Seguir o O MINHO

Guerra na Ucrânia

Ucrânia pode contar com apoio da NATO “o tempo que for necessário”

Guerra

em

Foto: Twitter / António Costa

O secretário-geral da NATO, Jens Stoltenberg, garantiu hoje que a Ucrânia pode contar com o apoio da NATO “o tempo que for necessário”, acusando a Federação Russa de ter “destruído a paz na Europa”.

Falando em conferência de imprensa após a primeira sessão de trabalhos da cimeira dos chefes de Estado e de Governo da Organização do Tratado do Atlântico Norte (NATO, na sigla em inglês), Jens Stoltenberg mostrou-se “satisfeito” pelo facto de o Presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, ter podido participar na reunião por videoconferência.

“O Presidente [da Ucrânia, Volodymyr] Zelensky sublinhou que a Ucrânia depende do nosso apoio contínuo e a mensagem que lhe transmitimos também foi clara: a Ucrânia pode contar connosco o tempo que for necessário”, garantiu Stoltenberg.

O secretário-geral da NATO afirmou que “a guerra do Presidente [da Federação Russa, Vladimir] Putin contra a Ucrânia destruiu a paz na Europa e criou a maior crise de segurança na Europa desde a Segunda Guerra Mundial”.

“A NATO respondeu com força e união e a liderança e coragem do Presidente Zelensky são uma inspiração para todos nós”, realçou.

Segundo Stoltenberg, “os Aliados vão continuar a fornecer ajuda militar e financeira de grande envergadura” à Ucrânia, tendo os líderes da NATO concordado na reunião de hoje “em aumentar o apoio”, designadamente ao aprovarem um “pacote de assistência abrangente” para o país.

EM FOCO

Populares