Seguir o O MINHO

SC Braga

Abel Ferreira alerta para a vontade do Feirense de voltar a ganhar

30.ª jornada da I Liga

em

Foto: O MINHO/Arquivo

O treinador Abel Ferreira advertiu hoje que o Feirense, último classificado da I Liga, com apenas duas vitórias, vai querer ganhar mais do que nunca e pediu, por isso, aos futebolistas do SC Braga para estarem “alerta”.

“Analisámos os jogos do Feirense com os dois primeiros [Benfica e FC Porto] e não vou falar como os ganharam, mas vimos as dificuldades que tiveram. Esperamos grandes dificuldades, mas todos os jogos são uma oportunidade para crescer e melhorar”, disse o técnico, na antevisão à deslocação ao terreno do Feirense, no sábado, para a 30.ª jornada do campeonato.

O Feirense é último classificado, contando apenas com duas vitórias na prova, a última das quais há oito meses (1-0, fora, diante do Vitória de Guimarães) e, também por isso, o técnico espera um adversário que, “mais do que nunca, vai querer ganhar”.

“Temos que ser fiéis à nossa identidade e forma de jogar. Não faço destrinça em relação aos nossos adversários, temos que os respeitar muito e igualar a sua intensidade para estarmos mais próximos de os vencer”, disse, adiantando que Dyego Sousa é baixa para o jogo, devido a lesão.

Questionado sobre a possibilidade de não conseguir ficar em terceiro lugar, depois de ter tido sete pontos de vantagem sobre o Sporting e agora estar a três de distância dos ‘leões’, Abel Ferreira disse que o balanço será feito no fim, mas valorizou a época dos minhotos.

“Fomos à meia-final da Taça de Portugal com o FC Porto, à meia-final da Taça da Liga e perdemos como vocês sabem e agora estamos a lutar até ao fim pelo terceiro lugar. Há qualidade no trabalho e no jogo, valorização de jogadores e da equipa e, aconteça o que acontecer, essa imagem de marca está lá”, disse.

Questionado sobre se esperava mais de Fábio Martins, Abel Ferreira afirmou que “esperava mais de todos os jogadores”.

“Somos exigentes. O Fábio Martins teve uma lesão e para o Murilo estar a jogar, alguém não vai jogar. O Murilo dá outras nuances à equipa, não é um lateral esquerdo, é um ala esquerdo, mas pode jogar à frente também, sabe o que quer e o que faz, teve a paciência de esperar pela sua oportunidade”, argumentou.

Instado a comentar as eliminações de FC Porto e Benfica das competições europeias desta semana, fazendo um paralelismo com as desigualdades entre os ‘grandes’ do futebol português e as restantes equipas, como já fez em diversas alturas, Abel Ferreira disse que importa estudar o fenómeno.

“Poucos sabem, mas sou licenciado em educação física, podiam chamar-me professor Abel. Não faço outra coisa senão querer ser melhor todos os dias, como homem e como treinador, em melhorar os meus jogadores e em estudar o fenómeno [do futebol], o acessório ponho de lado”, disse.

O treinador frisou que o futebol português está a transformar-se em algo em que não se revê, lembrando que “Bernardo Silva, melhor jogador português da atualidade, juntamente com Cristiano Ronaldo, disse recentemente que há muito tempo que o futebol português ultrapassou os limites”.

O SC Braga, quarto classificado da I Liga, com 61 pontos, e o Feirense, 18.º e último, com 15, defrontam-se no sábado, às 18:00, no Estádio Marcolino Castro, em Santa Maria da Feira, em jogo da 30.ª jornada da prova.

Anúncio

SC Braga

À quarta ronda de testes, SC Braga continua livre da covid

Covid-19

em

Foto: Twitter de SC Braga

Os jogadores, equipa técnica e ‘staff’ do SC Braga foram novamente sujeitos a testes de rastreio à covid-19 cujos resultados foram todos negativos, revelou hoje o clube minhoto da I Liga de futebol.

Foi a quarta ronda de testes realizada pelos bracarenses no espaço de um mês e todos eles tiveram resultados negativos.

Antes do início da competição, os ‘arsenalistas’, tal como as restantes equipas, voltarão a ser testados.

Depois da folga de segunda-feira, o plantel voltou hoje aos treinos para preparar o jogo com o Santa Clara, da 25.ª jornada da I Liga, no dia 05 de junho (19:00), que terá lugar na Cidade do Futebol, em Oeiras.

Após a declaração de pandemia, em 11 de março, as competições desportivas de quase todas as modalidades foram disputadas sem público, adiadas – Jogos Olímpicos Tóquio2020, Euro2020 e Copa América -, suspensas, nos casos dos campeonatos nacionais e provas internacionais, ou mesmo canceladas.

Os campeonatos de futebol de França, Escócia, Bélgica e dos Países Baixos foram cancelados, enquanto outros países preparam o regresso à competição, com fortes restrições, como sucede em Inglaterra, Itália, Espanha e Portugal, que tem o reinício da I Liga previsto para 03 de junho. A Liga alemã foi retomada em 16 de maio.

A nível global, segundo um balanço da agência de notícias AFP, a pandemia de covid-19 já provocou mais de 346 mil mortos e infetou mais de 5,5 milhões de pessoas em 196 países e territórios. Quase 2,2 milhões de doentes foram considerados curados.

Em Portugal, morreram 1.342 pessoas das 31.007 confirmadas como infetadas, e há 18.096 casos recuperados, de acordo com a Direção-Geral da Saúde.

Continuar a ler

SC Braga

Guarda-redes Rute Costa deixa SC Braga após quatro épocas

Sem adiantar qual o próximo passo na carreira

em

Rute Costa. Foto: SC Braga

A futebolista internacional portuguesa Rute Costa, guarda-redes do campeão SC Braga, informou hoje que deixa as ‘arsenalistas’ após quatro épocas, sem adiantar qual o próximo passo na carreira.

“Fim de um ciclo! Não foram 4 meses, foram 4 anos… Quero agradecer a todas as jogadoras que passaram pelo SC Braga por contribuírem para o meu crescimento desportivo e pessoal”, escreveu a jogadora, de 25 anos, na rede social Facebook.

Rute Costa, que chegou ao SC Braga em 2016/17, na época de criação e estreia da equipa feminina, conquistou o campeonato em 2018/19 e a Supertaça em 2018, num currículo que conta ainda com uma Taça de Portugal com o Boavista, em 2012/13.

No comunicado, Rute Costa deixa ainda um agradecimento ao treinador de guarda-redes e aos adeptos do SC Braga, acrescentando estar “ansiosa por uma nova baliza, onde possa continuar a voar e sonhar”.

A guardiã tem duas internacionalizações em jogos particulares, tendo marcado presença no Europeu de 2017, na Holanda, na estreia de Portugal, competição em que foi suplente de Patrícia Morais, guarda-redes do Sporting.

Em abril, a Federação Portuguesa de Futebol decidiu cancelar as competições não profissionais, devido à pandemia da covid-19, entre as quais o campeonato feminino, então liderado por Benfica, com os mesmos pontos do Sporting.

Continuar a ler

SC Braga

SC Braga apresenta segunda fase da Cidade Desportiva

Futebol

em

Foto: SC Braga / Facebook

O SC Braga apresentou hoje, através de vídeo publicados nas suas redes sociais, o projeto da segunda fase da Cidade Desportiva, cujas obras deverão arrancar em maio.

A segunda fase da Cidade Desportiva contempla um pavilhão multiusos, com 1030 lugares, considerado pelo clube um “equipamento estratégico para o desenvolvimento de todas as modalidades indoor do clube e para a realização de saraus desportivos, culturais, exposições e outros evento”.

Outro destaque é “Estado Centenário”, com 2400 lugares, que tem aquele nome para homenagear “todos aqueles que durante estes cem anos contribuíram para este clube”.

Vai ter ainda área residencial com 49 quartos duplos, restaurante, ginásio e parque de estacionamento com 250 lugares, entre outras novidades.

Continuar a ler

Populares