Seguir o O MINHO

Motores

MotoGP anuncia calendário com 15 provas e Portugal é hipótese para encerrar temporada

Motores

em

Foto: DR / Arquivo

O Mundial de MotoGP foi, este ano, reduzido a 15 corridas devido à pandemia de covid-19, anunciou hoje a DORNA, e Portugal é hipótese para acolher a prova de encerramento da época.

Em comunicado, a empresa promotora do Campeonato do Mundo de Velocidade em motociclismo anunciou hoje a entrada de uma nova corrida na Europa, devido ao cancelamento das provas de Argentina, Tailândia e Malásia.

Em declarações à Agência Lusa, o presidente da Federação Internacional de Motociclismo, o português Jorge Viegas, confirmou que “Portimão é uma hipótese” para acolher esta 15.ª prova.

“O Autódromo Internacional do Algarve (AIA) é circuito de reserva do Mundial de MotoGP nos anos de 2020 e 2021 e tem um pré-acordo para entrar no calendário em 2022”, recordou.

Com a vinda do Mundial de Fórmula 1, a 25 de outubro, o circuito algarvio sofrerá obras de melhoramento, nomeadamente com o asfaltamento da pista, que era uma das exigências da DORNA para a vinda do campeonato a Portugal, resolvendo, assim, esse problema.

No entanto, instado a confirmar a entrada do AIA já no calendário de 2020, Jorge Viegas escusa-se a “fazer comentários”.

O anúncio será feito publicamente no dia 10 de agosto.

A data disponível é o 22 de novembro, a seguir ao Grande Prémio da Comunidade Valenciana, em Espanha, que se disputa no fim de semana anterior.

Certo é que quem acolher a derradeira prova da temporada irá, também, organizar a Gala dos Campeões, da DORNA, onde são entregues os troféus aos campeões da temporada.

O Mundial de MotoGP tinha início previsto no dia 08 de março, mas a prova foi cancelada devido à pandemia de covid-19, tendo tido a primeira prova no circuito espanhol de Jerez de la Frontera, a 19 de julho, e a segunda uma semana mais tarde, no mesmo traçado.

Após duas provas realizadas, o francês Fabio Quartararo (Yamaha) lidera o campeonato, com 50 pontos. O português Miguel Oliveira (KTM) é 13.º, com oito.

Anúncio

Motores

Fórmula 1 inicia pré-venda de bilhetes sem confirmar GP de Portugal

Motores

Foto: DR / Arquivo

O sítio oficial da Fórmula 1 na Internet iniciou hoje um processo de pré-venda de bilhetes para o Grande Prémio de Portugal, sem confirmar a prova, no mesmo dia em que a organização do Mundial reviu o calendário.

O campeonato, que vai arrancar uma semana depois do previsto, no Bahrain, em 28 de março, deixa em aberto a data da terceira corrida do ano, em 02 de maio, sendo que a página oficial na Internet, na secção para venda de bilhetes, aceita registos de interesse em bilhetes para o Grande Prémio de Portugal de 2021, ressalvando que está sujeito a confirmação.

Em 2020, a Fórmula 1 regressou a Portugal pela 17.ª vez, após 24 anos e pela primeira vez no Autódromo Internacional do Algarve, em Portimão, após as alterações ao calendário motivadas pela pandemia de covid-19.

O calendário revisto e hoje apresentado pela Liberty Media, organizadora do Grande Circo, prevê um recorde de 23 provas, entre 28 de março e 12 de dezembro, quando vai ser disputada a corrida de Abu Dhabi.

O adiamento do início do campeonato, inicialmente previsto para Melbourne, em 21 de março, ficou a dever-se às restrições de viagens para a Austrália, devido à pandemia provocada pelo novo coronavírus, tendo a corrida sido adiada para 21 de novembro.

O circuito italiano de Imola volta ao calendário, em 18 de abril – e não a 11 como estava no calendário inicial–, enquanto a organização assume “negociações com o promotor e a autoridades chinesas, sobre o potencial reagendamento da corrida para mais tarde na temporada”.

A saída do Grande Prémio do Vietname, que já era conhecida, depois da detenção por corrupção do antigo presidente da câmara de Hanoi, abriu uma vaga no calendário, estando prevista uma prova no dia 02 de maio (e já não a 25 de abril), em local ainda a designar.

Em novembro, o Grande Prémio do Brasil, no circuito de Interlagos, em São Paulo, foi antecipado uma semana, para dia 07, de forma a acomodar a corrida australiana no dia 21.

O Grande Prémio da Arábia Saudita foi adiado em uma semana, para dia 05 de dezembro (ainda sujeita a homologação do circuito de Jeddah), tal como a corrida de encerramento da época, em Abu Dhabi, que passa para 12 de dezembro.

A entrada do Grande Prémio de São Marino, em Imola, está ainda sujeita a aprovação do Conselho Mundial da Federação Internacional do Automóvel (FIA).

Calendário do Mundial de Fórmula 1 de 2021:

Data Grande Prémio Cidade

28 mar Bahrain Sakhir (Bah)

18 abr São Marino Imola (Ita)

02 mai A designar A definir

09 mai Espanha Barcelona (Esp)

23 mai Mónaco Monte Carlo (Mon)

06 jun Azerbaijão Baku (Azb)

13 jun Canadá Montreal (Can)

27 jun França Le Castellet (Fra)

04 jul Áustria Spielberg (Aut)

18 jul Reino Unido Silverston (GBr)

01 ago Hungria Budapeste (Hun)

29 ago Bélgica Spa-Francorchamps (Bel)

05 set Países Baixos Zandvoort (Hol)

12 set Itália Monza (Ita)

26 set Rússia Sochi (Rus)

03 out Singapura Singapura (Sin)

10 out Japão Suzuka (Jap)

24 out Estados Unidos Austin (EUA)

31 out México Cidade do México (Mex)

07 nov Brasil São Paulo (Bra)

21 nov Austrália Melbourne (Aus)

05 dez Arábia Saudita Jeddah (Ars)

12 dez Abu Dhabi Abu Dhabi (EAU)

Continuar a ler

Motores

Miguel Oliveira mais rápido nos treinos livres com recorde da pista no Grande Prémio de Portugal

MotoGP

Foto: DR / Arquivo

O piloto português Miguel Oliveira (KTM) foi hoje o mais rápido na primeira de duas sessões de treinos livres do Grande Prémio de Portugal de MotoGP, que decorre até domingo, no Autódromo Internacional do Algarve, em Portimão.

O piloto da KTM registou a sua melhor volta já nos instantes finais da sessão da última prova do Mundial de velocidade de motociclismo, rodando em 1.40,122 minutos, o tempo mais rápido já feito por uma mota da categoria rainha no circuito algarvio.

Oliveira deixou o espanhol Maverick Viñales (Yamaha) em segundo lugar, a apenas 40 milésimos de distância, e o também espanhol Aleix Espargaró (Aprilia) em terceiro, a 114 milésimos.

Para esta tarde, os pilotos têm prevista a segunda sessão de treinos livres, a partir das 14:00 horas.

O Grande Prémio de Portugal de MotoGP é a 14.ª e última prova da temporada do Campeonato do Mundo de 2020, que foi fortemente condicionada pela pandemia de covid-19.

Miguel Oliveira chega a esta derradeira jornada na 10.ª posição na classificação dos pilotos, com 100 pontos.

Continuar a ler

Motores

Miguel Oliveira já sabe “o que melhorar” para o GP da Comunidade Valenciana

MotoGP

Foto: DR / Arquivo

O piloto português Miguel Oliveira (KTM) já tem “uma ideia clara do que melhorar” este fim de semana para conseguir “lutar por um lugar nos cinco primeiros classificados” do Grande Prémio da Comunidade Valenciana de MotoGP.

“Julgo que agora temos uma ideia clara sobre o que podemos melhorar este fim de semana. A equipa fez um trabalho fantástico num tão curto espaço de tempo para me dar uma mota competitiva para a corrida de domingo [passado]”, lembrou o piloto português, em declarações difundidas pela assessoria de imprensa da equipa Tech3, pela qual alinha na classe rainha do campeonato do mundo de velocidade em motociclismo.

Miguel Oliveira espera agora que o trabalho a realizar “sexta-feira e sábado” lhe possa dar “algumas ideias sobre o que fazer para a corrida de domingo”.

O piloto de Almada ambiciona “estar no grupo da frente, a lutar por uma posição entre os cinco primeiros outra vez”. “Estou muito entusiasmado para continuar o nosso caminho neste circuito este fim de semana”, concluiu o piloto português da KTM.

O GP da Comunidade Valenciana é a 13.ª e penúltima corrida da temporada.

Miguel Oliveira ocupa, atualmente, a 10.ª posição do campeonato de MotoGP, com 90 pontos, a apenas dois do nono classificado, o australiano Jack Miller (Ducati).

A última corrida da temporada disputa-se em 22 de novembro no Autódromo Internacional do Algarve, em Portimão.

Continuar a ler

Populares