Seguir o O MINHO

Famalicão

Primeiro parque canino de Famalicão já abriu

Em Sinçães

em

Foto: Divulgação

Já abriu o Parque Canino de Vila Nova de Famalicão. Com uma área de 288 metros quadrados, o parque localizado em Sinçães, junto à Casa das Artes, foi desenvolvido a partir de um projeto elaborado pela “Espaçus” e a sua implementação foi concretizada pelo município através de um investimento de 12.100 euros.

Para além dos caixotes próprios para os dejetos e dos bebedouros, o espaço está ainda apetrechado com vários equipamentos de agilidade como um túnel, arco para salto, rampa, barras de salto e slalom, permitindo o treino, mas também muita brincadeira.

“Proteção e defesa dos animais tem estado na primeira linha da nossa governação. Desde 2017, quando criamos o pelouro da defesa do animal que estamos a assumir diretamente esta tarefa que é também uma responsabilidade muito grande de defender e proteger os animais”, disse Paulo Cunha, presidente da Câmara.

“Com este parque, estamos a permitir que os animais que não têm um espaço para correr e brincar em segurança, o passam fazer, em condições de excelência, próprias de uma cidade moderna e amiga dos animais”.

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

De resto, o autarca lembrou ainda a campanha lançada recentemente pelo município contra o abandono dos animais. Assente no conceito de que “um ser vivo não é um brinquedo”, a campanha promovida e realizada pela autarquia em colaboração com o movimento “Patas Solidárias” pretende apelar a todas as pessoas e aos famalicenses em particular para que não abandonem os seus animais.

As regras de utilização do espaço que estão afixadas na entrada informam sobre o uso exclusivo para o exercício de canídeos, sobre a responsabilização do acompanhamento dos animais por parte dos seus detentores; recomenda-se a utilização do espaço por animais devidamente desparasitados e vacinados, entre outras normas.

Anúncio

Aqui chegado…

...temos uma pequena mensagem para partilhar consigo. Cada vez mais pessoas lêem O MINHO, jornal estritamente digital, líder de audiências. Ao contrário de outros órgãos de informação, optámos por não obrigar os leitores a pagarem para lerem as nossas notícias, mantendo o acesso à informação tão livre quanto possível. Por isso, como pode ver, precisamos do seu apoio.

Para podermos apresentar-lhe mais e melhor informação, que inclua mais reportagens e entrevistas e que utilize uma plataforma cada vez mais desenvolvida e outros meios, como o vídeo, precisamos da sua ajuda.

O MINHO é um órgão de comunicação social independente (e sempre será). Isto é importante para podermos confrontar livremente todo e qualquer tipo de poder (político, económico ou religioso) sempre que necessário.

Inspirados na filosofia seguida pelo jornal inglês "The Guardian", um dos mais importantes órgãos de comunicação do Mundo, também nós achámos que, se cada pessoa que lê e gosta de ler O MINHO, apoiar o futuro do nosso projeto, este será cada vez mais importante para o desenvolvimento da sociedade que partilhamos, a nível regional. Pela divulgação, partilha e fiscalização.

Assim, por tão pouco como 1€, você pode apoiar O Minho - e só demora um minuto. Obrigado.

Famalicão

Famalicão apresenta cinco ideias para mudar o Mundo

Projetos foram desenvolvidos em contexto de sala de aula

em

Foto: CM Famalicão

O Município de Vila Nova de Famalicão estará representado no seminário final do Projeto “Ter Ideias para Mudar o Mundo” por cinco educadoras de infância de Agrupamentos de Escolas. Este seminário está marcado para hoje, pelas 09:30, na Quinta de Rilhadas, em Fafe.

Este grupo de educadoras do concelho integra o grupo das 15 educadoras dos cinco Municípios da NUT III Ave, que chegaram ao fim do processo de formação do projeto “Ter Ideias para Mudar o Mundo”.

Vila Nova de Famalicão apresenta, então, cinco projetos: “Aromatizar saberes”, desenvolvido na EB de Bairro e “Os castelos”, da EB de Riba de Ave, ambas escolas do Agrupamento de Escolas de Pedome; “Hortinha biológica”, do Centro Escolar de Joane, e “Casinha”, desenvolvido no JI de Vermoim, os dois estabelecimentos do Agrupamento de Escolas Padre Benjamim Salgado; e “Amigos do planeta”, realizado na EB1 Louro/Mouquim/Lemenhe, do Agrupamento de Escolas D. Maria II.

Este seminário final representa o culminar de várias etapas deste projeto, onde as Educadoras de Infância apresentarão publicamente os projetos empreendedores desenvolvidos ao longo do ano letivo 2018/2019.

No dia do seminário final do projeto Ter Ideias para Mudar o Mundo, serão as crianças a apresentar os projetos que desenvolveram durante o ano letivo. Neste dia, também haverá um momento de entrega das “Bandeiras Empreendedoras” aos Diretores das Escolas que participam no projeto.

Continuar a ler

Barcelos

Dois detidos por furtos em estabelecimentos comerciais em Barcelos e Famalicão

Suspeitos de 35 e 39 anos

em

Foto: Divulgação/GNR

A GNR deteve dois homens suspeitos de furtos em estabelecimentos comerciais nos concelhos de Barcelos e Famalicão, sendo as máquinas de tabaco os seus alvos preferenciais, anunciou hoje aquela força de segurança.

Em comunicado, a GNR refere que a detenção ocorreu na quinta-feira, no âmbito de um inquérito que decorre há cerca de três meses no Departamento de Investigação e Ação Penal de Famalicão, pela prática “reiterada” de furtos em estabelecimentos comerciais em todo o distrito de Braga.

A GNR apurou que os suspeitos tinham como propósito o furto de tabaco existente em máquinas de distribuição, para posterior venda.

Eram ainda furtados outros artigos de valor, pelo método de arrombamento.

A GNR realizou quatro buscas domiciliárias e quatro buscas em veículos, que resultaram na apreensão de tabaco, telemóveis, um veículo e 694 euros, além de material furtado e de pés-de-cabra, luvas e alicates alegadamente usados para consumar os crimes.

Os detidos, de 35 e 39 anos, vão ser levados ao Tribunal de Vila Nova de Famalicão, para primeiro interrogatório judicial e aplicação das respetivas medidas de coação.

Continuar a ler

Famalicão

Grande noite das Antoninas de Famalicão abrilhantada por 900 marchantes

Nos Paços do Concelho estão instaladas bancadas para cerca de duas mil pessoas assistirem ao desfile

em

Fotos: CM Famalicão

Vila Nova de Famalicão vive hoje uma das maiores noites do ano, com as tão aguardadas Marchas Antoninas, numa saudável competição entre oito associações e freguesias do concelho.

O cortejo sai para a rua à noite, depois de meses e meses de empenho e dedicação, trabalhados à volta do tema “Júlio Brandão e Vila Nova” e onde cerca de 900 marchantes dão corpo a esse trabalho.

O desfile arranca às 21:00, na Avenida de França, em direção aos Paços do Concelho, atravessando as ruas que percorrem o centro da cidade.

Nos Paços do Concelho um palco rodeado com bancadas para cerca de duas mil pessoas servirá de base para a apresentação de cada uma das marchas, que têm entre 04 a 08 minutos para mostrar ao público e ao júri a originalidade e criatividade da coreografia, arcos, música, letra, guarda-roupa e popularidade.

O júri das marchas é constituído por cinco elementos convidados pelo município: um coreógrafo, um encenador, um escritor, um maestro e um figurinista.

Para além dos lugares do pódio, serão ainda atribuídos os prémios de “Melhor Música”, “Melhor Letra”, “Melhor Coreografia”, “Melhor Guarda-Roupa”, “Melhores Arcos” e “Marcha Mais Popular”.

O anúncio da classificação e dos vencedores será conhecido ao longo da própria noite através do envio da ata do júri às marchas participantes. Na mesma altura, o município utilizará as suas plataformas comunicativas para anunciar a classificação.

Para a noite de quinta-feira, 13 de junho, feriado municipal, está marcada a entrega dos prémios às marchas, na habitual sessão de encerramento das Festas Antoninas que decorrerá no Parque da Devesa, a partir das 21:30.

Refira-se ainda que as Marchas Antoninas serão novamente transmitidas em direto para todo o mundo através do site e facebook do Município, em www.famalicao.pt e www.facebook.com/municipiodevnfamalicao.

Continuar a ler

EM FOCO

Anúncio

ÚLTIMAS

Vamos Ajudar?

Reportagens da Semana

Populares