Seguir o O MINHO

Alto Minho

Cozido à Minhota e Feira do Fumeiro e Artesanato preencheram o fim de semana arcuense

em

Arcos de Valdevez recebeu, no passado fim de semana, mais uma edição dos Ciclos Gastronómicos, desta vez dedicado ao tradicional “Cozido à Minhota”.

De acordo com a autarquia, esta iniciativa atraiu muitos visitantes aos restaurantes aderentes.

“Nos 16 restaurantes aderentes do concelho, a adesão foi muita, tendo os muitos visitantes tido a oportunidade de degustar este que é um prato de distinção na gastronomia arcuense, confecionado com produtos locais de qualidade”, afirmou.

Para acompanhar esta iguaria, deu-se lugar aos excelentes Vinhos Verdes, também produzidos localmente, e às sobremesas tradicionais como o Bolo de discos, o Bolo de Mel do Soajo e os Charutos de Ovos, com Laranja de Ermelo.

Ciclos Gastronomicos arcos de valdevez

A par deste evento decorreu, no Campo do Trasladário, a Feira do Fumeiro e a Feira de Artesanato.

“Muitos foram os que quiseram levar consigo os enchidos produzidos localmente, bem como antecipar a compras de Natal com a aquisição de algumas lembranças de cariz artesanal e de identidade local, confecionadas pelos produtores e artesãos arcuenses”, acrescentou o Município.

A noite de sábado foi animada pelos Cantares ao Desafio dos cantadores Carminda, Zé Manel e Leiras, no Campo do Trasladario, e pelo concerto a solo do músico português “António Zambujo”, no Auditório da Casa das Artes.

O domingo ficou reservado para a roda das danças populares, iniciativa espontânea e de cariz popular que é já uma marca das tardes de domingo em Arcos de Valdevez, e pela atuação do Grupo de Música Tradicional e Popular Portuguesa “Cantares de Outono”, no Campo do Trasladário.

O próximo ciclo gastronómico decorrerá nos dias 23 e 24 de janeiro com os Rojões e Papas de Sarrabulho.

Ciclos Gastronomicos arcos de valdevez2

Populares