Seguir o O MINHO

Desporto

SC Braga com três medalhas na Liga Olímpica de Karaté

Hélio Hernandez conquistou o ouro

em

Foto: Divulgação / SC Braga

A equipa de karaté do SC Braga conquistou três medalhas, umas das quais de ouro, durante a primeira jornada da Liga Olímpica de Karaté, que decorreu no domingo, na Póvoa de Varzim.

Hélio Hernandez venceu o ouro e conquistou a pontuação máxima nesta jornada. Já Tânia Barros esteve sempre bem durante a final, mas acabou por sofrer uma reviravolta e não alcançou o ouro por um ponto. Beatriz Ferreira conquistou o bronze depois de ter perdido o acesso à final com a vencedora dessa prova.

Guilherme Gonçalves terminou em quarto e em prova estiveram os atletas João Mendes, Afonso Sousa, Mariana Silva, Liliana Abreu, Tiago Antunes, João Xavier que deixaram boas indicações para provas futuras.

Estiveram ainda em representação do clube os treinadores Elisabete Silva, Ilídio Barros e Nuno Barata, que lideram os atletas durante os combates.

Anúncio

Desporto

César Machado e Mariano Pires encerram temporada dos GT4, no Estoril

Pilotos do Minho

em

Foto: Divulgação

É este fim-de-semana no Circuito do Estoril que decorre a última jornada dos GT4 South European Series com a participação dos pilotos minhotos, César Machado e Mariano Pires, da equipa Skywalker Racing Management, ao volante do Ginetta G55 da ABM Grand Prix. Depois de uma jornada atípica no Algarve, os dois pilotos estão focados em fechar o ano com vitórias.

“É esperada muito chuva e todos sabemos que nestas condições os resultados das corridas são sempre uma verdadeira lotaria. Em termos de campeonato, o título está atribuído, mas isso não nos retira a ambição de querer alcançar a vitória e fechar o ano da melhor forma. Já mostrámos que temos condições para ser bem-sucedidos, por isso é continuar a trabalhar e a acreditar”, explicou César Machado.

A mesma opinião é partilhada por Mariano Pres: “Sabemos que podemos ganhar por isso é com esse espírito que vamos enfrentar o fim-de-semana. Haverá certamente mais candidatos ao lugar mais alto do pódio, mas vamos trabalhar arduamente para atingir os objetivos”, concluiu o jovem piloto.

O fim-de-semana de competição terá transmissão no Porto Canal, nomeadamente a primeira corrida no domingo pelas 09:55 e a segunda às 13:50.

Continuar a ler

Futebol

Rúben Dias fora dos convocados do Benfica para Vizela

Taça de Portugal

em

Foto: Divulgação

O central internacional português Rúben Dias ficou hoje fora dos convocados do Benfica para a visita de sábado ao Vizela, do Campeonato de Portugal, na quarta eliminatória da Taça de Portugal em futebol.

Rúben Dias, que esteve ao serviço da seleção nos últimos jogos de qualificação para o Europeu de 2020, não entra nas escolhas por opção do treinador Bruno Lage, que continua a deixar de fora Fejsa e Zivkovic.

De regresso às escolhas está o médio grego Samaris, que não esteve na última convocatória, na vitória em casa do Santa Clara, na I Liga, e disputou o último jogo na nona jornada, então na goleada na Luz ao Portimonense (4-0).

Em relação aos escolhidos para a ida aos Açores, na 11.ª ronda, entraram também o central Conti e o lateral Nuno Tavares, e saíram os lesionados Svilar e Seferovic, e Taarabt, com uma síndrome viral.

O avançado suíço Seferovic veio lesionado dos compromissos na sua seleção, apresentando uma rotura solear da perna esquerda, enquanto Svilar tem uma tendinopatia.

No boletim clínico das águias continuam Rafa, com uma desinserção do tendão médio adutor, e David Tavares, com uma lesão muscular na coxa esquerda.

O Benfica, líder da I Liga, defronta no sábado fora o Vizela, líder da Série A no Campeonato de Portugal, em jogo da quarta eliminatória da Taça de Portugal com início marcado para as 20:45.

Lista de 20 convocados do Benfica:

– Guarda-redes: Vlachodimos e Zlobin.

– Defesas: Ferro, Nuno Tavares, Conti, Tomás Tavares, Grimaldo, Jardel e André Almeida.

– Médios: Caio Lucas, Cervi, Chiquinho, Pizzi, Gabriel, Samaris, Florentino e Gedson.

– Avançados: Carlos Vinicius, Raul de Tomas e Jota.

Continuar a ler

Futebol

Vítor Oliveira focado em contrariar favoritismo do Braga na Taça de Portugal

Gil Vicente visita o Braga no sábado, às 18:30, no Estádio Municipal

em

Foto: Divulgação

O treinador Vítor Oliveira atribuiu hoje o favoritismo ao Sporting Clube (SC) de Braga na quarta eliminatória da Taça de Portugal de futebol, mas sublinhou a ambição do Gil Vicente em inverter a lógica no dérbi minhoto.

“Estamos com ideia de que podemos ‘fazer Taça’. O Braga é uma equipa forte em jogos a eliminar e tem uma taxa de favoritismo maior do que a nossa, mas isso por si só não joga. Estamos preparados para um adversário difícil, mas esperançados em provocar uma surpresa”, referiu o técnico, na conferência de antevisão ao duelo, no Estádio Cidade de Barcelos.

Vítor Oliveira lembrou o “campeonato irregular” e a “carreira europeia irrepreensível” protagonizada pelos arsenalistas, mas recusa “entregar o jogo de bandeja” aos pupilos de Ricardo Sá Pinto, com quem já empatou esta temporada (1-1), na terceira jornada da I Liga.

“Se conseguirmos apresentar o melhor Gil Vicente contra um Braga menos bom, as nossas probabilidades aumentam substancialmente. Teremos pela frente uma equipa com um caudal ofensivo muito grande e um plantel de topo a nível nacional. Neste momento, só FC Porto e Benfica terão melhor plantel que o Sporting de Braga”, estabeleceu.

Ao fim de quase quatro meses de competição e após dois triunfos consecutivos, antecedidos de nova interrupção do campeonato, Vítor Oliveira reconhece que o valor coletivo do Gil Vicente ainda continua a ser inferior à soma das individualidades.

“Um jogador que venha de fora aparece carregado de expectativas. Alguns chegam, brilham e vão embora para outros patamares. Outros vêm cheios de sonhos que se vão diluindo e não são concretizados. Temos aqui jogadores que podem fazer uma carreira bonita no futebol português, mas precisam de adaptação e de perceber que o nosso jogo é diferente de outros campeonatos”, analisou.

Instado a comentar o fervor dos adeptos minhotos, o antigo treinador de Famalicão, Vitória de Guimarães, Sporting de Braga e Moreirense afirmou que aquela região “é um bom exemplo para o resto do país” de paixão pelos clubes da terra.

“Não sei se é uma característica do minhoto, mas aqui está muito bem definido quem é de cada emblema. Embora haja também alguma predileção pelos ‘grandes’, as massas associativas são fervorosas, apaixonadas e apoiam incondicionalmente os clubes”, assinalou.

Na ronda anterior, os barcelenses afastaram o Penafiel (2-0), da II Liga, enquanto os vencedores da prova ‘rainha’ em 1965/66 e 2015/16 eliminaram o Leça (3-1), do Campeonato de Portugal.

O Gil Vicente visita o Braga no sábado, às 18:30, no Estádio Municipal de Braga, em encontro da quarta eliminatória da Taça de Portugal.

Continuar a ler

Populares