Seguir o O MINHO

Braga

Câmara de Braga esclarece buscas da PJ

Operação Rota Final levou a PJ a fazer buscas em 18 câmaras, incluindo Braga e Barcelos, no Minho

em

Foto: DR / Arquivo

A Câmara Municipal de Braga esclareceu, ao final da manhã desta quarta-feira, o motivo das buscas de que foi alvo, por parte da Polícia Judiciária, no âmbito da Operação “Rota Final”.

“Atendendo às notícias que vieram a público relativamente a diligências hoje efectuadas pela Polícia Judiciária (PJ) em diversas autarquias do país, entre as quais o Município de Braga, informa-se que neste caso apenas foi solicitada informação à instituição sobre o processo de recrutamento de uma colaboradora (que já não tem vínculo com esta autarquia), a qual foi imediatamente facultada dentro do espírito de colaboração com que este Município tem participado em todos os processos de investigação”, explica a autarquia num curto comunicado enviado a O MINHO.

Transdev visada na operação que levou a PJ a fazer buscas em Braga e Barcelos

A operação “Rota Final” relaciona-se com um alegado esquema fraudulento de viciação de procedimentos de contratação pública.

As buscas mobilizaram meios da Diretoria do Norte da PJ, com o apoio de vários departamentos de investigação criminal e da Diretoria do Centro, no âmbito de um inquérito titulado pelo Departamento de Investigação e Ação Penal (DIAP) de Coimbra.

Ao todo, foram 50 as buscas realizadas, envolvendo 200 elementos da Polícia Judiciária – inspetores, peritos informáticos, peritos financeiros e contabilísticos.

As 18 câmaras municipais alvo de buscas forma as de Águeda, Almeida, Armamar, Belmonte, Barcelos, Braga, Cinfães, Fundão, Guarda, Lamego, Moimenta da Beira, Oleiros, Oliveira de Azeméis, Oliveira do Bairro, Sertã, Soure, Pinhel e Tarouca.

“Mediante atuação concertada de quadros dirigentes de empresa de transporte público, de grande implementação em território nacional com intervenção de ex-autarcas a título de consultores, beneficiando dos conhecimentos destes, terão sido influenciadas decisões a nível autárquico com favorecimento na celebração de contratos públicos de prestação de serviços de transporte, excluindo-se das regras de concorrência, atribuição de compensação financeira indevida e prejuízo para o erário público”, afirma a PJ, em comunicado a propósito deste caso.

Também no recrutamento de funcionários se terão verificado situações de favorecimento, ainda segundo a PJ.

A investigação prossegue “para determinação de todas as condutas criminosas, seu alcance e respetivos agentes”, esclarece a polícia.

Anúncio

Braga

Colisão violenta faz quatro feridos em Vieira do Minho

Acidente

em

Fotos cedidas a O MINHO por Duarte Prestes

Quatro pessoas ficaram feridas, entre os quais um jovem de 16 anos, após uma colisão entre duas viaturas ligeiras na Rua da Igreja, em Soutelo, concelho de Vieira do Minho, disse a O MINHO fonte dos bombeiros.

Desconhecem-se ainda as causas do acidente, apenas que terá envolvido duas viaturas, com uma delas a colidir contra um poste da EDP, derrubando o mesmo, que acabou por atingir os intervenientes.

Foto cedida a O MINHO por Duarte Prestes

Foto cedida a O MINHO por Duarte Prestes

Foto cedida a O MINHO por Duarte Prestes

Foto cedida a O MINHO por Duarte Prestes

No local estiveram os Bombeiros de Vieira do Minho que efetuaram o transporte dos quatro feridos.

Uma ambulância dos Bombeiros de Póvoa de Lanhoso também foi ativada para transportar o jovem de 16 anos mas acabou por ser desmobilizada, com a vítima a ser transportada em conjunto com a mãe, na mesma ambulância.

As vítimas, todas da mesma família, foram transportadas para o Hospital de Braga com ferimentos considerados ligeiros.

Segundo fonte da Proteção Civil, o alerta foi dado cerca das 15:08.

A GNR registou a ocorrência.

Continuar a ler

Braga

Padres de Braga dão a volta ao vírus no regresso das missas abertas

Covid-19

em

Foto: DR

Diferentes párocos do concelho de Braga deram a volta às recomendações da Direção-Geral de Saúde para o regresso das eucaristias, celebrando-as fora da igreja.

Em Ferreiros, o padre Miguel Simões celebrou, este domingo, a eucaristia no pavilhão municipal. Apesar da adesão não ter sido significativa, revelando ainda alguma timidez dos fiéis em marcar presença, a paróquia colocou cadeiras no recinto para alguns dos presentes, enquanto outros ficaram pela bancada já existente.

Também em Priscos, após desafio do padre João Torres, uma associação cultural local e a junta de freguesia disponibilizaram as instalações do pavilhão local para a celebração da eucaristia.

Em Guisande, o mesmo pároco, João Torres, celebrou missa no campo de futebol local, onde estiveram mais de 100 pessoas.

Durante a semana, as missas terão lugar nas igrejas paroquiais, já que a afluência de fiéis é substancialmente menor.

Portugal entrou no dia 03 de maio em situação de calamidade devido à pandemia, depois de três períodos consecutivos em estado de emergência desde 19 de março.

Esta nova fase de combate à covid-19 prevê o confinamento obrigatório para pessoas doentes e em vigilância ativa, o dever geral de recolhimento domiciliário e o uso obrigatório de máscaras ou viseiras em transportes públicos, serviços de atendimento ao público, escolas e estabelecimentos comerciais.

Continuar a ler

Braga

Braga vai transferir 72 mil euros para doze agrupamentos de escolas

Para obras urgentes de manutenção

em

Foto: Divulgação/CM Braga

O Município de Braga vai transferir 72 mil euros para 12 agrupamentos de escolas, seis mil para cada um, para obras urgentes de manutenção dos estabelecimentos de ensino.

A proposta, da vereadora Lídia Dias, que é discutida e votada esta segunda-feira, em reunião de Câmara, decorre da assinatura em 2009 de um contrato com o Ministério da Educação para gestão do parque escolar do 2.º e 3.º ciclos, visando, em especial, a manutenção e o apetrechamento das escolas. O Ministério transfere anulamente 240 mil euros, 20 mil por cada estabelecimento.

A verba contempla os agrupamentos de escolas de Alberto Sampaio, André Soares, Braga Oeste, Carlos Amarante, Celeirós, D. Maria II, Dr. Francisco Sanches, Maximinos, Mosteiro e Cávado, Real, Sá de Miranda e Trigal Santa Maria.

Na reunião, que decorre por vídeo-conferência, estarão em análise, entre outros assuntos, o início do procedimento do regulamento referente à utilização e acesso ao terminal da Central de Camionagem de Braga; a adenda ao contrato de concessão em regime de exclusividade do serviço de transporte rodoviário de passageiros; a atribuição de subsídios aos Agrupamentos de Escolas para a reparação e manutenção das Escolas dos 2º e 3º ciclos do Ensino Básico do Concelho; a atribuição de Bolsa Social de Mérito a estudantes do Ensino Superior; a utilização de espaços municipais por entidades promotoras do Desporto de actividade física e o contrato interadministrativo de delegação de competências com a União das Freguesias de Crespos e Pousada.

Continuar a ler

Populares