Seguir o O MINHO

Desporto

Vitória B vence Pevidém em jogo particular

em

O Vitória B derrotou esta quarta-feira o Pevidém, da divisão de honra da Associação de Futebol de Braga, por 3-0, em jogo particular, disputado no Campo de Jogos Albano Coelho Lima.


Após uma primeira parte fraca, os vitorianos melhoraram no segundo tempo e adiantaram-se de grande penalidade, convertida por Dénis Duarte, aos 63 minutos, tendo ainda marcado mais dois golos, ambos de cabeça, por Pedro, aos 87, e por Bruno Mendes, aos 90.

A equipa de Vítor Campelos, que regressa à competição no dia 12, em jogo com o Leixões, alinhou de início com Miguel Silva, na baliza, Joel, Dénis Duarte, Tiago Francisco e Dalbert, na defesa, Thibang Phete, Nassim Zitouni e Tiago Castro, no meio-campo, e Tyler Boyd, Gui e Areias, na frente.

Anúncio

Desporto

Vítor Rodrigues bate recorde nacional de 24 horas a correr

Em Guimarães

em

Foto: Vitória SC

Vítor Rodrigues, ultramaratonista do Vitória SC bateu o recorde de distância em 24 horas a correr ao completar 251,6 kms pelas 09:00 horas deste sábado.

O anterior máximo português era de 236,577 quilómetros, estabelecidos por Luís Gil, no Campeonato do Mundo da especialidade, realizado, em 2019, em Albi, França.

Apesar de Vítor Rodrigues ter hoje ultrapassado esta distância, o recorde não poderá ser homologado como oficial, por não se tratar de uma prova.

Continuar a ler

Desporto

Recorde de 24 horas a correr. Vítor Rodrigues ‘dobrou’ os primeiros 100 quilómetros 

Atletismo

em

Vítor Rodrigues, ultramaratonista do Vitória SC está a tentar bater o recorde de distância em 24 horas a correr. As primeiras horas da manhã foram complicadas com muita chuva e frio. Nessa altura o atleta contou com a companhia de Dulce Félix, durante algumas voltas. À passagem pelo quilómetro 100, com oito horas e meia de corrida, tudo estava bem encaminhado. Nessa altura o atleta tinha ainda pela frente mais 15h29’54’’ e estava a sentir-se bem.

Uns quilómetros mais tarde, apareceu na Pista Gémeos Castro o maratonista do Vitória, Manuel Mendes, medalhado de bronze, nos Jogos Paralímpicos de Londres e já apurado para a olimpíada de Tóquio. Nas voltas seguintes e durante uns quilómetros os dois atletas correram juntos, dividindo o esforço.

O ultramaratonista do Vitória está a tentar bater o recorde da distância em 24 horas a correr. O atual máximo português são 236,577 quilómetros, estabelecidos por Luís Gil, no Campeonato do Mundo da especialidade, realizado, em 2019, em Albi, França. Se Vítor Rodrigues ultrapassar esta distância o recorde não poderá ser homologado como oficial, por não se tratar de uma prova.

Isto não incomoda o atleta do Vitória que, além do objetivo desportivo, corre por uma causa, chamar a atenção para a saúde mental e para os benefícios que o desporto, particularmente a corrida, pode ter. “Ninguém deve caminhar sozinho”, pode ler-se na página de Facebook do atleta.

 Quando Manuel Mendes se juntou a Vítor Rodrigues na pista, aos 108 quilómetros, o ultramaratonista levava uma média de 11,7 quilómetros por hora. Contas rápidas, a manter o passo, Vítor Rodrigues iria ultrapassar os 280 quilómetros, contudo, não é assim. A margem que reuniu até agora é para gastar durante a noite, quando a temperatura for mais baixa e a fadiga se começar a acumular, explica o nutricionista do atleta, Ricardo Pereira.

Paragens só para ir a casa de banho, a alimentação, preparada pelo nutricionista que está ali sempre junto à pista, faz-se em andamento. Durante a corrida Vítor também vai ingerindo bebidas quentes que o ajudam a manter a temperatura corporal. Prevê-se que durante a noite se possam atingir temperaturas negativas.

O momento escolhido parece o pior, com chuva e frio, “mas não podia ser de outra forma, o Vítor é militar da GNR e era neste dia que ele tinha folga”, explica Fernando Amorim, da organização.

Durante a noite, outros atletas vão passar pela Pista Gémeos Castro para acompanhar Vítor Rodrigues no esforço. Entre as 23:00 e as 05:00 a pista vai estar encerrada e “nessa altura vamos estar aqui em confinamento”, afirma.

As 24 horas completam-se às 09:00 de sábado, dia 5.

Continuar a ler

Futebol

Médio Dénis Poha regressa aos convocados do Vitória

I Liga

em

Foto: Imagem Vitória SC / Facebook

O médio Dénis Poha é a única novidade nos 22 convocados do Vitória para a receção ao Portimonense, que abre a nona jornada da I Liga portuguesa de futebol, informou hoje o clube no sítio oficial.

Utilizado em cinco jogos oficiais na presente época, o último dos quais frente ao Sporting, em 07 de novembro (derrota por 4-0), o francês, de 23 anos, regressa às opções do treinador João Henriques para o jogo de sábado, após ter falhado a visita ao Tondela, na jornada anterior (triunfo vimaranense por 2-0).

Dénis Poha substituiu na convocatória vitoriana o defesa central Yann Bisseck, ainda sem qualquer minuto jogado em 2020/21.

O lateral esquerdo Mascarenhas e os médios Mikel Agu, Wakaso e Joseph continuam ausentes dos relvados por lesão.

O encontro da nona jornada da I Liga portuguesa entre Vitória, sexto classificado, com 13 pontos, e Portimonense, 16.º, com sete, começa às 15:30 de sábado, no Estádio D. Afonso Henriques, em Guimarães, com arbitragem de António Nobre, da Associação de Futebol de Leiria.

A lista de 22 convocados

– Guarda-redes: Bruno Varela, Matous Trmal e Jhonatan.

– Defesas: Sacko, Suliman, Abdul Mumin, Jorge Fernandes, Sílvio e Gideon Mensah.

– Médios: Pepelu, Dénis Poha, André André, Miguel Luís, Janvier, Jacob Maddox e André Almeida.

– Avançados: Marcus Edwards, Rochinha, Ricardo Quaresma, Lyle Foster, Noah Holm e Bruno Duarte.

Continuar a ler

Populares