SC Braga nas bocas do mundo após anúncio da entrada de dono do PSG na SAD

Compra de 21,67% do capital

A notícia da entrada da Qatar Sports Investments (QSI) na SAD do SC Braga, avançada por O MINHO, em primeira mão, pouco depois das 7:30, está a marcar a manhã informativa desta segunda-feira, não só nos órgãos de comunicação nacionais, mas também no estrangeiro.

De Espanha, a França e Alemanha, aos Estados Unidos ou Catar, a compra de 21,67% do capital da sociedade pelo grupo que é proprietário do Paris Saint-Germain (PSG), tem merecido muitos comentários por entre adeptos do futebol mundial.

https://twitter.com/SkyKaveh/status/1579369683702411265

Se, com o negócio, o presidente do SC Braga, António Salvador, se regozijou e El-Khalaifi justificou a aposta se pela pela ambição do clube, apenas a notícia relativa ao mesmo aumentou, de imediato, a exposição mediática do clube da capital do Minho, tendo chegado a dezenas de milhões de seguidores de vários meios prestigiados, em várias partes do mundo, através das redes sociais.

A QSI, do presidente do PSG Nasser Al-Khelaifi, comprou 21,67% das ações da SAD do SC Braga, num negócio que, assegura o clube bracarense, “salvaguarda a total autonomia de decisão” da administração atual do clube, soube O MINHO.

Em comunicado conjunto do SC Braga e da Qatar Sports Investments, a que O MINHO teve acesso ao início desta manhã, é referido que o negócio já foi comunicado à Comissão de Mercado e de Valores Imobiliários e que a compra das ações irá proceder-se ao longo dos próximos meses.

Nascido em Doha, no Catar, Al-Khelaifi foi tenista profissional entre 1992 e 2002, nunca subindo muito para além do lugar 1.000 do ranking mundial. Quando se retirou, foi eleito vice-presidente da Federação de Ténis da Ásia e, desde 2011, é CEO do fundo de investimento QSI. No mesmo ano, o fundo comprou o PSG e o grupo de comunicação Be In. Desde 2013 que é “ministro sem pasta” no Governo do Catar.

 
Total
0
Partilhas
Artigo Anterior

Portugal vai receber o maior evento LGBTQIAP+ da Europa

Próximo Artigo

Rui Pinto diz que tem dado informações à Ucrânia

Artigos Relacionados
x