Connect with us

Bombeiros acreditam que vai haver Rali em Ponte de Lima

Alto Minho

Bombeiros acreditam que vai haver Rali em Ponte de Lima

O incêndio em floresta que deflagrou na quinta-feira à tarde na freguesia de Cabração, no concelho de Ponte Lima, manteve-se ativo com duas frentes esta madrugada, mas os bombeiros acreditam ser possível a passagem do Rali de Portugal.

“Conseguimos desviar o fogo do troço do Rali [de Portugal]. Se tudo correr bem, a minha perspetiva é que o Rali vai decorrer”, disse em declarações Carlos Lima, comandante dos Bombeiros Voluntários de Ponte de Lima.

Pelas 05:30, o incêndio estava ativo com duas frentes e o combate às chamas estava a ser dificultado pelos acessos no terreno.

“Neste momento há uma frente em zonas que só meios apeados é que conseguem lá chegar”, afirmou Carlos Lima.

O comandante dos Bombeiros Voluntários de Ponte de Lima disse ainda ser difícil prever quando será possível extinguir o incêndio.

“Não temos essa previsão porque os meios têm alguma dificuldade em evoluir no terreno e tudo depende, agora com o nascer do sol, como vai ser o comportamento do fogo”, acrescentou.

Por volta das 05:30 de hoje o incêndio em floresta que deflagrou na quinta-feira à tarde na freguesia de Cabração estava a ser combatido por cerca de 160 homens apoiados por 50 viaturas, segundo Carlos Lima.

Os responsáveis do Rali de Portugal vão aguardar pela manhã de hoje para avaliar a viabilidade de passagem do troço de Ponte de Lima.

O Automóvel Clube de Portugal, promotor do evento, não assumiu ainda uma posição oficial, mas prevê tomar uma decisão às 07:00 de hoje, ou seja, duas horas e 40 minutos antes do arranque da classificativa de Ponte de Lima, a primeira do dia e segunda do rali.

Mais em Alto Minho

Bitnami