Seguir o O MINHO

Desporto

Fafe confirma renovação de Marçal, André e Marquinhos

em

O Fafe, da II Liga portuguesa de futebol, confirmou, este domingo, a renovação de contratos com Marçal, André e Marquinhos para a temporada de 2016/17.


O guarda-redes Marçal, de 22 anos, vai cumprir a sua sexta época no clube, o médio André, de 33 anos, formado no Sporting de Braga, a nona, enquanto o avançado Marquinhos, de 30 anos, a segunda, depois de ter chegado ao clube orientado por Agostinho Bento proveniente do Kouklion, da Liga cipriota.

Antes, o Fafe tinha confirmado a continuidade do médio Landinho, de 23 anos, que na última época fez 34 jogos e apontou três golos.

O Fafe tem agendado para sábado o primeiro jogo de preparação, uma deslocação à Póvoa de Varzim para defrontar o clube local.

logo Facebook Fique a par das Notícias de Desporto. Siga O MINHO no Facebook. Clique aqui

Anúncio

Futebol

Tiago Mendes diz que saída do Vitória foi decisão “meditada”

Vitória SC

em

Foto: DR

O treinador Tiago Mendes afirmou hoje, em comunicado, que a saída do Vitória SC, depois de cumpridas três jornadas da I Liga portuguesa de futebol, foi uma “decisão muito meditada”, a “pensar no bem de todos”.

Tiago Mendes formalizou hoje a rescisão com o clube vimaranense, o primeiro que representou como treinador principal, e assumiu ter encerrado uma etapa que começou com “muita ilusão”, depois de ter refletido sobre a situação em que se encontrava.

“Foi uma decisão muito meditada e, não tenho dúvida, acertada, a pensar no bem de todos”, lê-se na nota enviada à Lusa pelo antigo médio, internacional pela seleção portuguesa em 66 ocasiões.

Apresentado em Guimarães no dia 17 de agosto, o técnico, de 39 anos, viu a sua saída oficializada na passada quinta-feira e adiantou que, no período em que esteve em Guimarães, “acontecido algumas situações que geraram uma distância demasiado grande” para poder “manter a exigência de trabalho adequada”, num clube “tão grande como o Vitória”.

O treinador natural de Viana do Castelo admitiu ainda sentir-se “em dívida” para com os jogadores, o ‘staff’, “as pessoas que trabalham no dia a dia no clube e que tornam possível o seu funcionamento” e também os “adeptos”, na sequência da decisão tomada.

Após a saída de Tiago Mendes, entretanto substituído por João Henriques, a equipa minhota é oitava classificada da I Liga, com quatro pontos em três jogos: derrota caseira com o Belenenses SAD (1-0), empate no terreno do Rio Ave (0-0) e triunfo na receção ao Paços de Ferreira (1-0).

Antes de representar os vimaranenses, o ex-jogador de SC Braga, Benfica, Chelsea (Inglaterra), Lyon (França), Juventus (Itália) e Atlético de Madrid (Espanha) foi adjunto de Diego Simeone no clube madrileno, na época 2017/18, e treinador da seleção portuguesa sub-15, em 2019.

Quando oficializou a saída, a administração da SAD vitoriana mostrou-se “surpreendida” pela “quebra de um trabalho de vários meses entre a estrutura do futebol e o treinador”, tendo vincado que a decisão de Tiago Mendes foi uma “manifestação de insegurança”.

Continuar a ler

Futebol

Portugal vence Suécia e mantém liderança na Liga das Nações

Liga das Nações

em

Foto: Twitter

A seleção portuguesa de futebol segurou hoje a liderança do Grupo 3 da Liga A da Liga das Nações, ao bater em Alvalade a Suécia por 3-0, na noite de Diogo Jota, o substituto de Cristiano Ronaldo.

O avançado do Liverpool, chamado ao ‘onze’ face ao teste positivo à covid-19 do ‘capitão’, fez a assistência para Bernardo Silva marcar o primeiro golo, aos 21 minutos, e apontou os outros, aos 44 e 72, na segundo vitória lusa em 10 receções aos suecos.

Na classificação do agrupamento, e após quatro jogos, Portugal manteve-se no primeiro posto, com os mesmos 10 pontos da França, vencedora na Croácia por 2-1, com tentos de Antoine Griezmann e Kylian Mbappé. Os croatas somam três pontos e os suecos zero.

Continuar a ler

Futebol

Presidente do Vitória infetado com covid-19

Covid-19

em

Foto: Paulo Jorge Magalhães / O MINHO (Arquivo)

O presidente do Vitória SC, Miguel Pinto Lisboa, está infetado com o novo coronavírus, tal como o futebolista Gideon Mensah, anunciou hoje o emblema da I Liga portuguesa de futebol no sítio oficial.

O dirigente vitoriano, refere o comunicado, “testou positivo ao SARS-CoV-2 [novo coronavírus]”, encontrando-se “assintomático e em isolamento” e “cumprindo o estabelecido no plano de contingência” do clube.

“A deteção deste caso não tem qualquer implicação com o normal curso dos trabalhos da equipa principal de futebol”, lê-se na nota publicada.

Os minhotos informaram também que o lateral-esquerdo Gideon Mensah, de 22 anos, testou positivo “nos exames efetuados à chegada a Guimarães”, depois de ter representado a seleção do Gana nos jogos amigáveis com o Mali (derrota ganesa por 3-0), na sexta-feira, e com o Qatar (triunfo por 5-1), na segunda-feira.

O Vitória frisou que o jogador está “assintomático” e não teve “qualquer contacto com o grupo de trabalho” após o regresso a Portugal, encontrando-se em “isolamento” depois do teste, algo que o clube impõe para “a reintegração dos jogadores internacionais no plantel”.

Os vimaranenses informaram que o plantel treinado por João Henriques mantém a “rotina de treino”, com os jogadores, a equipa técnica liderada por João Henriques e o ‘staff’ de apoio a sujeitarem-se a uma “testagem regular”.

Em setembro, o extremo angolano Nélson da Luz, um dos 17 reforços vitorianos para a época em curso, também acusou positivo à covid-19, estando já recuperado.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de um milhão e oitenta e sete mil mortos e mais de 38,2 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 2.117 pessoas dos 91.193 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

Continuar a ler

Populares