Seguir o O MINHO

País

Atividade turística piora em outubro com redução de 63,3% nas dormidas

Covid-19

em

Foto: DR / Arquivo

O Instituto Nacional de Estatística (INE) confirmou hoje a intensificação da quebra da atividade turística em outubro, com os hóspedes a recuarem 59,7% e as dormidas a diminuírem 63,3% face ao mês homólogo do ano anterior.

Quer a quebra de 59,7% verificada em outubro no número de hóspedes, para um milhão, quer a redução de 63,3% das dormidas, para 2,3 milhões, foram ligeiramente mais intensas do que o INE tinha previsto na sua estimativa rápida de 30 de novembro (-59,3% e -63,0%, respetivamente).

Esta evolução representa uma nova aceleração das quebras homólogas da atividade turística, fortemente impactada pela pandemia de covid-19, que em setembro já tinha sofrido recuos de 50,3% nos hóspedes e de 53,4% nas dormidas.

Populares