Seguir o O MINHO

Braga

Reforço policial garante segurança na passagem de ano em Braga

Algumas ruas estarão fechadas

em

Fotos: DR

A passagem de ano em Braga vai contar com um reforço de agentes da PSP e da Polícia Municipal bem como com a colocação de barreiras à entrada de veículos na Avenida Central, em Braga, na noite de fim de ano. Os bombeiros estarão a apoiar e prontos para qualquer eventualidade.


São estas as principais medidas a tomar pela Câmara de Braga que incluem, ainda, agentes à paisana para impedir furtos e roubos ou qualquer  intenção de atentado. António Barroso, do Gabinete da Presidência  disse a O MINHO que “está garantida a segurança dos bracarenses e  dos turistas”.

Os festejos vão originar algumas alterações ao trânsito de automóveis.  O vereador camarário João Rodrigues revelou que fica proibido o estacionamento em toda a Avenida Central entre as 7h00 do dia 31 de dezembro e as 8h00 do dia 1; é, ainda, vedado o trânsito de veículos  na Avenida Central entre as 00h00 e as 00h30 do dia 1 e na Rua do Sardoal e Rua de S. Gonçalo entre as 23h00 de 31 de dezembro e a 1h00 da madrugada do dia 1, o primeiro do ano.

Anúncio

Braga

Homem encontrado morto num bosque do Gerês

Óbito

em

Foto: DR

Um homem, com cerca de 65 anos, foi encontrado morto esta sexta-feira num bosque na vila do Gerês, disse a O MINHO fonte dos bombeiros.

De acordo com Lino Oliveira, 2.º comandante dos Bombeiros de Terras de Bouro, o corpo terá sido encontrado em zona florestal junto às termas da vila do Gerês.

No local estão os Bombeiros de Terras de Bouro, a GNR e as autoridades de saúde para atestar o óbito.

Ao que apurámos, o homem, conhecido como ‘Corso’, é uma figura bastante conhecida daquela vila termal.

A Polícia Judiciária foi chamada para investigar as causas da morte.

Continuar a ler

Braga

Presidente da Câmara de Braga associa-se à campanha ‘Vacina para Todos’

Covid-19

em

Foto: Paulo Jorge Magalhães / O MINHO (Arquivo)

O presidente da Câmara de Braga, Ricardo Rio, é uma das mais de cem personalidades portuguesas que se associaram à campanha ‘Vacina para Todos’, que defende o acesso universal e gratuito à vacina da covid-19, anunciou hoje a autarquia.

Os signatários consideram estas vacinas como um “bem comum global”, devendo ser “livres de qualquer direito de patente pertencente a qualquer pessoa”.

Para Ricardo Rio, citado em nota de imprensa, é fundamental garantir um acesso universal à futura vacina, independentemente da nacionalidade ou capacidade económica: “A covid-19 e os seus efeitos são mais significativos na população mais carenciada, pelo que se torna imperativo assegurar a vacinação a todos”.

O autarca sublinha que esta “é a única forma de combater eficazmente a pandemia” e esta campanha não pretende impor a vacinação, mas “garantir o acesso a todas as pessoas que se queiram vacinar”.

Lançada em Portugal pela Academia de Líderes Ubuntu, um projecto do Instituto Padre António Vieira, a campanha associa-se à iniciativa “Declare covid-19 vaccine a global common good” do Prémio Nobel da Paz Mohammad Yunus,

António Ramalho Eanes, Joana Marques Vidal, Bagão Félix, D. Manuel Clemente, D. José Tolentino de Mendonça, Marçal Grilo, Isabel Alçada, Isabel Jonet, Silva Peneda, Lídia Jorge, Luís Represas, Laborinho Lúcio, Margarida Balseiro Lopes, Nuno Lobo Antunes, Morais Sarmento, Pedro Norton de Matos e Pedro Roseta são algumas das 118 personalidades portuguesas, das mais diversas áreas, que se associaram a esta iniciativa.

A campanha ‘Vacina para Todos’ defende a criação de um mecanismo que determine o “retorno justo dos investimentos em pesquisa para a descoberta de uma vacina covid-19”.

Por outro lado, consideram os signatários, “os resultados da investigação devem ser do domínio público, disponibilizando-os a qualquer unidade de produção que se comprometa a operar sob rigorosa supervisão regulamentar internacional e somente para essas unidades”.

Continuar a ler

Braga

Bombeiros Sapadores de Braga têm nova ambulância

Os Bombeiros Sapadores de Braga têm uma nova ambulância de serviço INEM. “Com esta aquisição o Município de Braga cumpre pela primeira vez o protocolo de ter duas ambulâncias ao seu serviço do INEM e ao mesmo tempo ter duas ambulâncias próprias de serviço de emergência”, sublinhou o vereador da Proteção Civil e Bombeiros Municipais, Altino Bessa. Foto: Altino Bessa / Facebook

em

Os Bombeiros Sapadores de Braga têm uma nova ambulância de serviço INEM. “Com esta aquisição o Município de Braga cumpre pela primeira vez o protocolo de ter duas ambulâncias ao seu serviço do INEM e ao mesmo tempo ter duas ambulâncias próprias de serviço de emergência”, sublinhou o vereador da Proteção Civil e Bombeiros Municipais, Altino Bessa.

Continuar a ler

Populares