Melgaço, Monção, Ponte da Barca e Terras de Bouro entram na lista de “risco elevado”

Estado de emergência

Os concelhos de Melgaço, Monção, Ponte da Barca e Terras de Bouro, até agora de fora da lista sujeita a medidas adicionais restritivas para mitigar o número de contágios de covid-19, passam a integrar essa mesma lista, acima dos 240 casos a cada 100 mil habitantes.

Estes quatro concelhos juntam-se a Paredes de Coura, Viana do Castelo e Cerveira, integrando a chamada lista de “risco elevado”.

Para estes concelhos, para além das medidas que vigoram em todo o país, ficam ainda obrigados à manutenção da proibição da circulação na via pública entre as 23:00 e as 05:00 até 08 de dezembro.

Vão decorrer ainda ações de fiscalização do cumprimento do teletrabalho obrigatório, medida nacional.

Passa a ser obrigatória a utilização de máscaras nos locais de trabalho, medida nacional, assim como a proibição de deslocação entre concelhos entre as 23:00 de 27 de novembro e as 05:00 de 02 de dezembro entre as 23:00 de 04 de dezembro e as 05:00 de 09 de dezembro.

Mantém-se o horário de encerramento obrigatório dos estabelecimentos (22:00, salvo restaurantes e equipamentos culturais às 22::30).

Os restantes 17 concelhos do Minho integram as listas de “risco muito elevado” e “risco extremamente elevado”.

 
Total
0
Partilhas
Artigo Anterior

Costa diz que ficaria “muito surpreendido” com o Natal sem estado de emergência

Próximo Artigo

Vitória segue em frente na Taça de Portugal

Artigos Relacionados
x