Seguir o O MINHO

Braga

Grupo empresarial de Braga constrói obra emblemática em França

em

Foto: O MINHO

A JC GROUP inaugurou sábado a sua primeira grande obra em França, o Centro Escolar de Louvres, cidade 20 quilómetros a norte de Paris, tendo a obra, considerada inovadora a todos os títulos, recebido elogios dos autarcas locais e dos políticos nacionais franceses.


Numa cerimónia realizada este sábado de manhã, naquele novo equipamento social, em Louvres, os responsáveis políticos franceses enalteceram publicamente “a rapidez” e em especial “a qualidade” da obra (“o cumprimento escrupuloso dos prazos”, segundo as suas próprias palavras), tendo em conta “as altas exigências de segurança neste centro escolar”.

Foto: O MINHO

Foto: O MINHO

Foto: O MINHO

Foto: O MINHO

Foto: O MINHO

Além de dezenas de convidados, marcaram presença o CEO da JC GROUP, José Correia, pala além do diretor-geral da JC GROUP França, João Patrício, com a equipa de trabalho da delegação francesa deste grupo empresarial português, em peso, recebendo também os parabéns pela dedicação e empenho ao longo da construção de toda esta obra em Louvres.

João Patrício, engenheiro civil, de Braga, com bom conhecimento do mercado francês da construção civil, confidenciou a O MINHO que “em mais de 20 anos de carreira, esta terá sido a obra mais difícil de sempre, não só pelo requisitos exigidos, que a eles já estou aqui habituado em França, mas ao termos começado quase do zero, de início sem escritório e sem estaleiro, acabando tudo muito bem, em alta, graças ao espírito de sacrifício e ao empenho da nossa equipa de trabalho, honrando-nos os elogios globais agora recebidos”.

O Grupo Escolar e Creche “Universalis” dispõe de uma creche com 60 lugares, um jardim de infância com sete salas de aula e mais onze salas de aula na Escola Primária, além de instalações comuns, locais extracurriculares, restaurante, parque infantil e administração.

Entre as várias personalidades presentes, destaque para Zivka Park, deputada pelo Círculo Eleitoral do Vale de Oise, Jean-Yves Latournerie, prefeito do Vale de Oise, Valérie Pécresse, Marie-Christine Cavecchi, presidente do Conselho Departamental do Vale de Oise, além de Patrick Renaud, presidente da Comunidade de Aglomeração Roissy Pays de França, Thierry Lajoie, diretor geral de Ordenamento da Grande Região de Paris, Jean-Marie Fossier, maire de Louvres, e portugueses como Carlos Vinhas Pereira, presidente da Câmara de Comércio e Indústria Franco-Portuguesa, entre as outras individualidades.

Crescer em França

O presidente da JC GROUP, José Correia, disse a O MINHO que “esta aposta em França, teve a ver com a estratégia em diversificar os mercados onde estamos mais implantados, como português, angolano e brasileiro, pelo que era muito importante esta grande obra de referência aqui junto a Paris, porque nós já temos mais construções em curso em França”.

“Tivemos a sorte em arrancar com esta obra, de um nível mais elevado, devido à grande complexidade, em termos de segurança e inovações didáticas para as crianças, graças aos apoio e confiança que tivemos, principalmente de Jean-Marie Fossier, maire de Louvres”.

A JC GROUP, sediada em Braga, é um universo de 22 empresas, atuando em várias áreas económicas com 650 colaboradores diretos já nos continentes Europa, África e América, em crescendo, tendo já prevista uma faturação de cerca de 30 milhões de euros em França.

Anúncio

Braga

Vila Verde investe 150 mil euros para criar novos trilhos pedestres na natureza

Natureza

em

Foto: Domingos Costa

A Câmara de Vila Verde lançou, no passado dia 12 de outubro, a concurso público a execução de novos trilhos pedestres na natureza, com preço base de cerca de 150 mil euros.

O procedimento já foi publicado em Diário da República e contempla novos trilhos nas freguesias de Aboim da Nóbrega e Gondomar e Valdreu.

De acordo com o objeto do contrato, esta empreitada de obras públicas ficará pelo valor de 149.642,72 euros, não havendo fase de negociação.

O prazo de execução da obra é de 120 dias, não sendo passível de renovação.

As peças do concurso, pedidos de participação e apresentação de propostas podem ser dirigidas à Unidade de Contratação Pública do Município de Vila Verde, situada nos Paços do Concelho, ou através do contacto [email protected]

De acordo com o despacho, as propostas devem ser apresentadas até ás 17:00 horas do próximo dia 09 de novembro.

Segundo a autarquia, o critério principal para a adjudicação será o preço.

Aboim da Nóbrega e Gondomar é a freguesia de Vila Verde onde decorrem mais caminhadas organizadas, existindo já trilhos anteriores mas que não estarão em boas condições.

Durante anos anteriores, milhares de pessoas calcorrearam os trilhos da Nóbrega, Vade e do Fojo do Lobo na companhia de Domingos Costa, guia da natureza e organizador de caminhadas naquele local.

Com cascatas no rio Vade, o fojo do lobo secular, capelas decoradas, rochas milenares e muito verde, a procura foi aumentando até durante a pandemia, com muita gente a tentar aproveitar o distanciamento social que o campo e a serra proporciona.

Continuar a ler

Braga

BragaNoivos 2020 “é crucial” para as 110 empresas do sector que marcam presença

Casamentos

em

Foto: DR

A organização do evento BragaNoivos 2020, que se realiza nos próximos dias 23,24 e 25 de outubro, no Altice Forum, recorda que este ano está a ser “particularmente difícil para o sector”.

Numa nota enviada à nossa redação, é relembrado que são 110 empresas do sector a participar neste certame, pelo que será de “importância crucial” a realização do mesmo.

“Mais do que ajudar os casais a organizar o casamento de sonho, o certame será uma alavanca para a retoma deste importante sector que movimenta mais de 181 milhões de euros, só na região de Braga, onde se registaram, em 2019, 1453 casamentos”, refere a organização, a cargo de Jorge Ferreira, da BestEvents.

A mesma nota assinala que Portugal “registou uma quebra de 74% nas uniões católicas e uma descida acentuada nos casamentos civis: 22.915 casamentos em 2019 contra 11.985 nos primeiros nove meses de 2020”.

“Uma grande parte das empresas que trabalha nesta área está a passar sérias dificuldades financeiras. Acreditamos que a realização da BragaNoivos vai ajudar a relançar negócios e fazer mexer este sector”, nota a organização do maior e mais completo certame do sector nupcial em Portugal.

A indústria dos casamentos em Braga

“A zona Norte do país foi desde sempre uma referência no mundo casamento. Continua a ser a região onde se celebra o maior número de casamentos religiosos. E um fiel representante da força deste sector é a BragaNoivos”, explica.

“Para termos uma ideia, a área de influência do evento abrange as NUTS do Cávado, Ave, Alto Minho e parte da área Metropolitana do Porto. Só nestas regiões tivemos, em 2019 e segundo o INE, um total 9105 cerimónias (religiosas e civis)”, reforça a organização.

Continuar a ler

Braga

Vieira do Minho pede visitas aos cemitérios “ao longo do mês”

Covid-19

em

Foto: DR

A Câmara de Vieira do Minho anunciou na quarta-feira que os cemitérios do concelho vão ficar abertos durante os dias 01 e 02 de novembro, mas deixou o apelo à população para que opte pela visita “ao longo do mês”, em vez de concentrarem-se naqueles dois dias.

A decisão foi tomada em conjunto durante uma reunião que juntou a autarquia, o arciprestado, a proteção civil municipal e os presidentes de junta, chegando assim a um consenso.

Em comunicado, a autarquia liderada pelo social-democrata António Cardoso explica que, durante os dois dias religiosos, a entrada nos cemitérios ficará condicionada perante o tamanha de cada um dos espaços, existindo um limite de pessoas em simultâneo delineada por cada freguesia.

Também será obrigatório o uso de máscaras dentro daqueles espaços e proibida a realização de cerimónias religiosas, como as tradicionais romagens, algo que já tinha sido decretado pelo arcebispo D. Jorge Ortiga.

Continuar a ler

Populares