PAN quer criar ecocentro para acabar com as lixeiras a céu aberto em Braga

Eleições autárquicas

Rafael Pinto, candidato do PAN à Câmara de Braga, visitou o ecoparque da Braval para conhecer o processo de valorização dos resíduos no concelho e, no final, defendeu a criação de um ecocentro para combater as lixeiras a céu aberto. O novo equipamento ficaria “idealmente” localizado na zona sul do concelho.

“Melhorar a gestão de resíduos em Braga é uma das nossas prioridades. Sabemos que o número de ecopontos existentes está abaixo do recomendado e a percentagem de reciclagem tem vindo a cair”, afirma o candidato, acrescentando que “também a recolha de orgânicos é inexistente e a de óleos e dos chamados monstros, como eletrodomésticos e mobília é deficitária”.

O PAN propõe a criação de um ecocentro no concelho como forma de combater as lixeiras a céu aberto. Um ecocentro – explica o partido – é um local de receção de resíduos de grandes dimensões, suscetíveis de valorização, provenientes de particulares ou empresas como eletrodomésticos, mobília ou pneus.

“Precisamos de um local, no concelho, onde a população possa depositar esses resíduos de forma rápida e conveniente para depois serem recolhidos pela Braval. Apesar de existirem serviços de recolha, estes podem ser demasiado morosos”, conclui o candidato do PAN, acrescentando que a localização do equipamento “idealmente será na zona sul”.

 
Total
0
Partilhas
Artigo Anterior

Bloco de Esquerda visita CIM Cávado e exige regionalização na agenda política nacional

Próximo Artigo

Coligação PSD/CDS promete novo quartel da GNR em Lanheses, Viana

Artigos Relacionados
x