Redes Sociais

Câmara de Melgaço atribui subsídios no valor de 208 mil euros para instituições sem fins lucrativos

Foto: Divulgação

Alto Minho

Câmara de Melgaço atribui subsídios no valor de 208 mil euros para instituições sem fins lucrativos

A Câmara Municipal de Melgaço atribuiu, no decorrer deste ano, subsídios no valor de 208 mil euros para as instituições sem fins lucrativos, como forma de demonstrar apoio e reconhecer o mérito das instituições, permitindo-lhes meios financeiros para fazer face aos objetivos sociais na comunidade onde se inserem. Este exercício é desenvolvido pela autarquia todos os anos por entender que desta forma se cumprem as funções sociais do município que obviamente não se esgotam nestes apoios.

Reconhecendo todos os dias o importante trabalho dos Soldados da Paz, a autarquia atribuiu em 2017 um subsídio de 60 mil euros à Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários, tendo ainda reforçado o apoio com a atribuição de mais 30 mil euros para a aquisição de um veículo florestal de combate a incêndios.

A Santa Casa da Misericórdia também recebeu apoio com um subsídio de 37 mil euros, no ano em que esta instituição foi ainda reconhecida pela edilidade na cerimónia de atribuição dos títulos honoríficos com a medalha de Mérito na área social.

Outra instituição a receber o reconhecimento e apoio financeiro por parte da câmara foi o Sport Club Melgacense a quem foi atribuído um subsídio de 32.500,00 euros.

O Centro Paroquial e Social de Chaviães recebeu um subsídio de 15.434,13 euros e de referir também o apoio de 10 mil euros à Associação Castro Solidário.

O apoio financeiro da Câmara Municipal contemplou ainda as seguintes instituições: Cruz Vermelha Portuguesa, Associação Desportiva dos Veteranos, CADO, Liga Portuguesa Contra o Cancro, Casa do Povo de Melgaço e o Grupo de Gaiteiros “Rio Mouro”.

Continuar a ler
Anúncio

Jornal digital da região do Minho.

Mais Alto Minho