Seguir o O MINHO

Futebol

Ligas portuguesa e espanhola de futebol prolongam cooperação até 2023

Futebol

em

Foto: DR / Arquivo

As ligas portuguesa e espanhola de futebol renovaram até 2023 o memorando de entendimento, que prevê colaborações a nível do controlo económico, novas tecnologias, integridade e segurança, anunciaram hoje os dois organismos.


Em comunicado, a Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP) refere que o prolongamento “procura dar continuidade à estreita relação que os dois organismos têm mantido nos últimos anos e que levaram a visitas institucionais de representantes do campeonato português à LaLiga e aos seus clubes, bem como o intercâmbio de conhecimento entre as partes e ações específicas, como a Copa Ibérica”.

A LPFP e a LaLiga referem que “a renovação do acordo conta, além do mais, com um objetivo comum, o apoio firme e inequívoco à candidatura de Espanha e Portugal ao Mundial de futebol de 2030”, anunciada na quarta-feira.

Os dois organismos pretendem também “dar um passo em frente nas ações digitais, bem como na exploração de novos campos de colaboração no âmbito dos eSports” e cooperarem em temas como o controlo económico, a luta contra a pirataria audiovisual, contra o racismo e a xenofobia no futebol.

Anúncio

Futebol

Médio Dénis Poha regressa aos convocados do Vitória

I Liga

em

Foto: Imagem Vitória SC / Facebook

O médio Dénis Poha é a única novidade nos 22 convocados do Vitória para a receção ao Portimonense, que abre a nona jornada da I Liga portuguesa de futebol, informou hoje o clube no sítio oficial.

Utilizado em cinco jogos oficiais na presente época, o último dos quais frente ao Sporting, em 07 de novembro (derrota por 4-0), o francês, de 23 anos, regressa às opções do treinador João Henriques para o jogo de sábado, após ter falhado a visita ao Tondela, na jornada anterior (triunfo vimaranense por 2-0).

Dénis Poha substituiu na convocatória vitoriana o defesa central Yann Bisseck, ainda sem qualquer minuto jogado em 2020/21.

O lateral esquerdo Mascarenhas e os médios Mikel Agu, Wakaso e Joseph continuam ausentes dos relvados por lesão.

O encontro da nona jornada da I Liga portuguesa entre Vitória, sexto classificado, com 13 pontos, e Portimonense, 16.º, com sete, começa às 15:30 de sábado, no Estádio D. Afonso Henriques, em Guimarães, com arbitragem de António Nobre, da Associação de Futebol de Leiria.

A lista de 22 convocados

– Guarda-redes: Bruno Varela, Matous Trmal e Jhonatan.

– Defesas: Sacko, Suliman, Abdul Mumin, Jorge Fernandes, Sílvio e Gideon Mensah.

– Médios: Pepelu, Dénis Poha, André André, Miguel Luís, Janvier, Jacob Maddox e André Almeida.

– Avançados: Marcus Edwards, Rochinha, Ricardo Quaresma, Lyle Foster, Noah Holm e Bruno Duarte.

Continuar a ler

Futebol

Vitória e FC Porto protagonizam último jogo de 2020 da I Liga

I Liga

em

O Vitória e o FC Porto, campeão em título, encerram em 29 de dezembro a última jornada de 2020 da I liga futebol, defrontando-se no estádio D. Afonso Henriques, às 21:00.

De acordo com as alterações às 10.ª e 11.ª jornadas hoje divulgadas pela Liga Portuguesa de Futebol Profissional, no mesmo dia, o Benfica recebe o Portimonense (18:00) e o Santa Clara visita o Moreirense (18:45).

A 11.ª ronda começa no domingo, 27 de dezembro, com quatro encontros, entre os quais o dérbi lisboeta que oporá o Belenenses SAD ao Sporting, marcado para as 20:00.

Na segunda-feira, dia 28, o Rio Ave recebe o Marítimo, às 18:45, e o Boavista defronta, no Bessa, o Braga, às 21:00.

O Portimonense e o Famalicão dão, dia 18, o pontapé de saída para a 10.ª jornada, que decorrerá até 22 de dezembro, e fecha com a visita do Braga ao Rio Ave.

Na ronda 10, que será antecedida pelos quartos de final da Taça da Liga, a disputar entre 15 e 17, o Sporting recebe o Farense, dia 19, às 20:30, reeditando um ‘clássico’ que não se disputava há 18 anos.

Benfica e FC Porto jogam ambos no domingo, dia 20, com os ‘encarnados’ a visitarem o Gil Vicente (17:30) e os campeões nacionais a receberem o Nacional (20:00).

Continuar a ler

Futebol

Sporting quer “deixar os jogadores do Famalicão desconfortáveis” todo o jogo

I Liga

em

Foto: Twitter

O Sporting quer “deixar os jogadores do Famalicão desconfortáveis” no jogo da nona jornada da I Liga portuguesa de futebol, assumiu hoje o treinador dos ‘leões’, Rúben Amorim, que prevê “um jogo perigoso”.

“Depende muito do Sporting o que será o jogo. Não podemos dar muita liberdade àqueles jogadores [do Famalicão]. Vamos encarar com o máximo empenho e intensidade. Queremos deixar os jogadores do Famalicão desconfortáveis no jogo, do primeiro ao último minuto. Prevemos um jogo perigoso”, expressou o técnico, em conferência de imprensa de antevisão.

Rúben Amorim elogiou o adversário, que, apesar das muitas mudanças efetuadas da temporada transata para a atual, “não deixa de ser uma excelente equipa, que está no início, com um excelente treinador” e que vai estar “muito motivada”.

“O Famalicão é uma equipa que joga olhos nos olhos com as equipas grandes, a meu ver mais na parte ofensiva. Na parte defensiva, jogam um pouco num bloco baixo, como outras equipas que já apanhámos. O que temos de ter em mente é que temos de entrar muito fortes, não dar espaço ao Famalicão e marcar mais cedo que o adversário”, explicou.

Nuno Mendes e Jovane Cabral estão fora das opções de Rúben Amorim para o encontro, devido a lesão, com o ‘timoneiro’ dos lisboetas a avisar que será difícil o defesa, bem como todos os outros jovens do plantel, saírem na reabertura do ‘mercado’: “Todos os miúdos estão blindados. Quem quiser os jogadores do Sporting, vai ter de pagar muito dinheiro”.

O treinador do Sporting rejeitou uma candidatura ao título e sublinhou que apenas o irá fazer “quando for bom para a equipa”, mas colocou como objetivo mínimo para a época “vencer todos os jogos”, numa altura em que o médio Pedro Gonçalves está em destaque na equipa.

“O Pedro Gonçalves é um excelente jogador, mas é um miúdo ainda. Precisa e vai melhorar em certos aspetos, mas é um jogador de maturidade muito elevada para a idade que tem. É o segundo ano dele na I Liga, é um jogador bastante completo, mas tem de melhorar em outros momentos do jogo”, disse, em relação ao atleta contratado precisamente ao Famalicão.

Já sobre João Palhinha, Rúben Amorim desfez-se em elogios ao médio defensivo: “É um jogador com características diferentes, muito importante para a nossa equipa e muito forte fisicamente. Tendo um meio campo muito ofensivo, temos de ter um jogador com aquela capacidade de recuperação de bolas, de posicionamento e de força física”.

O avançado esloveno Sporar não tem marcado muitos golos, mas “está a trabalhar para a equipa” e por isso tem sido escolha habitual no ‘onze’ inicial, estando “com muita fome” de faturar, enquanto o defesa Eduardo Quaresma “está a recuperar o seu momento”, com Rúben Amorim a alertar que “não vai a lado nenhum”.

“Temos de relembrar, às vezes, os jovens jogadores que isto é uma grande responsabilidade, que não é fácil jogar no Sporting, ainda por cima com 18 anos. O Quaresma não vai a lado nenhum, é uma aposta do Sporting que leva tempo. Está nas mãos deles provarem que podem jogar”, realçou.

O Sporting, líder do campeonato, com 22 pontos, visita no sábado o campo do Famalicão, 10.º classificado, com nove, a partir das 18:00, com arbitragem de Luís Godinho, da associação de Évora.

Continuar a ler

Populares