“Beber vinho moscatel em espaço público é infringir a lei”, avisa Ricardo Rio

Bananeiro

A Polícia Municipal de Braga e a PSP vão apertar a fiscalização durante o próximo dia 24 no centro da cidade, nomeadamente junto à Casa das Bananas, devido ao anúncio daquela loja de que irá abrir e vender o tradicional moscatel com banana.

O anúncio foi feito hoje por Ricardo Rio, presidente da Câmara de Braga (CMB), recordando que as autoridades vão ser “intransigentes a fazer cumprir” a norma que proíbe o consumo de bebidas alcoólicas em espaços ao ar livre e nas vias públicas.

Segundo o autarca, para a norma não infringir a lei, seria necessária a licença para o efeito, algo que, garante Rio, não irá acontecer.

“Ao contrário do sucedido em anos anteriores, a CMB não autorizará nenhuma instalação de balcões ou pontos de venda em espaço público associados a esta tradição”, vincou.

Ricardo Rio explica ainda que, para travar a possível abertura da Casa das Bananas, não pode “fechar todo o comércio local mais cedo apenas para abranger uma loja em particular”.

Bananeiro. “Não temos o direito de impedir uma tradição tão vincada” em Braga

O autarca recorda que, ao longo de todo o ano, os bracarenses “não puderam usufruir de nenhuma das suas tradições”.

“Da Semana Santa à Noite Branca, da Braga Romana ao S. João, entre muitas outras iniciativas culturais, desportivas ou sociais.
Não realizar o tradicional “Bananeiro” não será, nesse quadro, drama para ninguém”, sublinha Ricardo Rio.

O autarca cita, através da sua página na rede social Facebook, o número 3 do artigo 18 do decreto nº11 de 06 de dezembro relativo ao estado de emergência, que estará em vigor até dia 23 mas que será prolongado até 07 de janeiro.

“É proibido o consumo de bebidas alcoólicas em espaços ao ar livre de acesso ao público e vias públicas, excetuando -se os espaços exteriores dos estabelecimentos de restauração e bebidas devidamente licenciados para o efeito.”.

“Beber vinho moscatel em espaço público é assim infringir a lei. Para o ano há mais”, termina o presidente da Câmara.

 
Total
0
Partilhas
Artigo Anterior

Projeto solidário garante refeições e prendas de Natal a famílias carenciadas de Braga

Próximo Artigo

Ex-ministro Nuno Crato lamenta "acusações irresponsáveis e falsas" de secretário de Estado da Educação

Artigos Relacionados
x