Seguir o O MINHO

Braga

Detido na Alemanha turista que algemou mulher a árvore no Gerês

Indiciado dos crimes de tentativa de homicídio e sequestro

em

Foto: Ilustrativa / DR

A Polícia Judiciária (PJ) solicitou às autoridades alemãs o cumprimento de mandado de detenção europeu, visando um cidadão alemão, indiciado pelos crimes de homicídio na forma tentada, sequestro, abuso sexual de pessoa incapaz de resistência e burla informática.

Os factos ocorreram no dia 15 de fevereiro de 2019, quando o suspeito e a vítima, também ela de nacionalidade alemã, passavam férias em Portugal, na Serra do Gerês.

Em comunicado, a PJ refere que, “sem razão aparente, o suspeito conduziu a vítima até um local ermo daquela Serra, onde a vendou, amordaçou e algemou em volta de um tronco de árvore, abandonando-a, sujeita às baixas temperaturas habituais naquela altura do ano e aos animais selvagens, até que esta, ao fim de algumas horas, conseguiu soltar-se e pedir auxílio”.

Como O MINHO noticiou na altura, a turista alemã de 29 anos foi encontrada algemada a uma árvore, junto a uma estrada florestal, no Campo de Gerês, Terras de Bouro, aos gritos.

A mulher estava ferida e desesperada, e relatou às autoridades que foi presa pelo parceiro num jogo sexual por volta das 12:00.

O alerta foi dado por um grupo de jovens que estavam a jogar futebol e ouviram os gritos de socorro. A mulher foi encontrada com algemas metálicas a uma árvore e os pulsos ensanguentados, devido às tentativas para se libertar.

Logo após a prática dos factos, o suspeito apropriou-se dos cartões bancários da vítima, vindo a fazer vários levantamentos em ATM, encetando em seguida a fuga, vindo agora a ser detido na Alemanha e entregue à PJ.

O detido de 55 anos, sem atividade profissional conhecida e com antecedentes criminais por crimes contra o património, vai ser presente a primeiro interrogatório judicial para aplicação das medidas de coação tidas por adequadas.

Populares