Seguir o O MINHO

Guimarães

Universidade do Minho homenageia “pai” da Constituição cabo-verdiana

Wladimir Brito

em

Foto: Mais Guimarães

A Universidade do Minho vai homenagear esta sexta-feira, o professor catedrático Wladimir Brito. A cerimónia, por ocasião da sua jubilação, vai acontecer no auditório nobre da Escola de Direito da UMinho, no campus de Gualtar, em Braga, a partir das 16:30.

Wladimir Brito foi candidato a presidente da Câmara de Guimarães, onde reside, encabeçando a lista do Bloco de Esquerda, nas autárquicas de 2017. O professor é reconhecido como “pai” da Constituição de Cabo Verde.

No seu percurso destacam-se, para além dos cargos académicos, e de gestão universitária, o trabalho no domínio da investigação e da produção científica. Especialista em Direito Internacional Público, Wladimir Brito desempenhou funções de diretor e cofundador do Observatório Lusófono de Direitos Humanos e membro da lista de Conciliadores das Nações Unidas (Convenção de Viena sobre o Direito dos Tratados de 1961), designado pelo Governo português.

Foi por diversas vezes reconhecido pela sociedade tendo sido agraciado com inúmeros prémios e distinções, nomeadamente, com o Estatuto de Combatente da Liberdade da Pátria, atribuído pela Assembleia Nacional de Cabo Verde (2008), com a Medalha da Associação dos Diplomados da Escola Superior de Guerra do Brasil (2014), com a Primeira Classe da Medalha de Mérito, atribuída pelo presidente da República de Cabo Verde (2015), com a medalha Amigo da Marinha do Brasil (2017), e com o Diploma de Mérito pelo Reitor da Universidade de Santiago em Cabo Verde (2019).

Populares