Seguir o O MINHO

Alto Minho

Polícia Marítima de Viana e Caminha apreendem arte de pesca ilegal com 450 metros

No mar

em

Foto: Autoridade Marítima Nacional / Divulgação

Os Comandos-locais da Polícia Marítima de Viana do Castelo e de Caminha realizaram ontem, dia 13 de julho, no período entre as 05:00 e as 12:30, uma operação conjunta no mar, dirigida à atividade da pesca profissional e lúdica, foi hoje anunciado.

​No decorrer desta operação foram abordadas e fiscalizadas três embarcações de pesca local, três embarcações de recreio, uma embarcação multiuso costeira e um arrastão, tendo sido constatadas algumas irregularidades que poderão ser alvo de procedimento contraordenacional.
A Polícia Marítima verificou que uma embarcação de pesca operava sem o equipamento obrigatório de localização ligado, detetou artes de pesca abandonadas no mar, e apreendeu uma caceia com 450 metros de comprimento, composta por uma rede de emalhar, fundeada em zona proibida e sem sinalização.

O pescado que se encontrava nesta arte de pesca, por ser subdimensionado, e após avaliação do Delegado de Saúde local, foi doado a uma instituição de solidariedade social.

Os agentes da Polícia Marítima sensibilizaram também, durante a operação, as respetivas tripulações para a adoção de boas práticas a bordo no âmbito do combate à propagação da doença covid-19, uma vez que laboram em espaços confinados.

Estiveram empenhados nesta operação, seis elementos da Polícia Marítima e duas embarcações semirrígidas.

Populares