Seguir o O MINHO

Alto Minho

Investimento de 1,4 milhões termina reabilitação de escola em Cerveira

Unidade com quase 25 anos

em

Foto: DR/Arquivo

A escola básica e secundária de Vila Nova de Cerveira vai sofrer obras de 1,4 milhões de euros, intervenção que dará por concluída a requalificação daquele estabelecimento de ensino iniciada em 2018, informou hoje a Câmara local.

Em causa, segundo a Câmara de Vila Nova de Cerveira está a segunda fase da empreitada de requalificação daquele estabelecimento de ensino, “degradado”, com quase 25 anos.

A primeira fase das obras, representou um investimento municipal de 400 mil euros, dos quais 108 mil garantido através do Pacto para o Desenvolvimento e Coesão Territorial (PDCT).

No total, segundo aquela autarquia, a reabilitação do estabelecimento de ensino representará um investimento superior a dois milhões de euros.

O arranque da nova empreitada, cujo financiamento resulta “da reprogramação do PDCT Norte 2020, com comparticipação de 1,2 milhões de euros do Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER), vai ser formalizado na sexta-feira.

A assinatura do acordo de colaboração para a requalificação e modernização da escola básica e secundária entre o município liderado por Fernando Nogueira e o ministro da Educação, Tiago Brandão Rodrigues, está marcada para as 10:30.

Adaptar a escola “às novas exigências de ensino, quer ao nível do número de espaços, quer ao nível da segurança e qualidade” é o objetivo da intervenção.

O projeto prevê “a construção de raiz do centro de recursos, composto por biblioteca, auditório com capacidade para 119 lugares sentados, de um edifício de apoio ao ensino articulado, a ampliação do espaço de refeitório, a cobertura dos corredores de circulação e dos espaços de recreio, o reforço das condições de segurança e de acessibilidades, bem como a adaptação à eficiência energética”.

A primeira fase, entretanto concluída, incluiu a “remoção dos revestimentos da cobertura em fibrocimento do pavilhão gimnodesportivo, a reformulação dos balneários do campo de jogos, a construção da nova portaria na entrada sul e a melhoria das condições de conforto térmico do edifício existente, através da implementação de um sistema de isolamento térmico pelo exterior”.

Anúncio

Ponte de Lima

Jovem morre em acidente de mota em Ponte de Lima

Em Rebordões Santa Maria

em

Foto: DR / Arquivo

Um jovem de 27 anos morreu, este sábado à tarde, na sequência de um despiste da mota em que seguia, na Estrada Nacional (EN) 306, em Rebordões Santa Maria, Ponte de Lima.

Segundo disse a O MINHO fonte dos bombeiros locais, o alerta foi recebido cerca das 16:27, tendo o óbito sido declarado no local.

O corpo está a ser removido para a morgue do Hospital de Viana do Castelo.

A GNR tomou conta da ocorrência.

Continuar a ler

Alto Minho

Artista brasileira Mart´nália canta Vinícius de Morais em Ponte de Barca

Filha de Martinho da Vila é uma das cantoras do momento no Brasil

em

Foto: DR

O Jardim dos Poetas, em Ponte da Barca, recebe, às 22:00, a cantora, compositora e percussionista brasileira Mart´nália, num concerto onde os versos de Vinícius de Morais, amparados pelos arranjos de Celso de Fonseca em parceria com Arthur Maia, são interpretados pela artista.

Filha de Martinho da Vila e da cantora Anália Mendonça, foi nas rodas de samba que Mart´nália se apaixonou pela música, aprendendo ainda pequena a sambar, a cantar e a tocar violão e pandeiro. Vencedora de um Grammy, Mart’nália já colaborou com grandes nomes da música brasileira, como Caetano Veloso, Maria Bethânia e Djavan.

A artista lançou oito álbuns de estúdio, três ao vivo e três DVDs gravados em países diferentes, nomeadamente, Brasil, Angola e Alemanha. Participou nos festivais Black2Black, Rock in Rio e Réveillon de Copacabana e já atuou em vários países como Portugal, Alemanha, Holanda, Itália, Suíça, Inglaterra, China, África do Sul, Angola e Moçambique. Para além da carreira musical, conta também com uma participação como atriz numa série televisiva da TV Globo.

Continuar a ler

Viana do Castelo

Ator Luís Vicente no Sá de Miranda em Viana do Castelo

Espectáculo marcado para as 21:30

em

Foto: Divulgação

O ator Luís Vicente participa no espetáculo de teatro Improvável, hoje, na Sala Principal do Teatro Municipal Sá de Miranda, em Viana do Castelo, às 21:30. Os bilhetes estão disponíveis e custam entre 04 e 10 euros.

Trata-se na obra do reencontro improvável entre dois homens que antes se haviam cruzado em dado momento e circunstância das suas vidas em papéis opostos. Eram então ambos jovens. Conheceram-se na tristemente célebre Rua António Maria Cardoso, na sede da PIDE/DGS. Um era prisioneiro político e o outro o seu algoz. Um foi torturado, o outro foi o seu torturador.

A Companhia de Teatro do Algarve, responsável pelo espetáculo, integra o Circuito Ibérico de Artes Cénicas, assim como o Teatro do Noroeste – CDV, que promove mais este Acolhimento do Noroeste. Este espetáculo tem a particularidade de tratar um texto original da autoria de José Martins, encenador fundador do Teatro do Noroeste – CDV e seu diretor artístico entre 1991 e 2003.

Para Ricardo Simões, atual diretor artístico da companhia vianense “é mais um motivo de interesse da peça, que conta com dois excelentes atores, o Pedro Monteiro e o Luís Vicente, que também encenou o espetáculo e que é uma referência nacional, para além de diretor artístico da Companhia de Teatro do Algarve. Quem não se lembra dele, por exemplo, na série “Duarte e Companhia?”.

No final haverá uma conversa entre os atores e o público, o habitual Digestivo – Conversas Pós-Espetáculo.

Continuar a ler

EM FOCO

Anúncio

ÚLTIMAS

Vamos Ajudar?

Reportagens da Semana

Populares