Reforço do Moreirense afastado seis meses por lesão

Alhassane Sylla sofreu uma lesão ligamentar no joelho direito

O recém-contratado defesa senegalês Alhassane Sylla sofreu uma lesão ligamentar no joelho direito e vai desfalcar o Moreirense durante, pelo menos, seis meses, confirmou à agência Lusa fonte do clube da II Liga de futebol.

O lateral direito, de 26 anos, lesionou-se com gravidade no decorrer do empate frente ao primodivisionário Paços de Ferreira (0-0), na quarta-feira, num encontro de pré-época em Vila Chã, freguesia do concelho de Esposende, onde os vimaranenses estão a estagiar.

Oficializado como reforço do Moreirense em 30 de junho, Alhassane Sylla vai enfrentar uma intervenção cirúrgica nos próximos dias e deixa o treinador Paulo Alves sem quaisquer defesas direitos de origem.

Os minhotos tinham ficado sem os três alas destros utilizados em 2021/22, com Paulinho a terminar contrato e Rodrigo Conceição a regressar ao FC Porto após um período de empréstimo, ao passo que o brasileiro Matheus Silva ainda esteve nos exames médicos da atual pré-temporada, mas rescindiu para ingressar no Lokomotiv Plovdiv, da Bulgária.

O Moreirense, que desceu à II Liga oito anos depois, continuará a estagiar em Ofir até sábado, tendo a estreia oficial em 2022/23 prevista para o fim de semana de 06 e 07 de agosto, com uma receção ao Vilafranquense, na ronda inaugural do escalão secundário.

 
Total
0
Partilhas
Artigo Anterior

Festival de música eletrónica e arte digital Semibreve regressa a Braga em outubro

Próximo Artigo

Homem de 61 anos detido por tráfico de droga em Barcelos

Artigos Relacionados
x