Vitória entrou bem, mas Leixões leva a Taça de Portugal feminina de voleibol

Final disputou-se em Viana

O Leixões conquistou hoje, pela 10.ª vez na sua história, a Taça de Portugal feminina de voleibol, depois de vencer o Vitória SC por 3-0, numa final emotiva, em que as matosinhenses se revelaram superiores.

A equipa comandada por Miguel Coelho, que já era detentora do troféu, fez valer a sua maior experiência neste tipo de decisões, perante um adversário minhoto, que, pela primeira vez, marcou presença na final, mas deu boa réplica.

As leixonenses superiorizaram-se nos dois primeiros parciais e, apesar de as vimaranenses terem mantido o terceiro parcial sempre em aberto, a maior capacidade coletiva do Leixões acabou por fazer a diferença na parte final.

Ainda assim, o Vitória até teve uma melhor entrada no desafio, mostrando-se mais eficaz nos contra-ataques, mas, apesar de ter cavado uma vantagem interessante, não conseguiu manter o ritmo.

As leixonenses, com uma equipa mais entrosada, perceberam por onde tinham de estancar as iniciativas contrárias e, ao melhorarem a presença na rede e o seu volume ofensivo, conseguiram inverter os acontecimentos e vencer o ‘set’ inicial por 25-19.

As atletas de Matosinhos levaram esse embalo para o segundo parcial, que desde cedo começaram a impor uma vantagem confortável, fruto das muitas brechas que o Vitória abria na defesa, numa prestação desastrada.

Mesmo sem grande esforço, o Leixões conseguiu ser mais eficaz nos contra-ataques e, perante a incapacidade de resposta das adversárias, fechou este parcial com um esclarecedor 25-15.

Sabendo que não tinha mais margem de erro, o Vitória entrou a ‘todo o gás’ para o terceiro ‘set’, o qual, com um ataque muito consistente, assumiu a dianteira do marcador, com uma vantagem que chegou a rondar os cinco pontos.

Ainda assim, o Leixões, como coletivo, mostrava-se mais forte e, retocando alguns aspetos, sobretudo na sua defesa, reequilibrou o desafio.

Já depois de travar uma oportunidade do adversário fechar o ‘set’, forçou o erro contrário e aplicou o triunfo por um apertado, mas justo, 26-24, que lhe permitiu conquistar, pela 10.ª vez, a Taça de Portugal feminina.

Ficha de Jogo

Jogo realizado no Pavilhão do Centro Cultural de Viana do Castelo.

Leixões – Vitória SC, 3-0.

Parciais: 25-19, 25-15 e 26-24.

Sob arbitragem de Raquel Portela e Sofia Costa, as equipas alinharam com:

– Leixões: Fabíola Gomes, Eliana Durão, Juliana Antunes, Victoria Alves, Helena Monteiro, Carina Moura e Beatriz Basto (líbero). Jogou ainda: Maria Santos.

Treinador: Miguel Coelho.

– Vitória SC: Manuele Silva, Samaret Caraballo, Jéssica Miranda, Greta Martinelli, Florência Giorgi, Ana Clara e Maria Marques (líbero). Jogou anda Diane Oliveira.

Treinador: Hélder Andrade.

Assistência: Cerca de 1.000 espetadores.

 
Total
0
Partilhas
Artigo Anterior

Eis a renovada biblioteca de Esposende

Próximo Artigo

"Conto pelos dedos de uma mão as vezes em que fui expulso"

Artigos Relacionados
x