Seguir o O MINHO

Desporto

Capitão da seleção de hóquei em campo Luis Tavares morre aos 27 anos

Óbito

em

Luís Tavares, capitão da seleção portuguesa de hóquei em campo, morreu hoje aos 27 anos, anunciou nas redes sociais a Federação Portuguesa de Hóquei (FPH).

“Esta é uma daquelas notícias que não queremos, nem nunca estaremos preparados para receber. O Luís Tavares era um rapaz bom, integro, afável, solidário e com um enorme talento. Era um campeão no hóquei e acima de tudo na vida”, refere a FPH.

O organismo acrescenta que Luís Tavares era “um exemplo para todos de como se deve estar no hóquei e na vida”.

“O Tavares era o capitão da seleção nacional, porque foi alguém cujas qualidades e características nos levavam para os melhores valores. Mas mais do que capitão, ou um dos melhores jogadores de sempre do hóquei português, o Luís sempre foi um bom amigo”, adianta.

A FPH acrescenta que tudo fará para que “a sua memória e o seu bom exemplo perdurem no tempo” e endereçou “à família, amigos e a todos aqueles que tiveram o privilégio de fazer parte da sua vida, um abraço solidário neste momento de dor”.

“O mundo fica mais pobre, muito mais pobre. Jamais esquecerei a tua energia, o teu sorriso e piada fácil. Até já, Tavares”, escreveu a Federação Portuguesa de Hóquei na sua página na rede social Facebook.

Luis Tavares era jogador do Casa Pia, clube que também já lamentou a morte do seu atleta.

“É com enorme pesar que o Casa Pia anuncia o falecimento de Luís Tavares, capitão de equipa de hóquei em campo. Não existem palavras para descrever a enorme tristeza que todos sentimos”, adianta o clube.

De acordo com o jornal Record, que cita o presidente da FPH, Luís Tavares foi a vítima mortal de um acidente de viação que ocorreu na última madrugada na Ponte 25 de Abril, que liga Almada e Lisboa.

Populares