Seguir o O MINHO

Ave

Novo centro de testes em Celorico de Basto antecipa resposta em duas semanas

Covid-19

em

Foto: Nelo Gonçalves

O centro de diagnóstico da covid-19 que vai começar a funcionar na próxima semana em Celorico de Basto permitirá antecipar, em duas semanas, dezenas de testes que estavam previstos para Amarante, segundo a autarquia local.

O presidente da Câmara de Celorico de Basto, Joaquim Mota e Silva, explicou hoje à Lusa haver naquele concelho do interior do distrito de Braga pessoas que marcaram o exame em número suficiente para preencherem a capacidade do novo centro de diagnóstico ao longo de duas semanas de atividade.

O autarca indicou que o laboratório contratado será capaz de realizar cerca de uma centena de testes por semana.

Joaquim Mota e Silva referiu que a resposta foi articulada com o Serviço Nacional de Saúde e surge no contexto de um entendimento com os municípios vizinhos de Cabeceiras de Basto (Braga) e Mondim de Basto (Vila Real). Os três concelhos, isoladamente, não teriam população suficiente para justificar o funcionamento de um centro de diagnóstico, anotou.

A solução encontrada prevê que os técnicos do laboratório percorrerão, em dias alternados, a partir de segunda-feira, cada uma das sedes de concelho, em instalações cedidas pelas câmaras municipais.

No caso de Celorico de Basto, os testes serão realizados no centro escolar, contando com o apoio logístico do município, incluindo pessoal de segurança e uma enfermeira.

Os testes poderão ser realizados naquele concelho nas manhãs de segunda-feira e quarta-feira, das 08:00 às 12:00, e nas tardes de terça-feira e sexta-feira, das 13:00 às 17:00, sempre sob marcação prévia.

Os resultados, após análise laboratorial, são enviados diretamente ao utente e às autoridades de saúde pública.

Para o autarca, além da rapidez de resposta, a lógica de proximidade associada a esta medida é “muito importante” para um concelho de baixa densidade, recordando haver freguesias de Celorico de Basto que distam mais de 30 quilómetros de Amarante.

Anotou, por outro lado, a vantagem de haver um equipamento com aquelas características num concelho, como Celorico de Basto, onde existem muitos idosos alojados em lares que poderão precisar de ser testados rapidamente.

Segundo dados da Direção-Geral da Saúde, o concelho tem atualmente sete pessoas infetadas com o novo coronavírus, uma das quais a receber tratamentos hospitalares.

O novo coronavírus, responsável pela pandemia da covid-19, já infetou mais de 1,5 milhões de pessoas em todo o mundo, das quais morreram quase 89 mil.

Em Portugal, segundo o balanço feito hoje pela Direção-Geral da Saúde, registaram-se 409 mortes, mais 29 do que na véspera (+7,6%), e 13.956 casos de infeções confirmadas, o que representa um aumento de 815 em relação a quarta-feira (+6,2%).

Anúncio

Guimarães

Obras no parque para apoio a igreja em Guimarães

Obras públicas

em

Foto: Divulgação / CM Guimarães

A Câmara de Guimarães revelou hoje que a freguesia de Atães passará a contar uma área reformulada na zona envolvente à igreja de S. Cosme e S. Damião com o objetivo de facilitar o acesso da população que ali desloque.

“[Este projeto] tem em atenção as necessidades de todo o território e da população em geral. Fizemos e estamos a fazer diversas obras nas freguesias, em articulação com as juntas, no sentido de fortalecer a coesão territorial e garantir um desenvolvimento global do nosso concelho”, refere o presidente da Câmara de Guimarães, Domingos Bragança, citado numa nota da autarquia.

O autarca visitou as obras em Atães com o presidente da União de Freguesias de Atães e Rendufe, Patrício Araújo.

Em causa está a criação de uma zona de estacionamento para cerca de uma centena de viaturas, somando-se o alargamento da via, uma zona de lazer e obras de beneficiação no adro da igreja.

Continuar a ler

Guimarães

BMW de 92 mil euros, roubado em Guimarães, encontrado numa garagem em Gaia

Crime

em

Foto: Divulgação / GNR

Uma viatura de luxo furtada em Guimarães foi encontrada, na sexta-feira, numa garagem em Vila Nova de Gaia, após ação do Núcelo de Investigação Criminal da GNR.

Em comunicado, aquela polícia dá conta da recuperação da viatura, no valor de 92 mil euros, numa garagem de uma habitação em São Félix da Marinha, no concelho do distrito do Porto, após uma denúncia anónima.

Após diligências, os militares realizaram uma busca àquele domicílio, apreendendo a viatura, um pára-choques e duas matrículas alemãs falsificadas.

Foi identificado um homem de 31 anos, proprietário da habitação.

A viatura e o restante material foram recuperados e os factos remetidos ao Tribunal Judicial de Vila Nova de Gaia.

Continuar a ler

Guimarães

Guimarães reabre portas a turistas com reforço no “Turismo de Natureza”

Turismo

em

Foto: Divulgação / CM Guimarães

A Câmara de Guimarães prepara o desconfinamento no turismo, com a abertura, no próximo dia 01 de junho, do posto de turismo da Praça de São Tiago, com todas as medidas de higiene e segurança recomendadas pela DGS (e já com o selo ‘Clean & Safe’ do Turismo de Portugal).

Em comunicado, a autarquia refere que, até 30 de setembro, o posto irá funcionar de segunda a sexta-feira, das o9:30 às 19:00, aos sábados, das 10:00 às 19:00, e aos domingos e feriados, das 10:00 às 17:00.

A mesma nota dá conta de “uma aposta clara no segmento de Turismo de Natureza, no desenvolvimento sustentável do território e na diminuição da sazonalidade”: “Guimarães favorece uma relação harmoniosa entre cultura e natureza: do Centro Histórico Património Mundial avista-se um inigualável Património Natural”.

A autarquia pretende atingir as diretrizes europeias para o desenvolvimento sustentável e “contribuir para o posicionamento do concelho como um exemplo no balanço entre o património cultural e o seu património natural que se estende pelo território”, dando como exemplo os percursos pedestres de S. Torcato, Penha ou Briteiros, as Termas das Taipas e a Citânia de Briteiros, o Paço dos Duques, Castelo de Guimarães, Museus e a Basílica de São Torcato.

Apostam ainda no projeto Enoturismo, que inclui visitas guiadas às adegas com prova e compra de vinhos, participação nas atividades agrícolas e nas vindimas ou mesmo a dormida em algumas das quinta vinícolas associadas.

“Tudo isto no estrito cumprimento das mais exigentes regras sanitárias por parte dos operadores para que, para além do prazer dos sentidos, todos se sintam seguros”, conclui a autarquia.

Continuar a ler

Populares