Seguir o O MINHO

País

Presidente da República vai ser operado antes do Natal

No Hospital das Forças Armadas, em Lisboa

em

O Presidente da República anunciou hoje que vai ser operado a “uma pequena hérnia inguinal, de oito centímetros”, antes do Natal, em princípio, no Hospital das Forças Armadas, em Lisboa.

Marcelo Rebelo de Sousa, que falava aos jornalistas durante uma visita à feira de solidariedade Rastrillo, no Centro de Congressos de Lisboa, adiantou que terá “aí oito a dez dias de recuperação da intervenção cirúrgica”, o que significa que “as festas do Natal serão reduzidas ao mínimo”.

“É prudente, embora eu esteja muito bem, e por mim eu viveria com esta hérnia, mas é prudente evitar que ela estrangule, pequenina que seja. E, resumindo, imediatamente antes do Natal farei uma pequena intervenção”, declarou.

Questionado se já tem esta intervenção cirúrgica agendada, Marcelo Rebelo de Sousa respondeu que, “em princípio, será no Hospital das Forças Armadas”, por ser “Comandante Supremo das Forças Armadas”.

“Deve ser no setor público, como foi da última vez. Desta vez, no setor público militar, e não civil. Ainda não está marcado o dia, mas deve ser próximo do Natal”, acrescentou.

Marcelo Rebelo de Sousa foi operado de urgência a uma hérnia umbilical, no dia 28 de dezembro de 2018, no Hospital Curry Cabral, em Lisboa, o que o obrigou a cancelar toda a sua agenda até ao final desse ano e a abrandar o ritmo nas semanas seguintes.

Em 30 de outubro de 2019, foi submetido a um cateterismo cardíaco, desta vez de forma programada, no Hospital de Santa Cruz, em Oeiras.

Populares