Seguir o O MINHO

Barcelos

Barcelos comemora Dia Internacional da Cidade Educadora

Educação

em

Câmara de Barcelos. Foto: O MINHO (Arquivo)

Celebra-se no próximo dia 30 de novembro, em Barcelos, o Dia Internacional da Cidade Educadora, cujo tema deste ano é “Escutar a Cidade para a Transformar”, anunciou a autarquia.

Em colaboração com o Agrupamento de Escolas Rosa Ramalho, a Câmara de Barcelos irá realizar dois fóruns com os alunos do 2º e 3º ciclo, nos dias 27 e 28 de novembro de 2019, às 09:30, na Biblioteca do Agrupamento de Escolas Rosa Ramalho.

“A iniciativa terá como objetivo a partilha da perceção dos jovens sobre a cidade e do que gostariam de transformar”, refere a autarquia em comunicado.

A Câmara de Barcelos acrescenta que a cidade, integrada na rede das Cidades Educadoras, “vem permitindo uma nova forma de ver e pensar a cidade, bem como a integração da necessidade de um esforço maior para criar, pela via da educação, da cultura e das políticas sociais, as condições e o ambiente perfeitos para o crescimento de cada um, num contexto de respeito por todos e num movimento contínuo de desenvolvimento sincronizado de toda a comunidade e de todo o território”.

“O crescente envolvimento e participação da sociedade civil na vida pública da cidade e do concelho são a face visível duma mudança que se avoluma e que continuará a crescer em Barcelos, rumo à plenitude dos princípios da Carta das Cidades Educadoras”, refere a mesma nota.

Anúncio

Barcelos

Jovem de 17 anos ferido com gravidade após despiste de mota em Barcelos

Em Fornelos

em

Foto: Vítor Vasconcelos

Um jovem, com 17 anos, sofreu ferimentos considerados graves, esta segunda-feira, na sequência do despiste da mota, que conduzia, na freguesia de Fornelos, em Barcelos.

De acordo com dados da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC), o alerta foi recebido cerca das 16:03.

A vítima foi assistida no local e transportada para o Hospital de Braga, pelos Bombeiros Voluntários de Barcelinhos.

A GNR tomou conta da ocorrência.

Continuar a ler

Barcelos

Médico e sócios de clínica de Barcelos condenados a pagar 140 mil euros por compra de quotas

Venderam a clínica, mas o negócio não se fez. E não devolveram o dinheiro

em

Foto: Ilustrativa / DR

Compraram as quotas da Clínica Particular de Barcelos por 140 mil euros, mas não as pagaram. O Tribunal Cível de Braga condenou-os. Os compradores, o médico barcelense Afonso Henriques Inácio e a CIEDA – “Carvalho, Inácio, Esteves, Duarte & Araújo, SA” – empresa sócia da Clínica -recorreram para a Relação de Guimarães, mas o recurso foi indeferido. Vão ter, ainda, de liquidar, juros de dez anos, a Moisés Barbosa Vieira e mulher e a Carlos Gonçalves, de Barcelos.

O Tribunal deu como provado que os queixosos assinaram, com aquele médico, um contrato-promessa de compra em 2003, por 75 mil euros, de uma quota com o valor nominal de 18 mil. O pedido de reembolso chega aos 140 mil dado que exigiram mais 65 mil, o dobro da verba dada inicialmente como sinal.

Os queixosos, defendidos por Maria Sequeira do escritório de João Magalhães, de Braga, diziam que o negócio nunca foi concretizado e que o dinheiro, pago em quatro cheques bancários, nunca lhes foi devolvido. E acusavam o médico de “enriquecimento sem causa”.

Em resposta, a CIEDA acusava os autores de “litigância de má-fé” já que – diziam – ficou demonstrado em duas outras ações – no Tribunal de Braga e no da Relação de Guimarães – que a firma não tinha assinado nenhum contrato e nenhum dos cheques entrou na sua conta bancária. Desconhecia, por isso, qualquer pagamento.

Litigância de má-fé

Considerava, portanto, que a ação “é infundada” e lamentava que os seus autores se queiram “locupletar à custa da empresa”.

Já Afonso Henriques Inácio negava ter ficado abusivamente com o dinheiro, dizendo que o negócio nunca se concretizou por desinteresse dos queixosos.

Tribunal da Relação confirma condenação de “médico das reformas” de Barcelos

O Tribunal não aceitou a tese de litigância de má-fé e rejeitou a argumentação do médico.

A Clínica Particular de Barcelos foi, depois, desta compra inacabada, vendida à CESPU (Cooperativa de Ensino Superior Politécnico e Universitário), de Viana do Castelo, a qual a alienou, de seguida, ao Hospital Particular de Viana.

Continuar a ler

Barcelos

Nos 40 anos do SNS, 40 artesãos foram desafiados a criar 40 galos de Barcelos

FOTOGALERIA

em

Fotos: Facebook de HSMM

O Hospital de Santa Maria Maior (HSMM), em Barcelos, tem patente uma exposição com peças de artesãos locais denominada “40 anos, 40 galos”, alusiva à comemoração dos quarenta anos do Sistema Nacional de Saúde (SNS), que foi inaugurada, no sábado, pela ministra da Saúde, Marta Temido.

“O HSMM desafiou os artesãos do concelho a criar uma peça relativa aos 40 Anos do SNS. O resultado? Não podia ser melhor!”

Peça de Francisco Félix. Foto: Facebook de HSMM

Peça de Porfírio Mendes. Foto: Facebook de HSMM

Peça de Lukas Fantoches. Foto: Facebook de HSMM

Peça de António Gonçalves. Foto: Facebook de HSMM

Peça de António Gonçaves. Foto: Facebook de HSMM

Peça de António Ramalho. Foto: Facebook de HSMM

Peça de António Ramalho. Foto: Facebook de HSMM

Peça de Ermelinda Rodrigues. Foto: Facebook de HSMM

Peça de Carlos Moreira. Foto: Facebook de HSMM

Peça de Carlos Moreira. Foto: Facebook de HSMM

Peça de António Araújo Coelho. Foto: Facebook de HSMM

Peça de António Araújo Coelho. Foto: Facebook de HSMM

Peça de Adriano Faria. Foto: Facebook de HSMM

Peça de Agostinho Coelho. Foto: Facebook de HSMM

Peça de Aires Fernandes Rosas e Filhos . Foto: Facebook de HSMM

Peça de Ana Torres. Foto: Facebook de HSMM

Peça de Ana Torres. Foto: Facebook de HSMM

Peça de Carlos Ermida. Foto: Facebook de HSMM

Peça de Cidália Fernandes. Foto: Facebook de HSMM

Peça de Conceição Dias. Foto: Facebook de HSMM

Peça de Conceição Messias. Foto: Facebook de HSMM

Peça de Dulce Vilas Boas. Foto: Facebook de HSMM

Peça de Elsa Machado. Foto: Facebook de HSMM

Peça de Fátima Miranda. Foto: Facebook de HSMM

Peça de Francisca Martins Silva. Foto: Facebook de HSMM

Peça de Hélder Ferreira. Foto: Facebook de HSMM

Peça de Helena Costa. Foto: Facebook de HSMM

Peça de Helena Silva. Foto: Facebook de HSMM

Peça de Horácio Dantas. Foto: Facebook de HSMM

Peça de Inês Machado. Foto: Facebook de HSMM

Peça de Irene Salgueiro. Foto: Facebook de HSMM

Peça de Jesus Pias. Foto: Facebook de HSMM

Peça de João Coelho Silva. Foto: Facebook de HSMM

Peça de João Ferreira. Foto: Facebook de HSMM

Peça de Laurentino Ribeiro. Foto: Facebook de HSMM

Peça de Laurinda Pias. Foto: Facebook de HSMM

Peça de Lourdes Ferreira. Foto: Facebook de HSMM

Peça de Luísa Melo. Foto: Facebook de HSMM

Peça de Lúcia Fernandes. Foto: Facebook de HSMM

Peça de Maria Glória Araújo. Foto: Facebook de HSMM

Peça de Manuel Carvalho. Foto: Facebook de HSMM

Peça de Maria Cunha. Foto: Facebook de HSMM

Peça de Maria Jesus Martins. Foto: Facebook de HSMM

Peça de Pedro Macedo. Foto: Facebook de HSMM

Peça de Rosa Pereira. Foto: Facebook de HSMM

Peça de Rosália Abreu. Foto: Facebook de HSMM

A exposição pode ser vista nos claustros do hospital.

Continuar a ler

Populares