Seguir o O MINHO

Região

Semana de chuva no Minho

em

Foto: DR/Arquivo

Esta semana será com chuva em toda a região do Minho. Segundo a previsão do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), a precipitação começa na terça-feira e permanece até sexta-feira em todos os concelhos dos distritos de Braga e Viana do Castelo.


Entre terça e sexta-feira, a probabilidade é entre 97% e 100% em praticamente toda a região. No entanto, há pequena chance de começar na segunda-feira e persistir até sábado.

Em Braga, a temperatura varia dos 2ºC aos 16ºC. Em Viana do Castelo, a mínima é de 6ºC, e a máxima de 15ºC.

Anúncio

Ave

Jovem de 17 anos insulta e agride polícias em Famalicão

Crime

em

Foto: DR

Um jovem de 17 anos foi detido por agredir dois agentes da PSP, em Famalicão, depois de os ter insultado e ameaçado sem qualquer motivo aparente, anunciou aquela polícia. Os polícias tiveram que receber tratamento hospitalar.

Em comunicado, a PSP refere que, pelas 13:15, na Rua Joaquim Azuaga, dois elementos estavam “no exercício das suas funções no interior de um estabelecimento comercial”, quando um jovem de 17 anos “sem que nada o fizesse prever começou a injuriá-los e a ameaçá-los”.

Os polícias “foram ao encontro do suspeito e quando se estavam aproximar do mesmo para fazer cessar a sua conduta ilícita, de imediato o suspeito se insurgiu contra os agentes, gesticulando efusivamente e pontapeando-os nos membros inferiores”.

O comunicado acrescenta que no momento da detenção, o jovem deu “um murro nas costas de um dos elementos policiais, tendo-lhe provocado escoriações e fortes dores”. Durante a intervenção, “o detido arranhou também a mão de outro agente, provocando-lhe uma escoriação no respetivo polegar”.

Ambos receberam tratamento hospitalar.

O detido foi informado que vai ser notificado para comparecer no Tribunal Judicial de Famalicão.

Continuar a ler

Guimarães

Pai e filho acusados de insolvência dolosa em Guimarães

Empresa de comércio de materiais de construção

em

Foto: DR

O Ministério Público acusa dois arguidos, pai e filho, do crime de insolvência dolosa por terem ‘desviado’ bens da empresa de materiais de construção civil de que eram proprietários antes de esta entrar em insolvência. Os arguidos geriam uma empresa com sede em Guimarães que se dedicava à comercialização de materiais de construção civil e combustíveis, tintas vernizes e produtos similares.

Em nota publica na página da Procuradoria-Geral Distrital do Porto, é referido que em junho de 2012 foi declarada a insolvência da referida sociedade, com dívidas superiores a 700 mil euros. Mas deste valor “foi apenas possível pagar uma pequena parte por não terem sido apreendidos bens suficientes”.

O Ministério Público acusa agora os arguidos de antes de apresentarem a sociedade à insolvência concretizarem “um plano que visava dissipar o património da empresa, transferindo-o para terceiros a título gratuito, ou oneroso mas ficando eles, arguidos, com o produto das vendas em vez de o integrarem na sociedade”.

Segundo o Ministério Público, em 2011, transferiram a propriedade de um veículo automóvel para a mulher de um dos arguidos e mãe do outro sem nada receberem em troca, transferiram a propriedade de vários outros veículos automóveis, de maquinaria e de um andaime para outra sociedade, também a título gratuito, e venderam a esta sociedade diversa mercadoria, pelo valor de 107 mil euros, apropriando-se deste montante.

Continuar a ler

Guimarães

Morreu antigo governador civil de Braga e histórico social-democrata de Guimarães

Fernando Alberto Ribeiro da Silva

em

Foto: DR

Morreu esta madrugada, aos 89 anos, Fernando Alberto Ribeiro da Silva, antigo governador civil de Braga e histórico militante do PSD de Guimarães.

De acordo com o Guimarães Digital, do Grupo Santiago, encontrava-se no Lar S. Francisco, onde era utente.

Fernando Alberto Matos Ribeiro da Silva era um destacado advogado de Guimarães, tendo sido deputado na Assembleia Constituinte e ocupado vários cargos de relevo de âmbito regional e nacional.

Recebeu a Comenda da Ordem de Mérito Civil, atribuída pelo Presidente da República Mário Soares, e a Ordem de Mérito do Infante D. Henrique, por Marcelo Rebelo de Sousa.

Foi agraciado com a medalha da Cidade de Guimarães em ouro.

Teve um papel essencial na decisão de construção das atuais instalações do Hospital da Senhora da Oliveira, enquanto ocupava o cargo de Governador Civil de Braga, na década de 80 do século passado.

Foi também Presidente do Conselho Consultivo do Hospital, com o qual manteve sempre uma ligação estreita, e Vitória SC, Bombeiros de Guimarães e fundador da Unidade Vimaranense.

Continuar a ler

Populares