Seguir o O MINHO

Esposende

Esposende é a próxima cidade inteligente do país

Terá como pilares a sustentabilidade, pessoas, território e arte, e como grande propósito a qualidade de vida das populações.

em

Foto: Divulgação / CM Esposende

Esposende apresenta no próximo dia 05 de setembro o projeto smart city, que torna aquela cidade como uma das mais recentes a adotar um projeto tecnológico que integre os cidadãos no espaço público de forma sustentável e eficaz.

Depois da cidade de Cascais, que já se tornou exemplo a nível mundial pela implementação deste tipo de projeto, Esposende prepara-se para seguir os traços das maiores referências mundiais, com um projeto tecnológico a ser elaborado pelo grupo bracarense DST.

“O conceito Smart City tem como pilares a sustentabilidade, pessoas, território e arte, e como grande propósito a qualidade de vida das populações. Em causa está a aplicação da tecnologia em projetos estruturantes em áreas decisivas como ambiente, mobilidade, energia, cultura e património e reabilitação urbana”, escreve Benjamim Pereira, presidente da Câmara de Esposende.

Em comunicado, o autarca explica que esta é uma “estratégia vanguardista”, apontando os cinco eixos para a cidade: “Esposende cidade Analítica, Esposende cidade Resiliente, Esposende cidade Preditiva, Esposende cidade de Conhecimento e Educação e Esposende Território Criativo”.

“O contexto atual impele-nos a projetar a cidade do futuro e a procurar estratégias de melhoria da qualidade de vida da população”, acrescenta o edil.

Uma das ideias do projeto passa pela criação de um sistema de informação ambiental, com a implementação de sensores que medem a qualidade do ar, do ruído ou do índice de raios ultravioleta.

Para ajudar na cimentação de Esposende como cidade inteligente, a autarquia pode contar com projetos como o Observatório Marinho de Esposende, o Next Sea, e a obra do canal intercetor, isto para prevenir cheias e para combater as alterações climáticas.

Também a limpeza das ruas da cidade, assim como a gestão dos resíduos, terá novidades, com a criação de um centro de controlo no centro da cidade otimizado por tecnologia de ponta.

A apresentação deste projeto decorre no próximo dia 05 de setembro, no Forte S. João Baptista, em Esposende.

Populares