Redes Sociais

Futebol

Resumo num minuto: Tiro de Dyego Sousa apura SC Braga na Taça de Portugal

3.ª eliminatória da Taça de Portugal.

 a

O primodivisionário SC Braga sofreu hoje para seguir em frente na Taça de Portugal de futebol, apenas conseguindo vencer no terreno do Felgueiras 1932, do Campeonato de Portugal, com um golo marcado aos 86 minutos.

O avançado brasileiro Dyego Sousa, que começou no banco de suplentes, acabou por resolver o jogo, o último da terceira eliminatória, marcando o único golo com um potente remate de fora da área, em lance iniciado numa reposição de baliza e que envolveu ainda Paulinho.

Autocarro de adeptos do SC Braga “duplamente” apedrejado

O Sporting de Braga acabou por confirmar o favoritismo e merecer o triunfo, apesar da boa réplica dos felgueirenses, muito coesos no processo defensivo, mas sem nunca abdicarem de disputar o jogo e o resultado.

Os bracarenses, com sete alterações no ‘onze’, incluindo a estreia esta época do sul-africano Luther Singh (Abel Ferreira só não mexeu na defesa), começaram por cima e podiam mesmo ter marcado aos cinco minutos, após um canto curto e um toque em habilidade de Fábio Martins a testar os reflexos de Diego Silva.

Foi o lance mais perigoso de um primeiro tempo marcado pelo equilíbrio, com a formação felgueirense, no sexto lugar da Série A do Campeonato de Portugal, a conseguir desinibir-se e a dividir o jogo, conseguindo na maior parte do tempo diluir as diferenças entre as duas equipas.

Algo precipitados, sobretudo no capítulo do passe, os jogadores bracarenses só voltaram a acercar-se da baliza contrária aos 12 minutos, num remate fraco de Fábio Martins, enquanto os locais, com grande espírito de entreajuda e uma boa reação à perda a meio-campo, também conseguiam ter e trocar a bola, mas sem criarem perigo para Marafona.

O guarda-redes bracarense ainda ‘assustou’ aos 18 minutos, ao não conseguir segurar um centro tenso de Leandro da direita, mas redimiu-se e seria determinante a negar o golo a Tojó, aos 54, coincidindo com a entrada forte dos locais na segunda parte.

Abel Ferreira pressentiu o perigo e respondeu de imediato, lançando no jogo os habituais titulares Claudemir e Dyego Sousa, com o objetivo de aumentar a intensidade na recuperação da bola, a meio-campo, e criar, no ataque, mais dificuldades de marcação ao adversário.

A aposta do treinador do Braga teve quase resultados imediatos, graças a um remate, mais um em jeito, de Fábio Martins, aos 60 minutos, que Diego Silva travou com uma enorme defesa, seguindo-se Dyego Sousa, aos 64, com um pontapé que levou a bola a ‘beijar’ a base do poste da baliza do Felgueiras.

Embora mais pressionados mas sem nunca darem mostras de quebra física, os felgueirenses mantinham uma boa qualidade de posse e, a espaços, conseguiam libertar-se da zona de pressão e lançar-se em rápidos contra-ataques, mantendo o resultado numa incógnita.

Um centro de Kiki na esquerda, aos 81 minutos, a pedir um desvio que não surgiu na pequena área, foi o lance mais perigoso que aconteceu junto da baliza do Braga, que se manteve, ainda assim, mais por cima e com mais iniciativa, acabando por decidir o jogo e a eliminatória a quatro minutos do fim do tempo regulamentar, num remate forte e colocado de Dyego Souza, agora o melhor marcador absoluto da equipa, com sete tentos.

Portimonense e Nacional foram os únicos primodivisionários eliminados na terceira ronda.

No sorteio da quarta eliminatória, marcado para 30 de outubro, além de 16 clubes da I Liga, vão estar ainda seis clubes da II Liga (Leixões, Cova da Piedade, Arouca, Paços de Ferreira, Sporting da Covilhã e Penafiel), oito do Campeonato de Portugal (Sporting de Espinho, Praiense, União da Madeira, Águeda, Casa Pia, Lusitano Vildemoinhos, Montalegre e Anadia) e dois dos distritais (Vale Formoso e Silves).

Ficha de Jogo

Jogo no Estádio Dr. Machado de Matos, em Felgueiras.

FC Felgueiras 1932-SC Braga, 1-0.

Ao intervalo: 0-0.

Marcador:

0-1, Dyego Sousa, 86.

Equipas:

– FC Felgueiras 1932: Diego Silva, Leandro Silva, Tojó, Pinto, Kiki, Sérgio Duarte, Ivo Lemos, Tiago Jogo (Edelino Ié, 62), Diego Raposo, Rabiola (Sunday, 71) e Digas (Rúben Neves, 78).

(Suplentes: Márcio Paiva, Tiago Graça, André Rodrigues, Rúben Neves, Hélder Pedro, Sunday e Edelino Ié).

Treinador: Ricardo Sousa.

– SC Braga: Marafona, Marcelo Goiano, Bruno Viana, Pablo Santos, Sequeira, Fransérgio, João Palhinha (Claudemir, 57), Eduardo (Dyego Sousa, 57), Luther Singh (Ricardo Horta, 84), Paulinho e Fábio Martins.

(Suplentes: Tiago Sá, Diogo Figueiras, Lucas, Claudemir, João Novais, Ricardo Horta e Dyego Souza).

Treinador: Abel Ferreira.

Árbitro: Fábio Veríssimo (AF Leiria).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Leandro Silva (08), Luther Singh (14), Pinto (38), Bruno Viana (52), Fábio Martins (54), Paulinho (58), Pablo Santos (75) e Rúben Neves (90+4).

Foto: Facebook de Joel Pereira

Assistência: cerca de 6.500 espetadores.

Resultados da 3.ª eliminatória

Resultados da terceira eliminatória da Taça de Portugal em futebol:

– Quinta-feira, 18 out:

Sertanense (CP) – (+) Benfica (L), 0-3

– Sexta-feira, 19 out:

Vila Real (D) – (+) FC Porto (L), 0-6

– Sábado, 20 out:

Valenciano (D) – (+) Vitória SC (L), 0-7

(+) Cova Piedade (II) – Portimonense (L), 2-1

Amora (CP) – (+) Belenenses (L), 3-3 (3-4 ap)

(+) Sporting de Espinho (CP) – Académico de Viseu (II), 2-2 (3-3 ap, 11-10 gp)

Loures (CP) – (+) Sporting (L), 1-2

– Domingo, 21 out:

(+) Vale Formoso (D) – Coimbrões (CP), 2-2 (4-3 ap)

Armacenenses (CP) – (+) Vitória Setúbal (L), 1-2

Fátima (CP) – (+) Boavista (L), 1-4

Torreense (CP) – (+) Rio Ave (L), 1-5

São Martinho (CP) – (+) Moreirense (L), 0-1

Santa Iria (CP) – (+) Praiense (CP), 0-2

(+) União Madeira (CP) – União de Santiago (CP), 2-0

(+) Leixões (II) – Amarante (CP), 3-1

Farense (II) – (+) Arouca (II), 1-3

(+) Paços de Ferreira (II) – Gafanha (CP), 2-0

(+) Águeda (CP) – Louletano (CP), 1-0

Maria da Fonte (CP) – (+) Santa Clara (L), 1-2

Pedras Salgadas (CP) – (+) Desportivo de Chaves (L), 1-4

Limianos (CP) – (+) Sporting da Covilhã (II), 0-2

(+) Lusitano Vildemoinhos (CP) – Nacional (L), 2-2 (4-3 ap)

(+) Casa Pia (CP) – Angrense (CP), 2-1

(+) Montalegre (CP) – Oriental (CP), 1-1 (2-1 ap)

(+) Silves (D) – Desportivo de Chaves (Satélite) (CP), 0-0 (2-1 ap)

Mirandela (CP) – (+) Feirense (L), 1-1 (1-2 ap)

Vilafranquense (CP) – (+) Anadia (CP), 0-4

Fafe (CP) – (+) Penafiel (II), 0-0(0-0 ap, 2-3 gp)

Estoril Praia (II) – (+) Tondela (L), 1-1 (1-1 ap, 3-4 gp)

Moura (CP) – (+) Marítimo (L), 0-0 (0-0 ap, 3-4 gp)

Sacavenense (CP) – (+) Desportivo das Aves (L), 1-3

Felgueiras 1932 (CP) – (+) SC Braga (L), 0-1

(+) – Apurado para a próxima eliminatória.

Nota: Distritais (D), Campeonato de Portugal (CP), II Liga (II), I Liga (L).

 

Notícia atualizada às 23h05.

Aqui chegado…

...temos uma pequena mensagem para partilhar consigo. Cada vez mais pessoas lêem O MINHO, jornal estritamente digital, líder de audiências. Ao contrário de outros órgãos de informação, optámos por não obrigar os leitores a pagarem para lerem as nossas notícias, mantendo o acesso à informação tão livre quanto possível. Por isso, como pode ver, precisamos do seu apoio.

Para podermos apresentar-lhe mais e melhor informação, que inclua mais reportagens e entrevistas e que utilize uma plataforma cada vez mais desenvolvida e outros meios, como o vídeo, precisamos da sua ajuda.

O MINHO é um órgão de comunicação social independente (e sempre será). Isto é importante para podermos confrontar livremente todo e qualquer tipo de poder (político, económico ou religioso) sempre que necessário.

Inspirados na filosofia seguida pelo jornal inglês "The Guardian", um dos mais importantes órgãos de comunicação do Mundo, também nós achámos que, se cada pessoa que lê e gosta de ler O MINHO, apoiar o futuro do nosso projeto, este será cada vez mais importante para o desenvolvimento da sociedade que partilhamos, a nível regional. Pela divulgação, partilha e fiscalização.

Assim, por tão pouco como 1€, você pode apoiar O Minho - e só demora um minuto. Obrigado.

Futebol

Portugal vai encarar “a sério” jogo com a Polónia em Guimarães

Publicado

 a

O selecionador português de futebol, Fernando Santos, afirmou hoje que Portugal, enquanto candidato a vencer qualquer competição, vai encarar com seriedade o jogo com a Polónia, para o Grupo 3 da Liga A da Liga das Nações.

Já apurada para a fase final da primeira edição da prova, agendada para junho de 2019, em solo luso, a equipa das ‘quinas’ vai receber, na terça-feira, em Guimarães, um adversário já despromovido à Liga B, mas o treinador prometeu que, apesar de não haver qualquer objetivo em disputa, a sua equipa vai dar tudo para vencer, até para fazer jus ao estatuto de “seleção forte”.

“Alguma vez se pode pensar que os jogos da seleção não são para levar sério? Isso é impossível. Portugal tem de fazer o que sempre faz. Portugal tem uma seleção muito forte. Não é a melhor do mundo, mas pode jogar contra qualquer uma das melhores do mundo. Somos candidatos a cada jogo que disputamos”, disse, na conferência de antevisão ao jogo, no Estádio D. Afonso Henriques.

O selecionador disse mesmo esperar um “grande jogo” entre uma seleção lusa que vai ter a “motivação extra” de jogar em casa e a ambição de retribuir o “apoio fantástico do povo português” com uma vitória, num recinto com lotação esgotada, e uma Polónia, que “sem o peso do resultado”, vai querer provar que o rendimento no Grupo 3 – somou um ponto em três jogos – foi um “acidente de percurso”.

Na véspera do último jogo do Grupo 3, Portugal, a única equipa invicta na Liga A da Liga das Nações, já sabe que pode defrontar a Suíça e a Inglaterra, na fase final – o outro adversário será França ou Holanda. Fernando Santos assumiu que a seleção nacional é candidata a vencer a prova, tal como o fez no Europeu de 2016 e no Mundial de 2018, mas recusou qualquer favoritismo, até porque qualquer antevisão é “prematura”.

“[A fase final] vai ser em junho do próximo ano. Estarmos a antecipar o que vai acontecer em junho do próximo ano é algo quase imprevisível. Não sabemos como é que os jogadores estarão, como é que as outras seleções estarão. É muito prematuro”, disse.

Questionado sobre o registo defensivo da equipa na prova – dois golos sofridos em três jogos -, Fernando Santos considerou que a equipa até “sofreu golos a mais” e realçou que, no futebol, os tentos sofridos geram, por vezes, efeitos imprevisíveis – deu o exemplo dos cinco golos sofridos pela Bélgica, depois de estar a vencer a Suíça por 2-0, para o Grupo 2 da Liga das Nações, no domingo.

Selecionador nacional desde 2014, Fernando Santos orientou a seleção que conquistou o primeiro título europeu, em 2016, e averbou somente duas derrotas em 56 jogos – Suíça, na qualificação para o Mundial de 2018, e Uruguai, na fase final da prova, na Rússia. O treinador reiterou que a atual geração da seleção “vai ficar nos livros de história”, mas precisa de “continuar igual a si própria” para continuar a ganhar jogos e manter o estatuto que conquistou.

A seleção portuguesa recebe a seleção da Polónia, num jogo do Grupo 3 da Liga das Nações, marcado para as 19:45 de terça-feira, no Estádio D. Afonso Henriques, em Guimarães.

O conteúdo Portugal vai encarar “a sério” jogo com a Polónia em Guimarães aparece primeiro em Desporto – O MINHO.



Source link

Aqui chegado…

...temos uma pequena mensagem para partilhar consigo. Cada vez mais pessoas lêem O MINHO, jornal estritamente digital, líder de audiências. Ao contrário de outros órgãos de informação, optámos por não obrigar os leitores a pagarem para lerem as nossas notícias, mantendo o acesso à informação tão livre quanto possível. Por isso, como pode ver, precisamos do seu apoio.

Para podermos apresentar-lhe mais e melhor informação, que inclua mais reportagens e entrevistas e que utilize uma plataforma cada vez mais desenvolvida e outros meios, como o vídeo, precisamos da sua ajuda.

O MINHO é um órgão de comunicação social independente (e sempre será). Isto é importante para podermos confrontar livremente todo e qualquer tipo de poder (político, económico ou religioso) sempre que necessário.

Inspirados na filosofia seguida pelo jornal inglês "The Guardian", um dos mais importantes órgãos de comunicação do Mundo, também nós achámos que, se cada pessoa que lê e gosta de ler O MINHO, apoiar o futuro do nosso projeto, este será cada vez mais importante para o desenvolvimento da sociedade que partilhamos, a nível regional. Pela divulgação, partilha e fiscalização.

Assim, por tão pouco como 1€, você pode apoiar O Minho - e só demora um minuto. Obrigado.

Continuar a ler

Futebol

SC Braga esmaga Boavista com póquer de Vanessa Marques e segue líder isolado

Publicado

 a

O SC Braga venceu este domingo o Boavista, por 9-0, em jogo da 7.ª jornada da Liga BPI de futebol feminino, disputado no Estádio 1.º de Maio.

Vanessa Marques (3′, 74′, 81′, 86′), que lidera a lista das melhores marcadoras do campeonato, Gould (40′), Keane (43′, 58′) e Alberta (90′), que se estreou a marcar, fizeram os golos para a equipa da casa.

Com este resultado, as Gverreiras do Minho continuam isoladas na liderança, com 21 pontos, seguidas do Sporting, que venceu o Albergaria, por 1-0, que tem menos dois pontos.

O conteúdo SC Braga esmaga Boavista com póquer de Vanessa Marques e segue líder isolado aparece primeiro em Desporto – O MINHO.



Source link

Aqui chegado…

...temos uma pequena mensagem para partilhar consigo. Cada vez mais pessoas lêem O MINHO, jornal estritamente digital, líder de audiências. Ao contrário de outros órgãos de informação, optámos por não obrigar os leitores a pagarem para lerem as nossas notícias, mantendo o acesso à informação tão livre quanto possível. Por isso, como pode ver, precisamos do seu apoio.

Para podermos apresentar-lhe mais e melhor informação, que inclua mais reportagens e entrevistas e que utilize uma plataforma cada vez mais desenvolvida e outros meios, como o vídeo, precisamos da sua ajuda.

O MINHO é um órgão de comunicação social independente (e sempre será). Isto é importante para podermos confrontar livremente todo e qualquer tipo de poder (político, económico ou religioso) sempre que necessário.

Inspirados na filosofia seguida pelo jornal inglês "The Guardian", um dos mais importantes órgãos de comunicação do Mundo, também nós achámos que, se cada pessoa que lê e gosta de ler O MINHO, apoiar o futuro do nosso projeto, este será cada vez mais importante para o desenvolvimento da sociedade que partilhamos, a nível regional. Pela divulgação, partilha e fiscalização.

Assim, por tão pouco como 1€, você pode apoiar O Minho - e só demora um minuto. Obrigado.

Continuar a ler

Futebol

Seleção Nacional já treinou em Guimarães

Publicado

 a

A seleção portuguesa de futebol apresentou-se hoje com 13 jogadores no relvado, no primeiro treino de preparação para o jogo de terça-feira com a Polónia, em Guimarães, o último relativo ao grupo 3 da Liga A da Liga das Nações.

Depois de, no sábado, ter empatado 0-0 com a Itália e garantido a presença na fase final da competição, marcada para junho de 2019, a equipa das ‘quinas’ apareceu num dos relvados da academia do Vitória SC com 13 dos 14 jogadores não titulares na partida disputada no Estádio Giuseppe Meazza, em Milão.

À exceção do guarda-redes Cláudio Ramos, que estava a fazer trabalho de fisioterapia, o guarda-redes Beto, os defesas Cédric, Luís Neto, Pepe, Raphael Guerreiro e Kevin Rodrigues, os médios Danilo, Renato Sanches, João Mário e Bruno Fernandes e os avançados Gonçalo Guedes, Rafa Silva e Éder estiveram no campo, num treino marcado pela ausência do selecionador Fernando Santos.

Dos 11 titulares frente à seleção transalpina, nove trabalharam hoje no ginásio – o guarda-redes Rui Patrício, os defesas João Cancelo, Pepe e José Fonte, os médios William Carvalho e Pizzi e os avançados Bernardo Silva, Bruma e André Silva.

Os outros dois titulares, o defesa Mário Rui e o médio Rúben Neves, foram dispensados da seleção, após terem visto cartão amarelo frente à Itália e ficado suspensos para o duelo com a Polónia, seleção com um ponto somado no grupo 3 e já despromovida à Liga B da Liga das Nações.

A seleção lusa prossegue a preparação do encontro marcado para as 19:45 de terça-feira, no Estádio D. Afonso Henriques, em Guimarães, com um treino no estádio vimaranense, marcado para as 11:30.

O conteúdo Seleção Nacional já treinou em Guimarães aparece primeiro em Desporto – O MINHO.



Source link

Aqui chegado…

...temos uma pequena mensagem para partilhar consigo. Cada vez mais pessoas lêem O MINHO, jornal estritamente digital, líder de audiências. Ao contrário de outros órgãos de informação, optámos por não obrigar os leitores a pagarem para lerem as nossas notícias, mantendo o acesso à informação tão livre quanto possível. Por isso, como pode ver, precisamos do seu apoio.

Para podermos apresentar-lhe mais e melhor informação, que inclua mais reportagens e entrevistas e que utilize uma plataforma cada vez mais desenvolvida e outros meios, como o vídeo, precisamos da sua ajuda.

O MINHO é um órgão de comunicação social independente (e sempre será). Isto é importante para podermos confrontar livremente todo e qualquer tipo de poder (político, económico ou religioso) sempre que necessário.

Inspirados na filosofia seguida pelo jornal inglês "The Guardian", um dos mais importantes órgãos de comunicação do Mundo, também nós achámos que, se cada pessoa que lê e gosta de ler O MINHO, apoiar o futuro do nosso projeto, este será cada vez mais importante para o desenvolvimento da sociedade que partilhamos, a nível regional. Pela divulgação, partilha e fiscalização.

Assim, por tão pouco como 1€, você pode apoiar O Minho - e só demora um minuto. Obrigado.

Continuar a ler

Populares