Seguir o O MINHO

Viana do Castelo

Viana já tem nova ambulância de socorro (mas é preciso ajuda no pagamento)

Emergência

em

Foto: O MINHO

Os estaleiros da West Sea deram cinco mil euros e a Câmara Municipal deu dez mil. Mas não chega. A nova ambulância de emergência dos Bombeiros Voluntários de Viana do Castelo já chegou à corporação vianense, mas custa 64 mil euros e ainda só foi paga a primeira prestação.

A O MINHO, o vice-presidente da direção, Luciano Moure, havia explicado que a próxima prestação só terá de ser paga no próximo ano, mas há uma necessidade de ajuda para conseguir chegar ao montante exigido.

A Câmara de Viana pagou recentemente, na totalidade, uma ambulância VDTD, através de um subsídio.

O diretor deixa o apelo à população em geral para contribuir para esta causa “nem que seja com um euro”, mas podem também tornar-se sócios da associação e beneficiar de descontos em espaços comerciais da cidade que têm protocolo celebrado com os bombeiros para esse mesmo efeito.

A iniciativa da angariação de fundos para a compra da ambulância começou com Hugo Viana e Jorge Alonso, bombeiros daquela corporação, com apoio do comando e da direção.

Hugo Viana apela à comunidade portuguesa residente no estrangeiro para que sejam generosos pela corporação. Também às empresas e clubes desportivos para se juntarem à solidariedade.

Agora, Hugo Viana quer também reunir 4.500 euros para angariar um lifepack “para juntar à ambulância, visto que é um equipamento fundamental para os doentes mais críticos”.

(notícia atualizada às 22h40 com mais informação)

EM FOCO

Populares