Seguir o O MINHO

Esposende

Prozis: “Estamos a recrutar 30 pessoas por mês”

Fundador da Prozis esteve hoje na inauguração do novo centro tecnológico de Investigação e Desenvolvimento (I&D) da empresa, na Maia.

em

Miguel Milhão na apresentação do novo Centro Tecnológico da Prozis, na Maia. Foto: Facebook de CM Maia (setembro, 2018)

O sempre reservado Miguel Milhão, fundador da Prozis, falou esta manhã a uma reportagem da Câmara Municipal da Maia, a propósito do investimento de 15 milhões de euros, para os próximos dois anos, feito pela sua empresa naquele concelho do distrito do Porto, e hoje apresentado publicamente no centro da cidade.

Entre outras coisas, o responsável pela marca líder europeia em alimentação e suplementação funcional, cuja empresa tem sede em Esposende, revelou estar a contratar cerca de 30 novos colaboradores por mês.

[/video]

Vídeo: Facebook de Câmara Municipal da Maia

“Nós estamos continuamente a recrutar, ou seja, nós neste momento penso que estamos a recrutar 30 pessoas por mês e devemos expandir agora”, disse.

No novo centro tecnológico de Investigação e Desenvolvimento (I&D), na Maia, junto à TECMAIA, a Prozis prevê criar 1.500 novos postos de trabalho, a maioria dos quais nas áreas de programação e sistemas informáticos, sendo que, desses, 300 já têm processo de recrutamento aberto.

A empresa, fundada em 2007, conta atualmente com mais de 800 mil clientes, espalhados por mais de 100 países. Em 2016, facturou 60 milhões de euros.

Os interessados em trabalhar na Prozis podem consultar as oportunidades existentes e apresentar candidaturas espontâneas, online, em https://prozis.breezy.hr/.

Anúncio

Esposende

Golfinho morto dà à costa em Esposende

Alerta foi dado por populares

em

Um golfinho sem vida foi encontrado na manhã deste domingo na praia de Belinho, Esposende.

Foto: Vítor Vasconcelos

A Polícia Marítima foi alertada por populares para a remoção do corpo do animal.

Continuar a ler

Cávado

PS/Esposende acusa câmara de esbanjar dinheiro ao arrendar edifício do pai de um autarca

“O dono do prédio deve estar a esfregar as mãos de contente”

em

Foto: Divulgação / CM Esposende

O PS de Esposende acusou esta quinta-feira a Câmara local (PSD) de “esbanjar dinheiro público” com o dossier do Centro de Negócios, nomeadamente com o arrendamento de um edifício propriedade do pai de um presidente de junta social-democrata.

Em comunicado, o PS diz que em causa está um negócio “ruinoso”, com o pagamento, desde há quase três anos, de uma renda “elevadíssima”, que começou por 5 mil euros mensais e que foi entretanto atualizada para 5.500.

Agora, a Câmara está a investir quase 219 mil euros no prédio, para o adaptar a Centro de Negócios.

“O dono do prédio deve estar a esfregar as mãos de contente”, refere.

O PS frisa ainda que, antes do arrendamento do prédio para a instalação do Centro de Negócios, a Câmara, há seis anos, comprou, por mais de 600 mil euros, um terreno para o mesmo efeito.

O PS sublinha que, além de aquele ser um preço “elevadíssimo”, o terreno, ao longo de seis anos, ainda só serviu para “crescer vegetação e para instalar circos que visitam Esposende”.

“Há proprietários de terrenos e senhorios com muita sorte”, acrescenta o comunicado socialista.

Contactado pela Lusa, o presidente da Câmara, Benjamim Pereira, disse que o edifício arrendado se situa no centro da cidade e tem 750 metros quadrados, sublinhando que a renda foi fixada em função de uma avaliação.

Disse ainda que, na altura, o filho do dono de prédio ainda não era presidente de junta “nem era sequer previsível” que viesse a ser candidato.

“A melhor maneira que o PS encontra para disfarçar o que se passa no Governo é falar das autarquias PSD”, referiu.

Disse ainda que desde junho de 2018 que a Câmara não paga “um único cêntimo de renda”, uma situação que se manterá até janeiro de 2020.

Benjamim Pereira garantiu que o arrendamento será provisório, já que continua nos planos da Câmara a construção de instalações para o Centro de Negócios no terreno comprado há seis anos.

Uma obra que deverá custar “entre dois a três milhões de euros”, estando a Câmara à espera de uma oportunidade para avançar com uma candidatura a fundos comunitários.

Segundo explicou, a Câmara “foi aconselhada” a avançar, entretanto, com o Centro de Negócios, para que o equipamento venha a ser mais facilmente elegível numa futura candidatura.

“É um equipamento absolutamente fundamental para o concelho, designadamente para apoiar o empreendedorismo”, referiu, adiantando que o centro deverá abrir em janeiro.

Garantiu que, no terreno reservado para o Centro de Negócios, “não houve nem nunca haverá circo”.

“Circo é o que o PS está a fazer com esta questão”, criticou.

Continuar a ler

Cávado

Ensino superior chega a Esposende no próximo ano letivo

Cursos técnicos superiores profissionais ligados essencialmente à restauração e ao turismo

em

Foto: Divulgação / CM Esposende

O polo de Esposende do Instituto Politécnico do Cávado e Ave (IPCA) deverá começar a funcionar no início do próximo ano letivo num edifício orçado em cerca de 2,5 milhões de euros, anunciou hoje o presidente da Câmara.

Em declarações à Lusa, Benjamim Pereira afirmou que o projeto do edifício está pronto e que dentro de “uma a duas semanas” a obra será lançada a concurso público.

“A obra poderá começar em janeiro e, se tudo correr bem, contamos que esteja concluída a tempo de o polo começar a funcionar logo no início do próximo ano letivo”, disse ainda.

Segundo Benjamim Pereira, no polo de Esposende do IPCA funcionarão uma Escola de Verão e cursos técnicos superiores profissionais ligados essencialmente à restauração e ao turismo.

A Escola de Verão promoverá formação avançada, com uma oferta que consistirá, designadamente, em seminários, conferências, cursos breves, ações de formação e programas de formação nacionais e internacionais.

Para o local que vai acolher o polo do IPCA, está ainda prevista a construção de um edifício multiúsos e de um centro de negócios.

Com sede em Barcelos, o IPCA já tem polos em Braga, Guimarães e Vila Nova de Famalicão.

Continuar a ler

Populares