Seguir o O MINHO

Alto Minho

“É extraordinário como os números do Turismo vinham crescendo no Alto Minho”

Afirma Tiago Brandão Rodrigues, cabeça de lista do PS por Viana

em

Foto: DR

Tiago Brandão Rodrigues, cabeça de lista do PS pelo distrito de Viana do Castelo, esteve em Monção em diálogo com empresários do sector turístico.

Acompanhado pela candidata monçanense Sandra Vieites, o socialista visitou os Moinhos da Chinchila, espaço recente de turismo de alojamento local, que nasceu do impulso de uma família na recuperação de um antigo moinho datado de 1703. Toda a antiga história do edifício foi conservada pelos atuais proprietários que mantiveram os canais de água que seguiam até às mós e às aberturas da serração de madeira, visíveis através de vidro.

A comitiva socialista também fez uma visita guiada ao Palácio da Brejoeira, tendo oportunidade para conhecer aquela construção em estilo neoclássico, do início do séc. XIX, com jardins de estilo inglês, bem como a plantação de vinha e a sua adega.

Os candidatos tiveram ainda a oportunidade de dar uma volta de ‘tuk tuk’ pelas paisagens do vale do Gadanha, momento descontraído proporcionado pela empresa By Monção pertencente a uma jovem empreendedora de Monção.

Citado em comunicado enviado a O MINHO, Tiago Brandão Rodrigues considera que “é extraordinário como os números do Turismo vinham crescendo no Alto Minho antes na pandemia e de como se tem vindo a diversificar a oferta”.

“As pessoas não procuram só os grandes centros urbanos, as praias ou os sabores irresistíveis da nossa gastronomia. As pessoas procuram tudo isso e a paisagem, o descanso do contexto rural, o património recuperado, a curiosidade associada aos mitos e tradições e a diversidade de ofertas que os nossos empresários vêm criando”, afirma.

No debate proporcionado por mais uma sessão do Fórum 100% Alto Minho, realizado na sede da Junta de Barroças e Taias e onde estiveram presentes Ângela Lopes da empresa de atividades turísticas By Monção, Teresa Amoedo responsável pelo empreendimento turístico Moinhos da Chinchila e Fernando Pereira, reconhecido empresário da restauração, surgiu a constatação de que é preciso virar a página da pandemia e retomar o caminho de crescimento do Turismo que se vinha sentindo até ao início de 2020.

Para o cabeça de lista, “é necessário não perder mais tempo do que o necessário com esta crise política que o PS não quis e o país não compreendeu”.

“Temos que pôr todos os atores da indústria do Turismo a trabalhar em conjunto, na certeza de que a valorização de um concelho ou de uma região corresponde à potenciação de todo um país. Temos de avançar e temos de o fazer num contexto de estabilidade para não pormos as empresas em constante sobressalto”, vincou Tiago Brandão Rodrigues.

Populares