Seguir o O MINHO

Alto Minho

IAPMEI lança no Alto Minho projeto piloto de dinamização empresarial

em

O IAPMEI lançou, esta terça-feira, em Viana do Castelo, um projeto-piloto de dinamização empresarial que envolve a Comunidade Intermunicipal (CIM) do Alto Minho e 174 empresas da região distinguidas em 2015 com o Estatuto de PME Líder.

Em causa está um projeto de expansão da iniciativa PME Líder que o IAPMEI- Instituto de Apoio às Pequenas e Médias Empresas e ao Investimento pretende alargar a todo o país através de parcerias a estabelecer com as comunidades intermunicipais, com empresas de elevado desempenho e outros parceiros locais.

“A CIM do Alto Minho já foi um exemplo a responder à chamada do IAPMEI noutros projetos (…). Desta vez, o desafio é estarem connosco, ativamente, na expansão da iniciativa PME Líder, participando com as vossas PME Líder no desenvolvimento do vosso território”, afirmou a administradora do IAPMEI, Ana Rodrigues.

A responsável, que falava durante a cerimónia de assinatura do protocolo de parceria com aquela associação que integra os dez municípios do distrito de Viana do Castelo apelou ainda à participação das 174 melhores empresas da região homenageadas esta terça “pela qualidade dos seus desempenhos económicos financeiros”.

“O que vos pedimos é que participem ativamente, repercutindo o vosso sucesso, no sucesso mais alargado da vossa comunidade. (…) Sendo líderes de pelotão, é evidente que desejamos que se mantenham, também neste desafio, na dianteira”, sustentou Ana Rodrigues.

O vice-presidente da CIM do Alto Minho, Vítor Mendes destacou o “bom exemplo” que as 174 empresas hoje homenageadas pelo elevado desempenho no Alto Minho podem representar para o tecido empresarial da região.

“Que sejam um estímulo para que outras empresas possam trilhar o caminho do desenvolvimento social e económico”, realçou.

O responsável, que é também presidente da Câmara de Ponte de Lima, sublinhou a importância da parceria estabelecida com o IAPMEI como forma de colocar “mais empresas no pelotão da frente” da economia local.

Além daquela estrutura são ainda parceiros no projeto do IAPMEI o Instituto Politécnico de Viana do Castelo (IPVC) e a Confederação Empresarial do Alto Minho (CEVAL).

De acordo com os dados fornecidos pela CIM do Alto Minho aquelas empresas, a atuar em diversos setores de atividade, empregam em conjunto cerca de 5.300 pessoas e são responsáveis por um volume de negócios de cerca de 750 milhões de euros, dos quais 180 milhões têm origem nas exportações.

“Com autonomias financeiras médias superiores a 55%, e rendibilidades médias dos capitais e das vendas de respetivamente 10,5% e 5,3%, são empresas que apresentam desempenhos muito acima da média das empresas nacionais e que têm contribuído com os seus resultados para as dinâmicas de desenvolvimento local e nacional”, revelam ainda os dados da CIM do Alto Minho.

Das 174 empresas homenageadas 92 têm sede no concelho de Viana do Castelo, 36 em Ponte de Lima, 14 em Monção, 11 em Caminha, 8 em Valença, 5 em Paredes de Coura, 4 em Arcos de Valdevez, 2 em Monção e outras 2 em Ponte da Barca.

Durante a sessão realizada esta terça foram ainda distinguidas empresas que se evidenciaram pelos seus resultados em termos de emprego, crescimento, volume de negócios e exportações.

O Estatuto PME Líder é um selo nacional criado pelo IAPMEI para distinguir o mérito das Pequenas e Médias Empresas (PME) nacionais com melhores desempenhos económico-financeiros e de gestão, tendo associado um conjunto de benefícios como acesso otimizado a financiamento e a outros serviços de suporte à atividade empresarial.

logo Facebook Fique a par das Notícias de Viana do Castelo. Siga O MINHO no Facebook. Clique aqui

Populares