Seguir o O MINHO

Desporto

Chuva forte adia o começo do duelo entre João Sousa e Roger Federer

2.ª ronda

em

Foto: DR

O início dos encontros do terceiro dia do torneio Masters 1000 de ténis de Roma, nos quais se incluía o confronto entre o português João Sousa e o suíço Roger Federer, foram hoje adiadas, devido à forte chuva.

Os campos do complexo desportivo onde a competição está a realizar-se foram cobertas, de modo a preservar a terra batida, sendo que não se prevê o recomeço das partidas para antes das 11:30.

Os jogos do espanhol Rafael Nadal e do sérvio Novak Djokovic também foram adiados, sendo que deverão seguir-se ao duelo de João Sousa e Federer, que abre o quinto dia do torneio no ‘court’ central.

A chuva provocou na terça-feira o atraso da partida entre Elina Svitolina e a bielorrussa Victoria Azarenka, que acabou por conseguir eliminar a ucraniana, atual detentora do título de campeã do torneio.

Anúncio

Desporto

Miguel Oliveira mantém o número 88 em 2020 numa grelha com três novidades

MotoGP

em

Foto: DR / Arquivo

O piloto português Miguel Oliveira (Tech3 KTM) vai manter o número 88 na próxima época do Mundial de MotoGP, de acordo com a lista oficial divulgada hoje pela organização do campeonato.

O português, que fez toda a carreira nas classes inferiores com o número 44, viu-se obrigado a trocar a numeração utilizada na sua mota no início desta temporada para não colidir com o espanhol Pol Espargaró (KTM), que já usava o 44.

Na listagem dos pilotos inscritos para 2020, destaque para a confirmação de 22 motas na grelha de partida, incluindo três novidades.

A KTM oficial do sul-africano Brad Binder (número 33), a KTM do espanhol Iker Lecuona (número 27), que será companheiro de Miguel Oliveira na Tech3, e a Honda oficial do espanhol Alex Márquez (número 73), novo companheiro de equipa do irmão e campeão do mundo, Marc Márquez.

De fora deverá ficar o francês Johann Zarco, que a meio de 2019 decidiu abandonar a KTM, apesar de ter negociado um lugar na Reale Avintia Racing, com uma Ducati privada de 2019, nos últimos dias.

De acordo com a lista oficial hoje divulgada, o checo Karel Abraham e o espanhol Tito Rabat são os donos das duas motas disponíveis na marca.

Continuar a ler

Futebol

Benfica, ainda desfalcado, ‘testou’ novo relvado da Luz na semana do jogo em Vizela

Águias ‘voam’ até ao Minho no sábado

em

Foto: DR / Arquivo

A equipa de futebol do Benfica ‘estreou’ hoje o novo relvado do Estádio da Luz, colocado nos últimos dias, durante a paragem para as seleções, numa sessão em que Bruno Lage orientou o treino ainda sem os ‘internacionais’.

Na preparação para a visita de sábado ao Vizela (20:45), em jogo dos 16 avos de final da Taça de Portugal, o treinador ‘encarnado’ chamou oito jogadores provenientes da equipa B e dos juniores.

Frimpong, Tiago Dantas, Morato, Fábio Duarte, Leo Kokubo, Diogo Mendes, Gerson e Henrique Araújo foram os escolhidos para se juntarem aos disponíveis do plantel principal, na estreia do novo ‘tapete’ da Luz.

Numa pré-época em que o clube recebeu dois eventos e colocou, posteriormente, um relvado novo, o treinador benfiquista chegou a queixar-se do mesmo, dizendo que as lesões de Rafa e Chiquinho tinham a ver com a relva.

“Nota-se perfeitamente na circulação da bola. É um relvado mais pesado, o que nos leva a ter maior desgaste físico, e tem-nos tirado alguns jogadores por lesão, como o Chiquinho e o Rafa”, salientou Lage no final de outubro, antes desta nova mudança da superfície.

Ainda ausentes, devido às seleções, e sem a oportunidade de ‘testarem’ o novo relvado, estiveram Rúben Dias, Pizzi, Tomás Tavares, Nuno Tavares, Florentino, Gedson, Jota, Seferovic, Svilar, Taarabt e Vlachodimos.

O Benfica, recordista de troféus na Taça de Portugal, com 26 títulos, visita na quarta eliminatória o Vizela, líder da Série A no campeonato de Portugal, no sábado, a partir das 20:45, antes defrontar fora o Leipzig, na Liga dos Campeões.

Continuar a ler

Futebol

FC Porto encaixa até 50 milhões com novo adiantamento de receitas televisivas

Podem entrar mais 20 em janeiro

em

Foto: Twitter / Arquivo

A SAD do FC Porto encaixou hoje 30 milhões de euros (ME) com uma nova emissão de obrigações pela Sagasta, envolvendo a cedência de receitas futuras de direitos televisivos, e podem entrar mais 20 ME em janeiro.

Em causa está a alteração aos termos e condições da operação de titularização de créditos denominada ‘Dragon Finance n.º 1’, que tem a Sagasta Finance – sociedade de titularização de créditos – como emitente, realizada em 24 de maio de 2018, e que teve como objeto a titularização dos créditos decorrentes do contrato de cessão de direitos de transmissão televisiva dos jogos no Estádio do Dragão, a contar para a primeira Liga, entre a SAD portista e a Altice, segundo o comunicado disponível na Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

A operação de maio do ano passado permitiu um encaixe de 100 milhões de euros aos cofres dos ‘azuis e brancos’ e a alteração hoje anunciada “teve por objetivo a prorrogação da maturidade média prevista aplicável às obrigações titularizadas emitidas em 24 de maio de 2018”, lê-se no documento.

Esta alteração implica a “correspondente emissão de obrigações de titularização adicionais pela Sagasta no montante de 30 milhões de euros adicionais na presente data e no montante máximo de 20 milhões de euros adicionais em janeiro de 2020, a título de acréscimo do preço de compra e venda dos créditos”, especificou a SAD do FC Porto.

Continuar a ler

EM FOCO

Anúncio

ÚLTIMAS

Vamos Ajudar?

Reportagens da Semana

Populares