Seguir o O MINHO

Famalicão

Famalicão distribui árvores para adoção

em

Foto: Divulgação

No próximo sábado, dia 25 de novembro, os famalicenses vão poder adotar, de forma gratuita, três de 17 espécies de árvores e arbustos autóctones para plantarem em casa. A iniciativa vai decorrer entre as 9:00 e as 13:00 na Praça Cupertino de Miranda, no centro da cidade, e é já a segunda ação do género que a Câmara Municipal de Vila Nova Famalicão promove no âmbito do seu projeto “25 mil árvores para 2025”.

A campanha de adoção de árvores deste sábado é uma das várias ações inseridas no programa das comemorações do Dia da Floresta Autóctone, que se assinala esta quinta-feira, 23 de novembro, dia em que será inaugurado, na Escola Básica Júlio Brandão, o primeiro berçário de árvores eco-escolas do concelho, e onde será assinado o primeiro acordo de parceria entre a autarquia famalicense e o proprietário de um terreno privado para a sua reflorestação.

Este é já o segundo berçário de árvores lançado pela Câmara Municipal de Famalicão. Recorde-se que o primeiro foi lançado em setembro de 2016, no horto municipal, e que é nestes espaços que estão a crescer as árvores que vão ajudar a concretizar o grande objetivo do projeto municipal “25 mil árvores para 2025”, que passa pela reabilitação de aproximadamente 25 hectares do território concelhio através da plantação de 25 mil árvores e arbustos nativos da região em áreas urbanas, espaços rurais, ao longo das linhas de água e em montes e serras.

Ainda no âmbito das comemorações do Dia da Floresta Autóctone, destaque para mais três iniciativas que irão decorrer nos próximos dias em Famalicão. Na sexta, dia 24, vão ser distribuídas sementes autóctones pelas 19 Eco Escolas do concelho; no domingo, dia 26, o Devesa em Família vai pôr as famílias famalicenses a semearam espécies autóctones, e no próximo dia 29, quarta-feira, terá lugar em Nine, entre as 14h00 e as 17h00, uma ação de reflorestação de dois quilómetros de margens do Rio Este.

Populares