Seguir o O MINHO

Braga

Agentes da PSP de Braga queixam-se de maus cheiros e baratas nos vestiários

“Há baratas e reina um cheiro nauseabundo a esgoto”

em

Foto: Direitos Reservados

Um grupo de agentes da PSP de Braga contesta as péssimas condições existentes no vestiário, no edifício do Comando Distrital, onde “há baratas e reina um cheiro nauseabundo a esgoto”.

Ao que O MINHO soube, alguns dos agentes colocaram, no local, dois avisos em papel para os restantes colegas: um diz que não há eletricidade e o outro que, por vezes, há esgotos no chão do espaço, pelo que é preciso cuidado para não os pisarem.

Contactada a propósito, a Polícia, através das Relações Públicas, esclareceu que já foram feitas duas desinfestações e que se está a estudar uma forma de resolução do problema dos esgotos.

Foto: Direitos Reservados

Os guardas em questão dizem que o vestiário, onde diariamente todos mudam a farda, não tem condições de dignidade para quem trabalha na Esquadra: “a zona nem sequer tem luz. É preciso ir buscar extensões elétricas e prender uma lâmpada ao teto”, lamentou um dos agentes, esta semana, em declarações ao Jornal de Notícias.

Os polícias dizem que estão “cansados” de alertar os superiores para as más condições do espaço e não entendem porque é que foram feitas obras nas celas anexas, e não se fizeram no vestiário.

A Esquadra está num edifício, o Palácio dos Falcões, que foi mandado construir por Francisco de Meira Carrilho, cónego da Sé de Braga, em 1703. Foi comprado em 1886 pelo estado português para albergar o Governo Civil de Braga. Há mais de 20 anos que a PSP pede um novo quartel na cidade, mas, apesar de promessas nesse sentido, continua aquartelada no velho Palácio.

Anúncio

Braga

Homem que matou mulher em Braga fica em prisão preventiva

Pedro Fernandes, de 48 anos, confessou o crime à PSP

em

Foto: O MINHO

O homem de 47 anos suspeito de assassinar a ex-mulher, Gabriela Monteiro, em Braga na noite de quarta-feira vai aguardar julgamento em prisão preventiva, disse hoje à Lusa fonte da PSP.

Segundo a fonte, Paulo Fernandes já foi conduzido ao Estabelecimento Prisional de Braga.

Gabriela Monteiro morreu. Foto: DR

A vítima tinha 46 anos e foi assassinada pelo ex-marido, numa rua da cidade de Braga.

Segundo fonte da PSP, o homem utilizou uma navalha para consumar o crime.

Crime ocorreu esta quarta-feira. Foto: Paulo Jorge Magalhães / O MINHO

Foto: Paulo Jorge Magalhães / O MINHO

Foto: Paulo Jorge Magalhães / O MINHO

O crime aconteceu pelas 22:00, numa rua junto ao Tribunal de Braga e a uma esquadra da PSP.

Após o crime, o suspeito entregou-se às autoridades policiais.

Continuar a ler

Braga

Ambulâncias duas horas à espera no hospital de Braga: “Socorro está comprometido”

Ambulâncias ficam retidas no parque e não estão operacionais para socorrer outras pessoas

em

Foto: Paulo Jorge Magalhães / O MINHO

Um movimento acima do normal no serviço de urgências do Hospital de Braga estava a causar grande constrangimento às corporações de bombeiros e serviços de INEM do distrito, ao início da tarde desta quinta-feira, com algumas ambulâncias a ficarem retidas entre duas a três horas naquele local.

Domingos Ferreira, comandante adjunto dos Bombeiros de Amares, falava mesmo em “socorro comprometido”, apontando três ambulâncias daquela corporação como retiras perto de três horas no serviço de urgências.

“Os carros ficam à espera nas urgências porque as urgências parecem quase paradas”, disse a O MINHO, adiantando que “desta forma é muito difícil assegurar o socorro no nosso concelho”.

Ao que apurou O MINHO junto de outras corporações do distrito, cerca das 15:00 horas, a espera estava a comprometer o socorro nos diferentes concelhos, por não existirem ambulâncias em prontidão nos diferentes quartéis.

O Hospital de Braga entrou em contato com O MINHO e explicou que os tempos de espera para triagem têm registado, nesta altura, um ligeiro aumento devido a alguns picos de maior afluência registados em determinados períodos horários, e que já se encontra normalizado.

“Tendo em conta as solicitações que as entidades que prestam socorro na região igualmente têm, estão a ser desenvolvidos todos os esforços, por parte da equipa dos profissionais do Serviço de Urgência, para uma resposta atempada de forma a não criar constrangimentos”, diz o Hospital de Braga, em comunicado enviado à redacção de O MINHO.

Outra fonte do hospital disse, ainda, que se trata “de um pico de afluência que reduziu com o passar do dia”.

Continuar a ler

Braga

Braga recebe Corrida contra o Cancro de Mama mais popular do mundo

Race For The Cure junta cerca de um milhão de pessoas, em mais de 140 cidades. É a primeira vez que se vai realizar em Portugal

em

Roma. Foto: Divulgação (Arquivo)

A Race For The Cure, a Corrida e Caminhada contra o Cancro de Mama mais popular do mundo, vai realizar-se em Braga, a 29 de setembro, pelas 09:30, foi hoje anunciado durante uma apresentação pública.

Criado em 1983, esta é a primeira vez que o evento, que junta cerca de um milhão de pessoas em mais de 140 cidades de todo o mundo, se vai realizar em Portugal.

Foto: Sérgio Freitas / CM Braga (Divulgação)

Durante a prova, que começa e termina na Avenida João Paulo II, os participantes podem optar pelo percurso mais curto de 4 quilómetros ou pelo mais longo de 7.4 km.

O valor por inscrição é de 10 euros (com kit incluído). Os interessados podem efectuar a inscrição em no site da Run Porto [clicar aqui] ou na recepção do ginásio Gym Tonico.

A totalidade das verbas angariadas revertem a favor da Associação Rosa Vida e do Gabinete de Apoio Oncológico e para a Associação Mama Help, para apoiar os projectos desenvolvidos por estas Associação: Quality Onco Life Program, Pink Bees e Cinderella. Estes projectos visam a melhorar da qualidade de vida dos doentes oncológicos, a integração dos sobreviventes no seu regresso à vida activa e o apoio a toda a estrutura familiar, nomeadamente ao nível de estratégias para lidar com uma nova realidade.

Na Europa serão 22 cidades a correr pela causa, entre as quais Braga, Roma, Bruxelas, Atenas, Antuérpia, St. Petersburgo, Belgrado, Luxemburgo, Sarajevo, Bucareste, Split ou Sofia.

Continuar a ler

Populares