Seguir o O MINHO

Famalicão

Porminho investe 18 milhões na sua unidade em Famalicão e cria 50 postos de trabalho

Gabriel Couto será a responsável pelas obras

em

Foto: DR/Arquivo

O grupo Porminho elegeu a Gabriel Couto para a construção e ampliação das suas instalações industriais, um projeto que tem assinatura do Atelier de Arquitetura “TRAMA Arquitetos”, a que corresponde um investimento global a rondar os 18 milhões de euros. Esta empresa que se dedica à transformação e distribuição de carnes e que tem a sua produção em Outiz, Famalicão, prevê a criação de 50 novos postos de trabalho diretos e a dinamização de áreas críticas, como a investigação.

Com esta ampliação das suas instalações industriais, a empresa planeia aumentar a sua capacidade de produção e automatizar os processos fabris, por forma a apostar fortemente no lançamento de novos produtos, através de investigação interna e em parceria com universidades e outras entidades ligadas ao setor alimentar.

Atualmente a Porminho exporta para 12 países a gama de produtos de charcutaria, maioritariamente com a sua própria marca, e a atual estratégia passa por conquistar novas geografias e consolidar as vendas nos mercados onde já está presente, sendo que, quando este plano de investimento e expansão estiver concluído, em 2020, a empresa famalicense estima atingir um volume de negócios de 60 milhões de euros.

Foto: Divulgação

A empreitada em epígrafe consiste na construção e ampliação das atuais instalações da Porminho é constituída por duas fases, correspondendo a primeira à execução de uma nova nave industrial com cerca de 25.000 metros quadrados de área coberta, e dividida em dois pisos, assim como a todos os trabalhos preparatórios, acessos, passeios e arruamentos envolvente ao edifício.

“A adjudicação desta empreitada por parte da Porminho constitui grande um motivo de orgulho e sinal inequívoco da confiança que este tipo de empresas e grupos multinacionais têm vindo a depositar na competência técnica apresentada pela nossa empresa, como entidade responsável pela construção de grandes projetos industriais”, disse Carlos Couto, presidente da Gabriel Couto.

Numa segunda fase posterior, serão construídos os futuros escritórios, edifício administrativo, bem como uma nova portaria e os arranjos exteriores.

Populares