir que a sua expectativa vai no sentido de que, “se o país mantiver a atual trajetória de crescimento e de consolidação das finanças públicas, para o ano se possa retomar a normalidade”.

“Mas isso é um compromisso que só poderemos assumir quando tivermos devidamente definido o cenário macroeconómico para os próximos quatro anos. Quando tivermos o Programa de Estabilidade, que teremos de apresentar em abril, aí poderemos perspetivar o que podemos contar para o período entre 2020 e 2023”, especificou.

Para este ano de 2019, reiterou o primeiro-ministro, a margem disponível para aumentos salariais “vai destinar-se a valorizar os salários mais baixos”.

Continuar a ler

Populares