Redes Sociais

Câmara de Fafe investiu 3,5 milhões de euros em 2014 na educação e ação social

Ave

Câmara de Fafe investiu 3,5 milhões de euros em 2014 na educação e ação social

A Câmara de Fafe investiu 3,5 milhões de euros, em 2014, nas áreas da educação e apoio social, o que correspondeu à maior fatia do orçamento, avançou hoje à Lusa o presidente da câmara, Raul Cunha.

Falando a propósito da aprovação das contas de 2014, o eleito socialista sublinhou o “esforço” realizado para apoiar os munícipes mais carenciados do concelho em tempo de crise.

“As pessoas são a nossa prioridade. Temos de usar bem os poucos recursos para podermos ajudar quem mais precisa e dar qualidade de vida aos munícipes”, comentou.

De acordo com as contas aprovadas com os votos do PS e PSD, que governam em coligação pós-eleitoral aquele executivo, em 2014 foi possível realizar mais de sete milhões de euros de investimento.

“A autarquia apresenta uma situação de total equilíbrio orçamental com a receita corrente a fazer face às despesas correntes”, sublinhou o autarca, destacando também o recurso a “apenas 7% da margem disponível de endividamento”.

Além da educação e apoio social, destacam-se os investimentos realizados na aquisição de habitações a custo controlado e na Urbanização José Saramago.

Ampliação do Centro Educativo Montelongo, conclusão dos projetos do recinto da feira semanal e do arquivo municipal foram outros investimentos realizados.

Naquele ano, também se procedeu ao pagamento dos terrenos da antiga estação da CP e foram efetuados investimentos financeiros no âmbito da empresa Águas do Noroeste.

“Fafe é um município que, apesar da situação que o país atravessa, consegue ter equilíbrio orçamental”, anotou o, vincando que a autarquia fechou 2014 com “um valor residual de dívida a fornecedores, inferior a 120.000 euros” e com “prazos médios de pagamento inferiores a 30 dias”.

Clique para comentar

Comentar

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Mais Ave