Seguir o O MINHO

Alto Minho

Jovens dados como desaparecidos no rio Lima estavam a lanchar uns metros ao lado

Em Ponte da Barca

em

Foto: Barca FM

Um grupo de quatro jovens foi dado como desaparecido no rio Lima pelos colegas, durante a tarde desta terça-feira, em Ponte da Barca. Dezenas de meios de emergência deslocaram-se para o local e as vítimas foram rapidamente encontradas a lanchar numas mesas de pedra junto ao Continente.

Fonte do Comando Distrital de Operações e Socorro disse a O MINHO que se tratou de um falso alarme, a ocorrência que mobilizou perto de 20 elementos e oito viaturas dos bombeiros de Ponte da Barca e de Arcos de Valdevez, cerca das 17:00 horas desta tarde.

Quatro jovens que se encontravam na praia fluvial de Ponte da Barca entraram dentro de um bote e seguiram rio abaixo, saindo da visão dos colegas que se encontravam na praia.

Praia fluvial de Ponte da Barca. Foto: DR

Depois de algum tempo sem terem notícias do quarteto, os amigos contactaram os serviços de emergência, que rapidamente se deslocaram para a praia com diferentes meios, entre os quais de busca e resgate aquático.

Um dos barcos dos bombeiros chegou a ir ao rio, em busca de indícios que mostrassem a localização dos jovens, enquanto um grupo de bombeiros foi apeado ao longo da margem, de forma a tentar perceber se os jovens estariam já em terra.

José Freitas, comandante dos Bombeiros de Ponte da Barca, disse a O MINHO que o grupo foi encontrado pelos bombeiros a lanchar no parque de merendas, junto à zona da feira e ao lado do Continente, numa das mesas de pedra.

Parque de merendas da praia de Ponte da Barca. Foto: DR

Alheios ao que se estava a passar a poucos metros de distância, na praia fluvial, os jovens tinham saído do barco naquela zona e foram ao hipermercado comprar algo para comer. E ali ficaram, à fresquinha, enquanto se iniciavam as buscas.

“Felizmente, tudo acabou bem”, concluiu o comandante.

A GNR de Ponte da Barca registou a ocorrência.

Populares