Seguir o O MINHO

Ave

Vizela: Árvore evita queda de veículo em ravina

Via de Lagoas

em

Foto: Facebook dos Bombeiros Voluntários de Vizela / DR

Um veículo despistou-se, esta quarta-feira, na via de Lagoas, em Vizela, embatendo contra uma árvore que evitou sua a queda numa ravina, adiantou fonte dos bombeiros.

Para o local, na estrada que liga São Miguel das Caldas a Santo Adrião, terão sido destacados nove operacionais e dois veículos de socorro, incluindo um de desencarceramento.

Foto: Facebook dos Bombeiros Voluntários de Vizela / DR

Tudo começou após a condutora perder o controlo da viatura tendo de seguida capotado e embatido contra um poste de iluminação e uma pequena estação de abastecimento de água, causando o seu rebentamento.

A condutora foi assistida no local tendo recusado o transporte para o hospital.

Os danos causados no sistema de iluminação e água foram prontamente reparados pela EDP e Vimágua.

 

 

Anúncio

Ave

Professora de Celorico de Basto morre com covid-19 aos 40 anos

Covid-19

em

Foto: Facebook

Uma professora de 40 anos, natural de Celorico de Basto, perdeu a vida na sequência de complicações de saúde agravadas pela infeção de covid-19, confirmou O MINHO junto de fonte da família.

Áurea Sofia Silva, natural da freguesia de Agilde, onde foi sepultada na passada terça-feira, terá sido internada no passado dia 25 de março, no Hospital de São João, no Porto, depois de ter sintomas graves provocados pelo vírus SARS CoV 2.

A professora de ciências e matemática numa escola de Matosinhos padecia de uma doença crónica autoimune, entre outras complicações de saúde e já tinha tido complicações respiratórias no início do mês de março, antes de ter testado positivo para o vírus.

Quatro dias antes de ter sido internada, Áurea Silva recorreu a um conhecido grupo das redes sociais onde profissionais de saúde esclarecem dúvidas dos utilizadores para procurar auxílio para o marido, que estava com febre.

A própria referiu que, dias antes, o marido tinha realizados testes para o covid-19, mas que este tinha dado negativo.

Celorico de Basto tem oito casos confirmados de infetados com covid-19, mais um do que ontem, segundo o relatório de hoje divulgado pela Direção-Geral da Saúde.

Braga, com 521 (+98 do que ontem) casos confirmados, Famalicão com 168 (+14) e Guimarães com 161 (+12) são os concelhos da região do Minho mais atingidos pela pandemia.

Existem 1.340 casos confirmados no Minho, mais 149 do que ontem.

Continuar a ler

Ave

Famalicão reduz preço da água

Covid-19

em

Foto: DR

A Câmara de Famalicão anunciou hoje que a fatura de água e saneamento no concelho vai baixar para ajudar de uma forma direta as famílias afetadas pela situação de crise causada pela pandemia de covid-19.

“Numa resposta à previsível diminuição de rendimentos por parte das famílias, a Câmara decidiu alargar os escalões de descontos ao nível das tarifas variáveis (em função do número do agregado familiar) que vai permitir uma redução em média de 12 por cento no valor final da fatura dos consumidores”, refere a autarquia em comunicado.

“A visa apoiar de forma muito concreta as famílias famalicenses durante este período conturbado”, sublinha a Câmara, acrescentando que este apoio preconiza um “esforço significativo” do município. Isto, porque “a água que serve o concelho às Águas do Norte, empresa pública detida pelo Estado e tutelada pelo Governo, que não alterou o preço final do água a pagar pela autarquia”.

A medida vai entrar imediatamente em vigor não tem um prazo de conclusão definido. “Trata-se de um apoio que ultrapassará este período de estado de emergência ao nível de saúde pública e que decorrerá durante a recuperação do equilíbrio social e económico que se seguirá”, explica o Presidente da Câmara Municipal, Paulo Cunha.

Para aderirem a esta medida, as famílias deverão preencher e entregar o requerimento para atribuição da tarifa familiar que está disponível para o efeito no portal do município, sendo obrigatória a adesão à fatura eletrónica e ao pagamento por débito direto.

Continuar a ler

Ave

Novo centro de testes em Celorico de Basto antecipa resposta em duas semanas

Covid-19

em

Foto: Nelo Gonçalves

O centro de diagnóstico da covid-19 que vai começar a funcionar na próxima semana em Celorico de Basto permitirá antecipar, em duas semanas, dezenas de testes que estavam previstos para Amarante, segundo a autarquia local.

O presidente da Câmara de Celorico de Basto, Joaquim Mota e Silva, explicou hoje à Lusa haver naquele concelho do interior do distrito de Braga pessoas que marcaram o exame em número suficiente para preencherem a capacidade do novo centro de diagnóstico ao longo de duas semanas de atividade.

O autarca indicou que o laboratório contratado será capaz de realizar cerca de uma centena de testes por semana.

Joaquim Mota e Silva referiu que a resposta foi articulada com o Serviço Nacional de Saúde e surge no contexto de um entendimento com os municípios vizinhos de Cabeceiras de Basto (Braga) e Mondim de Basto (Vila Real). Os três concelhos, isoladamente, não teriam população suficiente para justificar o funcionamento de um centro de diagnóstico, anotou.

A solução encontrada prevê que os técnicos do laboratório percorrerão, em dias alternados, a partir de segunda-feira, cada uma das sedes de concelho, em instalações cedidas pelas câmaras municipais.

No caso de Celorico de Basto, os testes serão realizados no centro escolar, contando com o apoio logístico do município, incluindo pessoal de segurança e uma enfermeira.

Os testes poderão ser realizados naquele concelho nas manhãs de segunda-feira e quarta-feira, das 08:00 às 12:00, e nas tardes de terça-feira e sexta-feira, das 13:00 às 17:00, sempre sob marcação prévia.

Os resultados, após análise laboratorial, são enviados diretamente ao utente e às autoridades de saúde pública.

Para o autarca, além da rapidez de resposta, a lógica de proximidade associada a esta medida é “muito importante” para um concelho de baixa densidade, recordando haver freguesias de Celorico de Basto que distam mais de 30 quilómetros de Amarante.

Anotou, por outro lado, a vantagem de haver um equipamento com aquelas características num concelho, como Celorico de Basto, onde existem muitos idosos alojados em lares que poderão precisar de ser testados rapidamente.

Segundo dados da Direção-Geral da Saúde, o concelho tem atualmente sete pessoas infetadas com o novo coronavírus, uma das quais a receber tratamentos hospitalares.

O novo coronavírus, responsável pela pandemia da covid-19, já infetou mais de 1,5 milhões de pessoas em todo o mundo, das quais morreram quase 89 mil.

Em Portugal, segundo o balanço feito hoje pela Direção-Geral da Saúde, registaram-se 409 mortes, mais 29 do que na véspera (+7,6%), e 13.956 casos de infeções confirmadas, o que representa um aumento de 815 em relação a quarta-feira (+6,2%).

Continuar a ler

Populares