Seguir o O MINHO

Ave

Professora de Famalicão vence menção honrosa entre os melhores do país

Global Teacher Prize Award

em

Foto: Divulgação / CM Famalicão

Ana Mendes, professora no Agrupamento de Escolas Camilo Castelo Branco, em Famalicão, venceu hoje uma menção honrosa no prémio Global Teacher Prize Portugal 2020, pela “sustentabilidade social” patente nas suas aulas.


A docente, com 26 anos de serviço educativo, tem a seu cargo as disciplinas de Educação Moral e Religiosa Católica (EMRC) e também Educação Ambiental, esta última aplicada a alunos com necessidades especiais.

Em entrevista ao portal Educris, Ana Mendes explica que se fez professora de EMRC depois de ter passado boas experiências com professoras, tanto no ensino primário como no secundário.

Ensinar é uma “missão” para a docente, que quer “ajudar os alunos a refletir sobre o mundo que os rodeia”, sem esquecer o “dado ético-moral com pano de fundo”, de forma a ajudar a formar “cidadãos mais comprometidos com a sociedade e mais fraternos”.

O prémio que agora recebe deve-se ao projeto desenvolvido junto de alunos com necessidades especiais, no agrupamento de escolas de Famalicão.

“Estava na escola e fui-me fazendo próxima das necessidades da comunidade educativa. A Educação ambiental surgiu através do projeto Eco-Escola numa altura em que a própria autarquia permitiu muita formação na área da agricultura biológica, cultura do linho ou a poda”, explicou ao portal Educris.

“Convidámos os pais e os avós a virem à escola para apresentarem o seu conhecimento acerca dos temas e trabalhamos, com os alunos em projetos para que possam ser protagonistas da sua própria aprendizagem. Quando o aluno realiza, quando faz, nunca mais esquece”, assegurou à mesma fonte.

Embora não tenha vencido o principal prémio, Ana Mendes traz reconhecimento deste concurso, que motivou até elogios por parte do presidente da Câmara de Famalicão, Paulo Cunha: “É uma nomeação que enche Famalicão de orgulho e que demonstra o quão inspiradores são os nossos professores”, escreveu o autarca no Facebook.

O Global Teacher Prize Portugal contou com seis finalistas que concorreram a um prémio de 30 mil euros. Consiste em premiar professores “inovadores” e o dinheiro é para aplicar em “projetos pedagógicos”.

A vencedora da edição deste ano foi Sónia Moreira, de Gaia.

Anúncio

Guimarães

Junta de Urgezes, em Guimarães, já tem caixa multibanco

Novo Banco

em

Foto: Divulgação / Junta de Urgezes / Facebook

Era um anseio da população e uma promessa do executivo. A sede da Junta de Freguesia de Urgezes, em Guimarães, já tem um posto ATM (caixa multibanco) para servir os cidadãos.

O anúncio foi feito no sábado pela autarquia, dando conta de que já está em funcionamento o novo equipamento, graças a uma parceria com o Novo Banco.

De acordo com o executivo da Junta, esta instalação corresponde “a um dos anseios da população e ao cumprimento do que estava previsto no programa” eleitoral.

“A Junta de Freguesia andava a tentar a sua colocação desde do ano 2016, [mas] só agora foi possível, pelo que, é merecido deixar aqui o agradecimento ao Novo Banco, nas pessoas da doutora Carla Oliveira e em especial ao doutor Rui Neves”, escreve a autarquia numa nota publicada nas redes sociais.

Informa ainda que o banco existente na urbanização das Trofas irá encerrar “em breve”, pelo que este equipamento ganha relevante valor na freguesia.

“Assim, depois da abertura do Espaço do Cidadão na Junta de Freguesia, em novembro de 2018, é agora a vez da instalação desta Caixa Multibanco. Mais serviços, para assim melhor servir”, finaliza a mesma nota.

Continuar a ler

Ave

Condutor escapa ileso após cair de ribanceira em Celorico de Basto

Acidente

em

Foto: Joaquim Costa / Facebook

Um condutor não ganhou para o susto depois do carro onde seguia tombar numa ribanceira com cerca de cinco metros de altura, ontem à noite, em Celorico de Basto.

Segundo disse a O MINHO o comandante dos Bombeiros Celoricenses, Fernando Gomes, a viatura terá caído numa estrada que foi aberta para aceder a uma zona industrial em Cabreira.

“A estrada foi aberta recentemente e, por vezes, quem conduz à noite e não conhece o lugar pode ser surpreendido”, disse o comandante.

À chegada da ambulância dos Bombeiros Celoricesense, o condutor já tinha saído da viatura pelos próprios meios, apesar do aparato em que ficou.

Foi transportado para o Hospital de Penafiel “por precaução”, de forma a fazer alguns exames para ver se não tinha nenhum ferimento de maior.

Continuar a ler

Ave

Lares em Fafe com mais de meia centena de infetados

Covid-19

em

Foto: Ivo Borges / O MINHO

Pelo menos quatro estruturas residenciais para idosos no concelho de Fafe estão a braços com surtos de covid-19. Duas delas pertencem à Santa Casa da Misericórdia local.

Através das redes sociais, aquela instituição deu hoje conta de doze casos na ERPI Cónego Leite de Araújo – cinco utentes e sete funcionários. De acordo com a mesma fonte, todos se encontram “estáveis”.

Este lar, com 83 utentes e 120 colaboradores, já foram “devidamente testados”, aguardando-se novos resultados. A situação está a ser acompanhada pelo delegado de saúde e pela proteção civil municipal.

ERPI Cónego Leite de Araújo (Lar 1 da Santa Casa). Foto: Ivo Borges / O MINHO

Também outro lar da Misericórdia, o Lar D. Joaquina Leite Lage, em Cepães, mantém onze infeções ativas já desde o início desta semana. Hoje, a instituição atualizou as informações relativas a este lar, informando que não se registaram mais casos positivos.

“Os utentes infetados encontram-se estáveis, estando apenas uma das utentes a receber tratamento hospitalar por precaução”, escreveu a instituição nas redes sociais.

Lar D. Joaquina Leite Lage, Cepães. Foto: Ivo Borges / O MINHO

O caso que estará a gerar maior preocupação é o do Lar de Silvares São Martinho, que descobriu um surto com 29 infeções depois de um utente ter tido um episódio de urgência hospitalar onde houve a necessidade de ser testado à covid-19.

Em declarações ao jornal Notícias de Fafe, o diretor daquele centro, que pertence à paróquia, avançou que se tratam de 19 utentes e dez funcionários infetados com o coronavírus. Os restantes elementos, entre utentes e colaboradores, testaram negativo.

Lar de Silvares S. Martinho. Foto: Ivo Borges / O MINHO

Assegura ainda que todos estão assintomáticos e que o lar está a funcionar com normalidade, havendo, no entanto acompanhamento por parte da Segurança Social e do Município de Fafe, para a necessidade de intervenção das ‘brigadas’ do Ministério da Saúde.

O quarto lar com covid-19 é o do Grupo Cultural e Recreativo Martim de Freitas, onde a direção não avançou números mas confirmou que existe “uma percentagem reduzida” de casos.

Lar de Freitas. Foto: Ivo Borges / O MINHO

Em declarações ao jornal Notícias de Fafe, o tesoureiro Pedro Rodrigues garantiu que a situação “está controlada” e que a direção está a seguir todas as instruções da DGS.

Para além destes surtos localizados, há ainda existência de um surto na corporação de bombeiros de Fafe, com dez infetados. Também a Cruz Vermelha local registou dois casos positivos por entre os colaboradores.

O Município de Fafe é um dos 121 concelhos do país integrado na lista de risco do Governo, possuindo uma taxa de infeção por habitante acima dos 240 por cada 100 mil.

Recentemente, o presidente da Câmara, Raúl Cunha, decretou situação de emergência municipal no concelho, disponibilizando maior policiamento para cumprimento das regras impostas pelo Conselho de Ministros para mitigar avanço da covid-19.

Continuar a ler

Populares