Seguir o O MINHO

Alto Minho

“Chegar a Casa”. Série gravada em Arcos de Valdevez estreia quarta-feira na RTP

Com elenco de luxo

em

Foto: RTP

“Chegar a Casa”, nova série de ficção da RTP gravada em Arcos de Valdevez, vai estrear-se quarta-feira na televisão e na plataforma digital do canal público.

Trata-se de uma coprodução luso-espanhola, da produtora portuguesa SPi e da espanhola CTV, de oito episódios, para a RTP e para a TV Galícia.

Começa a ser exibida já na quarta-feira, às 21:00, na RTP e também através da internet, em RTP Play.

Como O MINHO noticiou em novembro do ano passado, a série tem um elenco de luxo. Joana Seixas e Miguel Ángel Blanco são os protagonistas, mas o elenco conta ainda com Rosa do Canto, Anabela Moreira, Rúben Gomes, Rui Melo, Alfredo Brito, Rodrigo Tomás, Duarte Melo e Sara Casasnovas.

O projeto foi realizado por Sérgio Graciano, com atores portugueses e espanhóis, e com argumento de Filipa Poppe e Joana Andrade.

Além de Arcos de Valdevez, as filmagens também foram rodadas em Santiago de Compostela, Galiza.

Enredo

Segundo a descrição da RTP, “Chegar a Casa” conta a história de Marta, uma mulher que regressa à sua terra natal, em Portugal, depois de 15 anos em Santiago de Compostela e após o seu casamento ter fracassado.

“Marta acaba de ouvir a frase que mais temia do seu marido Cayetano. Quinze anos de casamento, dois filhos, uma casa paga ao banco e a rotina que ela pensava ser de felicidade e amor”, descreve o canal público.

“Cayetano, CEO de uma empresa de telecomunicações, pediu o divórcio e todos os sinais que Marta ignorou ao longo de meses fazem agora sentido. Na vida de Cayetano existe outra pessoa, Lola, uma mulher mais nova”, acrescenta a descrição.

Responsável de comunicação na empresa do marido, Marta demite-se e muda-se com os filhos para a terra dos pais, Arcos de Valdevez, enquanto Cayetano foi viver com a nova namorada.

“Este divórcio será apenas o cair da primeira peça de um dominó que, com o seu efeito, irá afetar todos”, antecipa a RTP.

Populares