Seguir o O MINHO

Região

Gronelândia sem gelo e Minho sem verão

Estado do tempo

em

Foto: Paulo Jorge Magalhães / O MINHO / Arquivo

A população minhota entra no primeiro de agosto sem ver sinais de verão. Para este domingo, são esperados aguaceiros por todo o Minho, com as temperaturas a não passarem dos 24 graus de máxima. Este cenário deverá repetir-se ao longo de toda a semana, com aguaceiros a visitarem os distritos de Braga e de Viana do Castelo quase todos os dias.

Fica assim cada vez mais difícil para quem entrou de férias conseguir planear momentos de sol e praia, ao contrário do que sucede, por exemplo, na Gronelândia, onde uma vaga de calor, com temperaturas mais de dez graus, levou a um episódio de degelo da calota glaciar.

De acordo com estações meteorológicas dinamarquesa, a meio desta semana as temperaturas máximas chegaram a ultrapassar os 24 graus naquele território, que é, por exemplo, a mesma temperatura máxima esperada para este domingo em Braga.

Em média, e enquanto o frio substitui o calor no Norte de Portugal, a calota glaciar da Gronelândia está a derreter a cerca de 8 mil milhões de toneladas por dia, o dobro da média normal durante o verão.

Já de volta a Portugal, e de acordo com o IPMA, provavelmente só depois do dia 10 de agosto será possível vermos dias com temperaturas máximas acima dos 30 graus.

Populares