Seguir o O MINHO

Futebol

Sporting defende liderança em Guimarães

I Liga

em

Foto: DR / Arquivo

O Sporting defende a liderança da I Liga portuguesa de futebol com uma difícil deslocação ao campo do Vitória SC, numa sétima jornada em que FC Porto e Benfica tentam regressar aos triunfos.

No Estádio do Dragão, os campeões nacionais recebem o aflito Portimonense, enquanto os ‘encarnados’ fecham a ronda com jogo ‘grande’ na Luz, no duelo com o SC Braga.

A sétima ronda poderá ser afetada pela pandemia da covid-19, com o Moreirense, que tem vários casos positivos do novo coronavírus no clube, entre jogadores, técnicos e funcionários, a poder não ter condições para receber o Paços de Ferreira, num encontro que está agendado para sábado.

Pela primeira vez desde setembro de 2016, o Sporting vai iniciar uma jornada isolado na frente do campeonato, mas para manter esse ‘estatuto’ terá no sábado no Minho um teste que promete ser bem complicado, perante um Vitória de Guimarães em subida, sobretudo depois da entrada de João Henriques no comando técnico, rendendo Tiago Mendes.

Na última ronda, em Alvalade, a equipa de Rúben Amorim goleou o Tondela (4-0), na melhor exibição da temporada até ao momento, e, além de alcançar a liderança isolada, passou a ser a única equipa sem derrotas na competição.

Os ‘leões’, que levam cinco vitórias, três consecutivas, e cederam um empate, perante o FC Porto (2-2), em Alvalade, venceram em Guimarães, para a I Liga, apenas uma vez nas últimas seis temporadas (5-0 em 2017/18).

Depois de um início algo tremido, o Vitória saltou para o sexto lugar da classificação, em igualdade pontual com FC Porto e Santa Clara, depois de somar três vitórias nos últimos quatro encontros. Contudo, João Henriques ainda procura o primeiro triunfo em casa desde que chegou ao clube.

No domingo, é a vez do FC Porto e do Benfica entrarem em campo, com destaque para o embate entre a equipa de Jorge Jesus e o Sporting de Braga, que vão subir ao relvado do Estádio do Luz com apenas dois dias de descanso, devido à participação na Liga Europa.

Depois de ter caído com ‘estrondo’ no Bessa (derrota com Boavista por 3-0), naquela que foi, para já, a pior exibição da época, o Benfica está obrigado a regressar às vitórias, mas pela frente terá uma formação minhota que segue no terceiro lugar, com 12 pontos, apenas menos um que os ‘encarnados’, e com um registo de quatro vitórias consecutivas na prova.

O encontro que encerra a ronda está agendado para as 20:00, duas horas e meia depois do FC Porto receber o Portimonense, numa altura em que os ‘dragões’ estão a viver duas ‘vidas’ distintas, uma no campeonato e outro na Liga dos Campeões.

Depois do triunfo caseiro sobre o Marselha (3-0) na terceira jornada, a equipa de Sérgio Conceição está a caminho do apuramento para os oitavos de final da ‘Champions’, mas na I Liga regista o pior arranque do século.

O Portimonense, penúltimo classificado e equipa que sofreu quatro derrotas nas últimas cinco rondas, pode ser o adversário ideal o FC Porto, que venceu sempre nas 17 vezes que recebeu os algarvios em casa para o campeonato.

A jornada arranca na sexta-feira, com o Belenenses SAD, que leva cinco jogos em vencer, a receber o Rio Ave, que regista dois triunfos consecutivos e pode apanhar provisoriamente o Sporting de Braga no terceiro lugar.

Destaque ainda para o Farense, último classificado e única equipa que ainda não conseguiu vencer nesta edição da I Liga. Os algarvios recebem no domingo o motivado Boavista.

Programa da sétima jornada:

– Sexta-feira, 06 nov:

Belenenses SAD – Rio Ave, 20:30

– Sábado, 07 nov:

Moreirense – Paços de Ferreira, 15:30

Tondela – Santa Clara, 15:30

Famalicão – Marítimo, 18:00

Vitória SC – Sporting, 20.30

– Domingo, 08 nov:

Nacional – Gil Vicente, 15:00

Farense – Boavista, 15:00

FC Porto – Portimonense, 17:30

Benfica – SC Braga, 20:00

Anúncio

Futebol

FC Porto e Benfica empatam no ‘clássico’ (e o Braga pode ficar a dois pontos)

I Liga

Foto: Twitter / FC Porto

O FC Porto e o Benfica empataram hoje 1-1, em jogo da 14.ª jornada da I Liga de futebol, disputado no estádio do Dragão, com ambas as equipas a continuarem a quatro pontos do líder Sporting e a poderem ficar a dois do SC Braga.

A jogar fora, o Benfica inaugurou o marcador aos 17 minutos, com um golo do defesa espanhol Grimaldo, mas o FC Porto conseguiu chegar ao empate aos 25, através do avançado Mehdi Taremi. O iraniano acabou por ver um cartão vermelho direto aos 73, deixando os ‘azuis e brancos’ com menos um jogador em campo.

Com este empate, o FC Porto e o Benfica estão no segundo lugar, ambos com 32 pontos, mantendo os quatro de diferença para o líder Sporting (36), que também hoje empatou em casa com o Rio Ave (1-1).

O SC Braga, quarto classificado, pode reduzir amanhã à tarde, frente ao Paços de Ferreira, para dois pontos a desvantagem em relação aos dois clubes.

Continuar a ler

Futebol

Sporting empata em casa com o Rio Ave

I Liga

Foto: Twitter

O Sporting empatou hoje 1-1 na receção ao Rio Ave, na abertura da 14.ª jornada da I Liga de futebol, e lidera o campeonato com 36 pontos, mais cinco que FC Porto e Benfica, que se defrontam esta noite.

No estádio José Alvalade, o Sporting adiantou-se no marcador aos 42 minutos, com um golo de Pedro Gonçalves, o seu 12.º na competição, mas o Rio Ave chegou ao empate aos 61, através de Gelson Dala, antigo jogador dos ‘leões’.

Com este empate, o Sporting lidera o campeonato com 36 pontos e vai aguardar pelo resultado do ‘clássico’ de hoje entre FC Porto e Benfica para saber qual a vantagem que vai ter sobre os seus rivais na prova, enquanto o Rio Ave está em oitavo, com 15 pontos.

Continuar a ler

Futebol

Vitória com quatro regressos para duelo com Farense após casos de covid-19

I Liga

Foto: Facebook VSC

O médio Janvier e os avançados Rochinha, Bruno Duarte e Oscar Estupiñán são opções do Vitória SC para a receção ao Farense, da 14.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol, depois de infetados pelo novo coronavírus.

Os futebolistas integram a lista de 22 convocados para o duelo de sábado com os algarvios, hoje divulgada no sítio oficial vitoriano, depois de terem realizado testes positivos em 01 de janeiro, na véspera do encontro da 12.ª jornada com o Nacional, adiado para 21 de janeiro face ao surto ocorrido nos minhotos.

Os quatro jogadores, regularmente utilizados na equipa treinada por João Henriques a titulares ou a partir do banco de suplentes, estiveram isolados, falharam o encontro de sábado com o Moreirense (2-2), relativo à 13.ª jornada, e regressaram aos treinos na segunda-feira, após os resultados negativos em novos testes.

Os outros dois elementos do plantel infetados nesse surto, os médios Dénis Poha e Joseph, que já estava lesionado, apresentaram resultados negativos, mas continuam ausentes das opções.

O lateral-esquerdo Jonas Carls e o médio Luís Esteves, oriundo da equipa B do Vitória, deixaram os convocados após terem estado no banco de suplentes frente ao Moreirense, tal como o avançado Lyle Foster, que foi autorizado a sair do país devido à morte de um familiar.

Já os defesas Sílvio e Mascarenhas e os médios Mikel Agu e Jacob Maddox continuam de fora dos relvados, lesionados.

O encontro entre o Vitória, sexto classificado, com 20 pontos, e o Farense, 13.º, com 12, está agendado para as 18:00 de sábado, no Estádio D. Afonso Henriques, em Guimarães, com arbitragem de Fábio Veríssimo, da Associação de Futebol de Leiria.

A lista de 22 convocados

Guarda-redes: Bruno Varela, Matous Trmal e Jhonatan.

Defesas: Zié Ouattara, Sacko, Abdul Mumin, Jorge Fernandes, Suliman e Gideon Mensah.

Médios: Wakaso, Pepelu, Miguel Luís, André André, Janvier e André Almeida.

Avançados: Marcus Edwards, Rochinha, Ricardo Quaresma, Rúben Lameiras, Noah Holm, Bruno Duarte e Oscar Estupiñán.

Continuar a ler

Populares