Seguir o O MINHO

Alto Minho

Vereadora de Ponte da Barca diz que “ser do Norte é do car***o!”

Polémica TVI

em

Foto: Facebook / Sílvia Torres

Não é carago, nem caraças, é mesmo o palavrão com as letras todas, à moda do Norte. Sílvia Torres, vereadora socialista na Câmara de Ponte da Barca, considera que “ser do Norte é do car***o!”.

Dizendo-se “inspirada”, a vereadora escreveu hoje um poema na sua página de Facebook, numa clara alusão à polémica reportagem da TVI em cujo oráculo foi escrito que a justificação para o Norte ter mais casos de covid-19 devia-se ao facto de a sua população ser “menos educada, mais pobre, envelhecida e concentrada em lares”.

O poema, assinado pela própria, é assim:
“Ser do Norte…
Ser do norte é do c***lho!
É falar alto e bom som e não ser nenhum paspalho!
É ter um país inteiro aos seus pés e respeitá-lo de lés a lés!
Ser do Norte é ter educação, gostar e preservar uma boa tradição!
É ter o coração na boca, a saudade na alma e pouca ou nenhuma calma!
É ter vaidade ou chieira, é gostar de romarias e de ir a uma boa feira!
Ser do Norte é ser f***do! É falar pelos cotovelos e ser bem compreendido!
É ter um bom coração, ser fiel ao seu país, e dizer um palavrão!
É ser alegre e bondoso e respeitar todo o idoso!
É gostar de folclore, saber bem bater o pé e gostar de ver balé!
Ah… ser do norte que orgulho, que imensa satisfação! Porque somos tão honestos, muito pouco “chico espertos” e temos bom coração!
Ah ser do Norte que riqueza, que privilégio sem fim…
É ter imensa beleza e saber dançar assim!!
Quem te dera ser do Minho, quem te dera ser do Norte, mas na vida não se tem tudo e tu tiveste pouca SORTE!!!”

De acordo com a Rádio Vale do Minho, que chamou a atenção para a publicação, Sílvia Torres é professora na Escola Profissional de Ponte de Lima (EPRALIMA) e fez também parte dos efetivos na lista de candidatos pelo PS pelo círculo eleitoral de Viana do Castelo às últimas legislativas.

“Vírus não distingue a educação, a cultura, os pontos cardeais, e nem sequer a pronúncia”

Do concelho vizinho, Vila Verde, também chegou uma mensagem do vereador socialista José Morais. Noutro tom, o candidato do PS à Câmara Municipal, nas últimas eleições autárquicas, manifestou repúdio e indignação com as afirmações contidas no texto da reportagem da TVI.

Hoje, depois de instalada a polémica, a estação televisiva da capital pediu desculpas pelo “erro grosseiro”.

PONTE DA BARCA | EM DESTAQUE

Ponte da Barca já tem um documentário de vida selvagem. E é um encanto

Populares