Professores convocam greve nacional para 02 de novembro

Em protesto contra a alegada falta de investimento do Governo na educação
Foto: DR / Arquivo

Os sindicatos de professores anunciaram esta quinta-feira uma greve nacional para o próximo dia 2 de Novembro, em protesto contra a alegada falta de investimento do Governo na educação exposta na proposta de Orçamento do Estado para 2023.

Federação Nacional dos Professores (Fenprof), Federação Nacional da Educação (FNE), Sindicato Nacional e Democrático dos Professores (SINDEP), Associação Sindical de Professores Licenciados (ASPL) e Sindicato Nacional dos Professores Licenciados pelos Politécnicos e Universidades (SPLIU), entre outras plataformas, exigem a valorização da carreira docente, o combate à precariedade e a necessidade de promover o rejuvenescimento do sector.

De acordo com as várias estruturas sindicais associadas aos professores e educadores, que já submeteram o pré-aviso de greve, foi escolhido o dia 2 de Novembro para fazer coincidir a greve nacional com a intervenção do ministro da Educação, João Costa, na Assembleia da República, em defesa da proposta orçamental para o sector no próximo ano.

Para hoje está já agendada uma declaração à comunicação social por parte do secretário-geral da Fenprof, Mário Nogueira, às 12:00, em Coimbra.

 
Total
0
Partilhas
Artigo Anterior

Costa, Sánchez e Macron reúnem-se hoje em Bruxelas para discutir ligações energéticas

Próximo Artigo

Fenómeno pop Now United procuram novo membro português e casting arranca em novembro

Artigos Relacionados
x